Tópico A fama de difícil do idioma russo

1 Respostas

Tripa_Seca

Usuário: Tripa_Seca

Sempre escuto por aí que a língua russa é uma língua de difícil aprendizado. Eu estudo o idioma já faz três anos e pretendo um dia dar aula de russo. O que vocês acham a respeito disso?? Vocês acham que essa fama é infundada ou tem uma pontinha de verdade??
O meu professor de russo me contou que os alunos dele penam muito com a declinação (o russo tem seis casos de declinação: nominativo, acusativo, dativo, genitivo, preposicional e instrumental), algo que eu não tive. Declinação é algo que o português só tem nos pronomes. Eu diria que o russo de fato tem muito detalhe e é um idioma que exige muito mais da cabeça da pessoa que idiomas como o espanhol, o inglês ou o francês (e lembro também que uma vez meu Šifu me contou que o aprendizado de idiomas, principalmente idiomas com declinação e/ou que usa escrita diferente da nossa como o alemão, o russo, o tcheco, o servo-croata, o húngaro, o polonês, o mongol, o coreano, o chinês e o japonês é uma das coisas que mais ajuda a trabalhar o cérebro de uma pessoa). Para começo de conversa utiliza uma escrita diferente da nossa (o cirílico), tem as seis declinações, a questão do verbo perfeito e imperfeito, entre outras. E que também exige muita aplicação da pessoa que quer aprender e que ela precisa fazer sua parte em casa. Pelo menos essa é a impressão que tenho.

Kyokkko

Usuário: Kyokkko
Tommy
Administrador do Grupo
Fiz um módulo de russo na USP e eu achei bem difícil e o meu problema nem é com o alfabeto cirílico e sim as declinações mesmo que eu acho muito complicado de entender e dominar as regras.
E concordo que idiomas que usam um sistema de escrita diferente exigem mais do cérebro, lembro que quando eu estudava russo sentia meu cérebro se ativar mais diferente do que acontece no estudo do inglês e fora a disciplina que tem que ter com o idioma russo, acredito que seja necessário empenho ao dobro.
Enfim, tenho vontade de voltar a estudar novamente mas não sei quando poderei dar continuidade.