1. Spirit Fanfics >
  2. -Hokaiquen- >
  3. Capítulo 1 (O encontro)

História -Hokaiquen- - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Ah bem é a primeira história que posto na internet como disse na introdução haha não sei se alguém vai ler ela ou não, e estou morrendo de vergonha de postar claro haha, mas de qualquer forma deixarei ela salva aqui para não esquecer dela ou perder ela, bem fiquem com a história agora. E uma Ótima leitura >;3

Capítulo 2 - Capítulo 1 (O encontro)


-Introdução Do Capítulo-

Yuri dês de quando ele era pequeno, percebeu ver coisas diferente das outras pessoas, monstros e outras coisas sem explicação, os médicos disseram que era apenas imaginação de criança, mas Yuri nunca parou de ver essas coisas... as vezes á noite em seu quarto estudando ele via monstros correndo por cima dos telhados das casas e sumindo em meio a escuridão da noite, Yuri cresceu como uma criança normal, ele aprendeu que não deveria comentar sobre isso com ninguém, pois zombavam dele e faziam Bullying com ele. Yuri vive com sua mãe Akeori, seu pai morreu antes dele nascer, sua mãe o criou sozinho...

 

Yuri marcou de se encontrar com seu melhor amigo em um shopping muito conhecido na região, mas acabou indo dormir muito tarde ontem á noite...

Akeori - *Grita da cozinha* Yuri acorde você está atrasado para encontrar o seu amigo.

Yuri- *Cai da cama* Aiih [...] O que! Mas... ahnw... que horas são...? *Yuri pega seu celular* e vê o relógio 13:47 [...]

Yuri- Mas o que! Eu estou muito atrasado, era para eu encontrar ele a meia hora atrás Ahh! ele vai me matar!

 

 Yuri escolhe as roupas com cuidado um shorts com estampa camuflada, uma regata, e uma blusa de frio, coloca em cima da cadeira e entra no banheiro, retira sua cueca boxer e entra no chuveiro, liga e deixa a água quente acordar ele e o relaxa mas se lavando rapidamente pelo fato de estar atrasado, depois de acabar o banho desliga a água. Yuri para por alguns segundo se apoiando na parede tomando folego e pensando um pouco, pega a toalha e se seca de cima para baixo, e pulando rapidamente para fora do banheiro para seu quarto. Ao se vestir ele saiu correndo, descendo a escada quase que pulando ele, sua mãe o encara com os braços cruzados esperando algo de seu filho, Yuri corre até ela e a abraça falando “Eu te amo mãe” sua mãe diz que ama ele e faz um cafuné mas logo ele sai correndo pela porta em direção ao shopping, em quanto corre pelas ruas pega seu celular em curtos períodos de tempo vendo o relógio e fala repetidas vezes “Estou Atrasado, Estou atrasado [...]”

 Ao chegar no shopping foi até o ponto de encontro e viu teu amigo sentado na praça de alimentação esperando ele e comendo batatas fritas, Yuri vai até seu amigo e se sentar na cadeira a frente que está livre, um silencio beira o local [...] Mas logo Yuri decide puxar uma conversa com seu amigo.

Yuri- Hey... o..oi.. Iozui, Desculpe meu atraso...

Iozui- Oi Yuri, relaxa eu já sabia que você ia se atrasar então pedi batatas fritas, aliás quer um pouco?

Yuri- Claro *pega uma batata e come, continua repetindo o processo* Então você ouviu que o senpai se machucou? ele quebrou a perna por que tentou salvar um gatinho de rua de ser atropelado *Fala de boca cheia*

Iozui- é ouvi falar sobre, mas como está há Akeori-Kun? Ela parecia muito estressada, por causa que o festival dos meteoros está chegando e está saindo muitas encomendas de buques de flores, você devia ajudar a sua mãe não acha Yuri? falando nisso eu te chamei para encontrar comigo hoje para te fazer um pedido...

Yuri- Ela está bem ela não está cansada, eu tentei ajudar mas ela recusou falando “que jovens deviam se divertir”, e o pedido por que não continuou? está se sentindo bem?...

[...] Em quanto os dois ficam em silencio por um breve período de tempo, Yuri vê dois “monstros”com capuz e panos marrons na praça de alimentação indo para a escada rolante e descendo para andares inferiores, ele apenas ignora como de costume...

Iozui- E-é que eu q-queria.. saber... *segura as mãos na blusa de baixo da mesa e soando frio* Você quer ir ao festival dos meteoros C-comigo..?!

Yuri- Oh amigo mas é claro que eu vou com você! Afinal você é o meu melhor amigo certo*fala sorrindo*

A conversa foi interrompida por tremores fazendo o shopping se abalar e gritos se iniciaram e pessoas correndo para as saídas mais próximas.

Iozui- * Iozui grita com o Yuri* Yuri vamos rápido, está acontecendo um terremoto! precisamos sair agora!

