Grupo Atlantic Palace



Grupo Atlantic Palace
Administrado por NorthernLigths
Criado
Tipo Privado
Conteúdo visivel para Apenas membros
No ano de 1890, inspirado pelas antigas circum-navegações, o explorador Francesco Vicenzo, partiu de Veneza a fim de rodear o mundo, para isso ele usufruiu do barco a vapor que estava se tornando popular na época, para projetar seu próprio navio, fazendo de tal forma que pudesse acomodar passageiros, incluindo um restaurante de alta qualidade, um salão de baile e uma sala de entretenimento, ele batizou o navio de Mare Palazzo, logo depois convidou apenas a mais alta classe da sociedade italiana para participar da viagem, a fim de ir da Europa, passando pela África, direto para Ásia e Oceania, atravessando a América do Sul e aportando em Nova York e logo depois retornar a Veneza.
A princípio a viagem correu bem, até alcançarem porém, ao chegar no Cabo da Boa Esperança, o navio passou por uma terrível tempestade e acabou naufragando.
Vincenzo, foi um dos poucos a sobreviver, ao retornar à Veneza, foi duramente cobrado pela justiça, e acabou desistindo do plano e teve seu fim na miséria.
Em 1915, outra pessoa decidiu tentar a mesma façanha que Vincenzo. O britânico Edward Debham investiu na construção de um navio de porte médio, pois temia que o navio viesse a ter o mesmo fim que o Titanic (Que afundou em 1912), e o de Vincenzo, então surgiu o Pride of the England e convidou o Rei Jorge V e sua família para participar da viagem, mas próximo a Indonésia, os negócios de Debham, acabaram por falir, o que obrigou o navio a voltar, pois não teria dinheiro o suficiente para manter a manutenção e mantimentos do navio, e o rei se recusou a contribuir, pois na época o país estava em guerra para manter a viagem e assim, mais uma vez os planos de dar a volta ao mundo não deram certo.
Porém ainda existiam pessoas que insistiam na possibilidade de um cruzeiro torno do mundo e no ano de 1960, a guerra fria estava em alta e os EUA fez uma tentativa sem de criar um cruzeiro que desse a volta ao mundo, o navio a princípio pareceu seguir normalmente seu curso, mas ao chegar na Oceania, o navio não suportou o clima tempestuoso que estava tendo na época e acabou naufragando no meio do oceano, com pouquíssimos sobreviventes, e o governo americano acabou por acobertar essa causa através de suborno à família das vítimas.
E por muito tempo essa ideia foi deixada de lado, mas no ano de 2016, quando alguns empresários europeus visavam uma forma de erguer um dos maiores e mais longos cruzeiros existentes, e depois de muito pesquisar, encontraram os registros dessas duas viagens realizadas e que poderiam ser usados como forma de planejamento, e assim seguiu o planejamento e um pequeno protótipo foi feito no mesmo ano, o pequeno Cruzeiro, seguiu com um viagem breve seguindo de continente e continente onde foram analisadas as dificuldades existentes, logo não demorou muito para se projetar um cruzeiro maior e melhor com tecnologia de ponta e proteção contra qualquer tipo de desastre que possa vir a ocorrer durante a viagem.
Logo foram mais dois anos para construir completamente o cruzeiro e agora no início ano de 2019, nasce o Atlantic Palace, que agora se encontra aberto para reservas de cabines e pronto para iniciar a primeira viagem ao redor do mundo, percorrendo os continentes e visitando suas cidades mais famosas.
Essa é a chance de embarcar em a viagem inesquecível.
Que aventuras te aguardam nesse cruzeiro?
Será que ele irá suportar toda a viagem? Ou irá ter mesmo fim que os anteriores.

Mensagens