História ~ Dor no peito ||FRANS|| - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Doggo, Flowey, Frisk, Grillby, Muffet, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne
Visualizações 183
Palavras 771
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Magia, Orange, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


GENTE TO SEM CRIATIVIDADE
DAI PROVAVEL QUE FIQUE UMA MERDA ;-;
ME DEEM IDEIAS PLS;-;
AMO VCS sz

Capítulo 19 - ~ Trabalho


Fanfic / Fanfiction ~ Dor no peito ||FRANS|| - Capítulo 19 - ~ Trabalho

//P.O.V FRISK\\

Compramos o que queríamos e fomos para casa.

Tenho a impressão que Authentica me odeia ;-;

Devo perguntar?

E se ela me matar? Ou pior? Ta, não tem como ser pior que isso eu acho...

Fico um tempo juntando coragem para pergunta-la.

Me aproximo.

Ela me encara e da um sorriso, que mostra seus grandes dentes (acho q eh isso ;-;)

-a-a-authentica..? - Eu falo nervosa. 

- eu, oi. - Ela diz se virando para mim.

- V-você me odeia...? - Eu falo brincando com as mangas do meu moletom de vergonha. Ela sorri.

- Por que odiaria? - Ela fala fechando seus olhos e inclinando a cabeça para a direita.

- Não sei... Parece que você me fuzila com os olhos... - Eu abaixo a cabeça.

- ah... Bom... Eu acho que tenho esse olhar... Não da pra evitar... - Ela diz ainda sorrindo.

- eu.. Eu nunca falei muito com você.. E isso que moramos na mesma casa e tal...

- Olha só Frisk, eu não te odeio, não odeio ninguém, ainda... - Ela fala colocando a mão no meu ombro 

- .... Amigas..? - eu falo corada 

- cafeterias/la me abraça.

Nunca pensei que uma vampira que se alimenta de sangue fosse abraçar um humano tão indefeso como eu sem problema algum...

Me sinto mais segura.

//P.O.V LAIWILL\\

Frisk e Authentica se abraçaram.

- HEY! PAREM DE SE PEGAR! GRR! - Eu grito e elas se assustam.

- Cala a boca Laiwill, tu sabe que eu to com o...- Eu a interrompo.

- na verdade o Sans não te pediu em namoro... Né? - Eu falo deitada no sofá.

Frisk abaixa a Cabeça e cora.

- Ah, calma, ele vai pedir - Eu falo tentando acalma-la.

Ela começa a chorar.

MEU DEUS SOCORRO O QUE EU FAÇO?!? PORRA! CARALHO! SOCORRO!

- E SE ELE APENAS QUER TER ALGUEM PARA FAZER SUAS... TARADISSES? - Frisk grita.

- N-não velho... Ele te ama de verdade, da pra notar... - Authentica diz. 

- C-COMO?! - Frisk começa a chorar mais.

- EU... EU LEIO OS PENSAMENTOS DELE! - Authentica grita, tudo fica em silêncio.

- Você le mentes? - Frisk limpa suas lágrimas, ainda de cabeça baixa.

- Sim... Pense em algo!

- o-ok... - Frisk fecha os olhos e depois da um sinal positivo com a cabeça.

- Que aleatório.. Você pensou em...batata?! - Authentica diz rindo.

Frisk se alegra e Começa a rir também.

Ufa.

Eu corro ate Frisk e a abraço.

- Não se preocupe Frisk, não deixarei nenhum mané se aproveitar da sua bondade.- eu me ajoelho ao seu lado. 

- Meninas... Obrigada... Vocês são incríveis! - Frisk sorri e suas lágrimas tristes se tornam de felicidade.


Quebra de tempo\\

//P.O.V SANS\\

Conheço Frisk a muito tempo, gosto dela desde que a conheci. Nós já tranzamos e eu ainda não tive corajem de a pedir em namoro.

Cara... Eu sou um lixo... ( sans me representando aqui)

- É HOJE QUE EU PERCO ESSA VERGONHA FILHA DA PUTA! - Eu grito por impulso.

Droga, eu sou retardado.

Eu saio do meu quarto e vou para a sala. Lá está Frisk. Meu coração dispara.

- F-frisk.. Podemos conversar...? - Eu falo totalmente corado e com vergonha.

- Claro! - Ela vai ate mim.

- Vamos subir... - Eu seguro sua mão e a levo até meu quarto.

... 


- o que Houve Sansy?  - Ao ela me chamar assim, automaticamente eu fico excitado.

- Frisk.. E-eu... Eu.. Anh.. - Eu não consigo falar.

FALA SANS! FALA LOGO PORRA! 

- EU TE AMO FRISK! NAMORE COMIGO! - Eu grito sem energia e Caio no chão de tanta vergonha.

- wow... Não sabia que um "marmanjo" como você era tão envergonhado. - Frisk diz sorrindo e indo ate mim.

- Eu te Amo Sans... Eu.. Eu aceito - começa a sair lagrimas De olhos de Frisk, nós coramos.

Finalmente estou com que eu amo.

Eu a abraço e lágrimas também saem de mim. Eu beijo sua testa.

- Eu te amo - Eu sussurro em seu ouvido.

Ela da um sorriso e limpa suas lágrimas.


......



//P.O.V LAIWILL\\

Eu acho que podia trabalhar em algum lugar... Para ter dinheiro e ajudar Sans e papyrus nas contas ( e também para comprar Cosplays e mangas)

- Papy, onde eu arrumo um emprego? - Eu pergunto manhosamente para ele.

- hmm.... Acho que tem empregos em cafeterias/restaurantes personalizadas.. - ele fala Com uma colher de pau na mão.

- "Personalizada"? 

- sim.. Tem que usar umas fantasias estranhas... - Ele fala Fazendo uma expressão de curiosidade.

- fantasia tipo... Se fantasiar de Pirata e tals? 

- não, não.. Coisa de anime eu acho.

- MEU DEUS ONDE FICA ESSE PARAÍSO?! 

- depois Eu e Sans te levamos para lá, alias acho que você quer ajudar, e o minimo que eu posso fazer, é te dar carona ou companhia.

- Wow.. Obrigada papy - Eu sorrio.


Enfim, em busca de um trabalho..

Espero que me aceitem ;-;












Notas Finais


APROVAM A IDEIA DO TRABALHO?!
POSSO ME MATAR? POSSO
BGD DND


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...