Fanfics de Harry Potter com Sirius Black com o gênero Shoujo-Ai - Tag Gay

Death Eaters Don't Deserve Happiness escrita por rockingmutant

Fanfic / Fanfiction Death Eaters Don't Deserve Happiness
Em andamento
Capítulos 1
Palavras 3.419
Atualizada
Idioma Português
Categorias Harry Potter
Gêneros Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Slash, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
James Potter sofreu a pior decepção de sua vida após ver a garota por quem estava apaixonado, Lily Evans, beijando seu rival na Grifinória, Charles McLaggen.
Regulus Black estava machucado após ser torturado por seus próprios companheiros de Casa, por não ter pego o pomo antes do apanhador grifinório.
Duas pessoas em sofrimento que se encontraram por acaso, não esperavam a amizade que ia surgir entre elas, nem as consequências desse perigoso envolvimento.
  • 16
  • 6

Proud to be escrita por AtiadasFic

Fanfic / Fanfiction Proud to be
Em andamento
Capítulos 4
Palavras 27.465
Atualizada
Idioma Português
Categorias Harry Potter
Gêneros Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Drabble, Drabs, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
– Vencemos! – Malfoy pode escutar Rony berrar de dentro do buraco na parede e sinceramente podia imaginar o menino pulando e sacudindo a taça de prata. – Vencemos! Quatrocentos e cinquenta a cento e quarenta! Vencemos!
O coração de Draco vacilou falhando miseravelmente uma batida e lutando descompassado para assumir o ritmo normal de batimentos quando o viu. Era um pouco mais alto do que ele era agora, tinha os cabelos bagunçados para todos os lados, a cicatriz era visível mesmo com aquela juba e por trás da armação circular, podia ver claramente aquele olhos verdes vibrantes que faziam seu coração bater normalmente outra vez. ELE ESTAVA VIVO. – A cabeça de Draco rodou um pouco e o coração batia assombrado. - A salvo e risonho. Tão lindo quanto se lembrava.
  • 99
  • 33