Grupo Harry Potter RPG - A Hogwarts Wiztale



Grupo Harry Potter RPG - A Hogwarts Wiztale
Administrado por ace-, schatten, hoopyeol
Criado
Tipo Público
Conteúdo visivel para Apenas membros
Hogwarts, a escola de magia e bruxaria localizada em meados da Escócia, foi construída há séculos atrás pelos quatro maiores bruxos da época: Salazar Sonserina, Godrico Grifinória, Helga Lufa-lufa e Rowena Corvinal. Os quatro bruxos haviam percepções distintas sobre o ensino de magia na escola e por isso para a seleção de seus alunos cada um criou um requisito: para Godrico a bravura era mais importante, para Rowena a inteligência prevalecia, para Helga todos seriam bem-vindos e para Salazar só seriam dignos os que fossem de famílias inteiramente bruxas. Naturalmente os outros três foram contra Salazar, e ao saber que este estava ensinando magia das trevas para alguns alunos de sua casa, o expulsaram da escola. Passados os anos, a casa de Sonserina ficou não só conhecida por abrigar bruxos astutos e ambiciosos como também por ser responsável por inúmeros bruxos das trevas poderosos, dentre os mais notáveis: Tom Riddle, mais conhecido e temido como Lord Voldemort.

Voldemort aterrorizou o mundo bruxo mais de uma vez; após sua primeira queda graças à magia de Lílian Potter, o vilão humilhado e fraco, procurou de todas as formas retornar ao poder e reunir seus comensais, tudo com o objetivo principal de derrotar o menino que sobreviveu: Harry Potter, filho de Lílian, considerado a própria ruína de Voldemort. Mesmo anos após o ocorrido, quando ambos se enfrentaram na batalha de Hogwarts em 1998, a história novamente se repetiu e Voldemort sofreu sua última queda, deixando para trás seus seguidores fiéis que foram condenados ou mortos, uma gigantesca lista de assassinatos e o legado de um dos maiores bruxos das trevas que já pisou em Terra.

Pós-guerra, Hogwarts fora reconstruída para voltar a receber os alunos normalmente, os heróis que lutaram foram consagrados com Ordens de Merlim, o ministro da magia britânico Quim Shacklebolt restaurou a harmonia no mundo mágico, os direitos dos elfos domésticos foram finalmente admitidos, e a nova era trazia consigo uma mensagem de paz entre todos os seres vivos. Cinco anos após assumir o cargo mais alto no Ministério, Shacklebolt convocou uma reunião do Departamento de Cooperação Internacional em Magia com representantes de 12 países que concordaram em estabelecer políticas de coligação entre escolas bruxas de todo o mundo através de intercâmbios e eventos recorrentes, com finalidade de aumentar o contato internacional e manter as boas relações.

O conhecimento acerca de outros tipos de magia assustou alguns e fascinou outros. A minoria intimidada pelo novo contato estrangeiro resolveu cobrir o medo com uma máscara de arrogância, dizendo que sua nação era superior e que por isto os mesmos tinham direito de controlar as demais ao invés de coexistirem tranquilamente. Felizmente a minoria continuou sendo minoria, pois as pessoas não queriam mais saber de motivos para começar uma nova guerra, e conforme o tempo foi passando, mais essa ideia absurda de subjugar outras nações foi sendo deixada de escanteio — era o que se pensava, pelo o menos. Alguns indivíduos mantiveram fielmente seu pensamento e arquitetaram planos por debaixo dos panos durante vários anos, esperando um estopim, um momento certo para aplicá-lo e hoje, no ano de 2028 quando se passa nossa história foi escolhido como o momento perfeito para agir.

Atualmente em Hogwarts onde nosso RPG se passa, os alunos tem se preparado para as N.O.M.S (Níveis Ordinários em Magia), jogado quadribol, vivido e estudado normalmente, sem notar que uma pequena semente do mal fora plantada na escola e os observava desde então, esperando para agir. Agora, os alunos do quinto ano precisarão ser fortes e resistir à ameaça ou quem sabe juntar-se a ela, no fim tudo dependerá de suas escolhas enquanto jogador e personagens desta trama.

“São as nossas escolhas que revelam quem realmente somos, muito mais do que nossas qualidades” - Alvo Dumbledore

GRUPO ATIVO

Mensagens