Fanfics de Jay Park - Mais de 40 mil palavras - Tag Gray

Olhando a Vida nos Olhos (Imagine com Jay Park) escrita por aiupark

Fanfic / Fanfiction Olhando a Vida nos Olhos (Imagine com Jay Park)
Em andamento
Capítulos 42
Palavras 69.503
Atualizada
Idioma Português
Categorias Jay Park
Gêneros Ação, Aventura, Bishounen, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Seinen, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Quando se está cansada de apenas sobreviver e resolve “olhar a vida nos olhos”, a ansiosa S/n, se arrisca em uma nova forma de viver sua vida. Sem rumo ou um plano.
Por amor a dança e em busca de autoconhecimento, seu destino faz com que ela esbarre com o misteriosos Jay Park. Que se intriga com a jornada da irritante e depressiva garota.
  • 265
  • 289

YCCM Monster escrita por Oh___trouxa

Fanfic / Fanfiction YCCM Monster
Em andamento
Capítulos 28
Palavras 42.447
Atualizada
Idioma Português
Categorias CL (Chaelin Lee), EXO, G-Dragon, GRAY, Jay Park, LOCO, Neo Culture Technology (NCT)
Gêneros Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Luta, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Eu estava comemorando meus dez anos quando minha mãe trouxe aquele homem aqui em casa, ele parecia tão legal e gentil aos meus olhos naquela idade, ele ate tinha colocado um apelido em mim .. "Baekie"

Pena que ninguém me avisou sobre ele, se eu soubesse que aquele olhar que eu julgava ser gentil se transformaria em um olhar cheio de malícia..
Jay Park era o nome dele, do "Amigo da mamãe".

[SEBAEK] [HUNBAEK] [GANGUE] [MÁFIA] [TAETEN] [YUWIN] [SULAY]
  • 168
  • 194

Série Love For All Life - Incomparable. escrita por i_amka

Fanfic / Fanfiction Série Love For All Life - Incomparable.
Terminada
Capítulos 33
Palavras 41.646
Atualizada
Idioma Português
Categorias GRAY, Jay Park, LOCO, Simon D.
Gêneros Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela
Angelline Woo é uma mãe solteira que foi demitida do seu emprego dos sonhos depois que a gravadora entrou em um boato de valência, então, após enviar diversos currículos conseguiu um emprego na AOMG, a gravadora que estava conquistando o mercado musical.

Park Jaebeom enfrentou seu próprio pai para seguir seu sonho e conquistar seu próprio patrimônio.

Mal sabia ele que seu amigo fosse contratar a mulher que iria lhe ajudar a perdoar seu passado e construir um futuro.
  • 98
  • 83

Dangerous. escrita por AimeeNam

Fanfic / Fanfiction Dangerous.
Em andamento
Capítulos 29
Palavras 82.095
Atualizada
Idioma Português
Categorias GRAY, Jay Park, LOCO, Simon D.
Gêneros Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Violência
Eles são como um vulcão, grandes e quentes... E eu estou louca para me queimar.
Eles são muito diferentes.
Gênios opostos, eu diria.
Mas tem algo em comum: A liberdade. O desapego. O medo da entrega.
Eles não fazem planos ou promessas, só surpresas, me ensinaram a gostar de surpresas.
Eles são diferentes!
Dois complicados, complexos e totalmente opostos.
Mas eles tem alguma coisa que me faz voltar.
E eu, por incrível que pareça, tenho algo que não os deixa ir.

  • 355
  • 182

Must Be Love escrita por vikyyh

Fanfic / Fanfiction Must Be Love
Terminada
Capítulos 56
Palavras 317.575
Atualizada
Idioma Português
Categorias Block B, Jay Park, Miss A
Gêneros Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Policial, Romance e Novela, Violência
O amor é um ato de perdão que não tem fim...
Perdão é eu desistir do meu direito de machucar você por você ter me machucado...
O perdão é um ato final do amor...

- Qual o seu nome? - Perguntou ele sentando-se na cadeira a frente dela, a morena simplesmente assistiu ele sentar-se naquela cadeira com os olhos arregalados. - Não vai me responder? - Franziu o cenho colocando o copo sobre a mesa.

- Meu nome... - Olhou para o lado na esperança de encontrar Blake mas não teve sucesso. Desejava acordar logo desse pesadelo, aquela droga de lugar não era para ela, ela não nasceu para isso. Passou a língua nos lábios voltando a encarar o homem a sua frente antes de responder. - Emma... - Disse baixinho. - Emma Katie...

