Grupo Saint Seiya: Néa Archí



Grupo Saint Seiya: Néa Archí
Administrado por Nightstark
Moderadores Aiatsu
Criado
Tipo Privado
Conteúdo visivel para Apenas membros
Local desconhecido; 27 de outubro, 2234.

Quando crianças, ouvimos os contos e lendas dos tempos antigos, uma época de paz e prosperidade onde as pessoas caminhavam nas ruas livremente, sem se preocupar com a destruição, com a guerra, com a desgraça. Antigamente, os deuses eram ídolos de esperança e inspiração, levando as pessoas à atos de bondade e solidariedade entre seus próprios. Eram tempos mais simples, sem armas ou armaduras enfeitando o corpo dos soldados. Não sabemos muito sobre o desastre, apenas que ele nos atingiu como nada visto anteriormente. As cidades e as pessoas foram varridas pela catástrofe, restando apenas cascas e ruínas. Desde então, houve apenas sangue e ódio.

Primeiro, o Culto à Máquina, esbravejando seus ideais por um mundo frio e arrogante, onde não havia distinção entre máquina, humano e divindade. Eles conquistaram o mapa de leste ao oeste, esmagando quaisquer um que aparecia em seu caminho sem consideração ou misericórdia, enviando os opositores para instalações terríveis. Levaram décadas para a Nova República pará-los, erguendo bandeiras vermelhas de liberdade, igualdade e fraternidade, que recaíram por todo o oriente até o limiar das defesas da facção tirana, quebrando seus territórios e glórias. Ah... Suponho que esteja ficando um pouco parcial, me desculpe. Realmente acredito que havia bravura e determinação na antiga Nova República, mas hoje apenas ratos correm pelas altas hierarquias dela. Chamá-la de “democrática” não passa de uma piada sem-graça. Por fim, dos restos, a Ordem Clássica recolheu os refugiados e desesperados, levando-os para além do norte e montando civilizações baseadas em respeito e conservadorismo. Um método de controle discreto, mas não muito diferente da... Estou fazendo de novo, força do hábito.

Me reluto em falar da Vanguarda, pois ela é um pouco desinteressante, mas tenho uma promessa a cumprir. Inicialmente, ela trouxe tempos de falsa paz e prosperidade, utilizando o Oriente Médio como ponto de encontro para que as outras facções negociassem livremente, sem temer ataques furtivos ou assassinatos. Porém, cada vez mais, ela tem adquirido independência, dominando o antigo território e clamando poder individual. Atos de ganância como esse me fazem questionar se uma vez a humanidade realmente foi capaz de viver em paz, como as histórias contam.

Ah, tenho que ir. Ouvi passos se aproximando.
Espero que esteja aqui para me ouvir na próxima noite.

– Fragmentos de um diário desgastado, encontrado nos aposentos do antigo monarca.

Erga a bandeira por sua facção em Saint Seiya – Néa Archí, trazendo o mundo clássico de Cavaleiros do Zodíaco em uma ambientação pós-apocalíptica e misteriosa, visando expandir o mangá de Masami Kurumada para fronteiras nunca antes exploradas. Escolha uma armadura e desenvolva um personagem único baseado em suas decisões, moldando o destino da história com suas ações. O clima tenso entre as facções indica uma guerra iminente, e cabe somente a você definir o futuro dela.
Grupo do Discord: https://discord.gg/uAQE2ws

Mensagens