- Emma... - Sorriu largo acomodando-se na cadeira. - Seu nome é muito bonito... Meu nome é... Espera, acho que já sabe quem eu sou. - Por mais que ela saiba o nome dele não o conhecia então negou com a cabeça. - Não? Então... Prazer sou Jay Park... - Pegou a mão dela e pressionou seus lábios sobre a pele de sua mão, um leve arrepio correu nos corpos dos dois, aquela sensação de que aquilo já aconteceu antes ficou no ar, sorrindo largo ele soltou sua mão. - É nova aqui Emma? Nunca a vi por aqui. - Não querendo responder com palavras simplesmente confirmou com a cabeça. - Sabia... Nunca tinha visto uma moça linda como você por aqui, não significa que as outras não são lindas, mas você... - Mordeu os lábios, a vontade dela era de jogar aquela bebida no rosto dele, já ele a fantasiava sem roupas.

"Ninguém quer aquela história de amor perfeita mesmo...
Cliché...
Ninguém quer aquele herói que salva o dia mesmo...
Cliché...
E sobre aquele cara mau que fica bom, sim
E aquele amor perdido que é um mal-entendido
Sim, a ampulheta negra
Um brinde ao cliché em um passado obscuro... " - Beyoncé
  • 754
  • 791

Dormindo com Mr. Park escrita por JoahJay

Fanfic / Fanfiction Dormindo com Mr. Park
Terminada
Capítulos 43
Palavras 64.382
Atualizada
Idioma Português
Categorias Jay Park
Gêneros Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
[REPOSTADA]
Meu sonho desde quando eu tinha 17 anos era ira para a Coreia do Sul e ser personal trainer... Sonhava em fazer da minha vida quando eu fosse pra lá um verdadeiro drama coreano, mas com a única diferença de eu ser ocidental e negra. Meu bias supreme na época era o Jay Park. Ô menino lindo e talentoso esse! Eu tinha todos os álbuns dele baixados no celular emprestado da minha mãe. Eu dizia pra todos que eu iria para Coreia ser personal trainer pra malhar aquelas “chicken legs” dele e depois disso, me casar com ele e ter 3 filhos. Lembro-me até hoje dos meus colegas insuportáveis de classe do terceiro ano me colocando pra baixo quando eu tocava nesse assunto.

- Você não vai pra Coreia porra nenhuma, história sua...
- Você vai ser pisada e humilhada lá...
- Você vai pra varrer o chão de lá?
- Sonhar alto não custa nada né?

Eu tocava o foda-se pra tudo que era relacionado a isso... Sempre que eles diziam essas coisas, eu respondia que “tudo que eu quero, eu vou conseguir, não importa como”. Fiz cursos online de inglês e hangul, mas só aprendi a falar fluentemente o inglês e o básico de hangul. Terminei o ensino médio e fui pra universidade cursar Educação Física. 3 anos e meio sofridos e que pareciam que nunca iriam passar, aprendendo de tudo muito e gastando dinheiro que eu tinha economizado desde meus 15 anos pra fazer alguma coisa interessante na minha vida, tudo na universidade particular. Até que eu me formei. E assim começa a minha história de ida ao meu sonho. Partiu Coreia!
  • 165
  • 31

Be comfortable. escrita por PRINCESSJUNG

Fanfic / Fanfiction Be comfortable.
Terminada
Capítulos 28
Palavras 57.280
Atualizada
Idioma Português
Categorias DEAN, GRAY, Jay Park, LOCO, Simon D.
Gêneros Crossover, Hentai, Romance e Novela, Violência
Preso em um breu permanente, Simon Dominic é um homem sexy e atormentado. Consumido pela culpa, ele não vê saída para a escuridão que domina a sua vida. Sem nenhum motivo para viver, ele já perdeu a conta de quantas vezes já tentou livrar-se de sua amarga vida.
A empregada Jeon Jihye se recusa a sentir pena do seu chefe, ainda que ele seja o homem mais bonito que ela já viu em sua vida.
  • 388
  • 285

Captivity escrita por babyleee

Fanfic / Fanfiction Captivity
Terminada
Capítulos 30
Palavras 43.464
Atualizada
Idioma Português
Categorias Dok2, GRAY, HyunA, Jay Park, Simon D.
Gêneros Ação, Crossover, Hentai, Romance e Novela, Violência

Deixei-me raptar pelas incontaveis riquezas da sedução...
Fui me ofertado acampamento fortificado...
Afastadas queimaduras do passado...
Escolhidos fragmentos...

No castelo celebramos a exaltaçao de cortesias...
Promovemos gostosas anarquias...
Revelamos intençoes desejadas...
Sem ordem de resistencia...
Era a presença do milagre...

Num dia de sol escaldante...
Descobriram nosso esconderijo...
O destino cruel me libertou...

Você tornou-se prisioneira,para sempre,do nosso passado...
Eu acometido da Sindrome de Estocolmo...

Jorge Schweitzer.
  • 70
  • 65