 Yuri não ouve seu amigo, decide seguir os “monstros” que viu mais cedo, ele foi até as beiradas assim dando para ver os andares inferiores que logo avistou os “monstros” que viu descendo, brigando no primeiro andar e a cada colisão com a parede avia um tremor, e então ele se dirigiu para a escada para descer até o local que estava os dois monstros lutando. Seu amigo o segue tentando o impedir com tentativas falhas e sendo emburrado para longe.
Ao descer aonde os monstros se encontram Yuri abre a porta lentamente e se depara com dois monstros discutindo. Um urso e um tigre... seu amigo logo chega sem fôlego de tanto correr atrás de Yuri.

Iozui- *segura o braço de Yuri* Yuri me escuta está acontece...ndo um terremoto temos..... que sair do shopping ....AGORA!

Tigre- Interessante humanos aqui em baixo isolados, porque não tentarmos algo novo? quem matar o humano mais rápido ganha oque acha. Só pode dar um único golpe de cada vez.

Yuri escuta o tigre falando isso e tremulo e assustado grita com os dois animais “V...vocês não faram isso feras imundas...” Seu amigo fica confuso e pergunta para ele “Yuri você está bem? com quem está falando?!”

 Os “monstros” ficam surpresos pelo Humano conseguir ver eles e ouvir, mas sem dar tempo de reação eles correm na direção de Yuri e Iozui e o Urso cinzento da uma patada em Yuri o fazendo bater com força na parede, ao Iozui ver a cena do seu amigo sendo jogado contra a parede por nada, o fez entrar em estado de choque ficando paralisado... e falando “Y..y..Yuri...” o Iozui sai da paralisia e corre para tentar ajudar seu amigo que está inconsciente, mas é pego no meio do caminho pelo tigre que o pega pelo pescoço, Yuri fica inconsciente mas em sua mente se depara com algo falando com ele, uma voz firme que lhe dava medo mas com tudo lhe dava conforto e segurança, e das sombras da sua mente um grande cachorro aparecia para ele.

Cachorro- Mestre *se ajoelha na frente de Yuri* meu nome é Yraikyn sou teu servo e estou aqui para te proteger.

Yuri- Ahnw... Mas.. o..oque?... p-prazer... Yraikyn Mas o que é você? O que está acontecendo...?

Yraikyn- Explicarei tudo o que eu sei para o senhor, se sairmos com vida, mestre estamos em uma situação de perigo e você está inconsciente, e seu amigo está sendo enforcado enquanto estamos aqui, preciso controlar teu corpo mestre se quer salvar teu amigo deverá confiar em min e me dar permissão para controlar teu corpo, sem tua permissão não poderei utilizar seu corpo e nem te ajudar.

Yuri- Mas como posso confiar em você é como um deles... uma fera imunda ... espera você disse... enforcando meu amigo...

Yraikyn- Sei que não confia em min mestre, mas se não for rápido seu amigo irá morrer e logo depois será o senhor então não temos muito tempo...

Yuri- T...Tudo bem controle meu corpo mas quero lhe pedir uma coisa, salve meu amigo em segurança e me salve também eu não quero morrer...

Yraikyn- Mestre prometo ser cuidadoso com teu corpo e salvarei teu amigo e o senhor mestre* se levanta e coloca a mão no rosto de seu mestre e seca a lagrimas de desespero dele* acalme-se mestre tudo ficará bem.
Yuri- [...]

-Fora da mente de Yuri-

Urso cinzento- Acho que eu matei o meu em um só tapa... que chato, mas acho que ganhei!

Tigre laranja- *Ainda enforcando o Iozui, Vira o rosto com raiva* Droga! o meu se recusa a morrer...

Yuri se levanta emanando poder de seu corpo aumentando gradativamente, seu corpo em instante começa a mudar e se transforma no Yraikyn os “monstros” ficam assustados ao ver a transformação e o tanto de poder que emanava de seu corpo,Yraikyn já controlando o corpo da uma investida chegando perto do tigre e o da um golpe o fazendo ser lançado contra a parede e ficando Inconsciente, segura o Iozui no colo já inconsciente, o urso cinzento tente o golpear sendo bloqueado e levando um golpe bem no peito o fazendo ficar sem ar por instantes. Yraikyn foge do do local o mais rápido possível, ele se esconde, mas percebe que o Tigre e Urso estão procurando por ele, Yraikyn se afasta do local sem ser notado pelos dois animais enfurecidos, está perto do por do sol, yraikyn sobe em uma casa e fica de pé no telhado vendo o sol descendo no horizonte.

Yraikyn- Mestre o que devo fazer agora?

Yuri- É melhor a gente ir para casa... antes que os dois nós encontrem.

Yraikyn- Mestre mas e teu amigo o que devo fazer com ele? [...]

Yuri- Uhm... Será melhor ele vim para minha casa.

Yraikyn- Como queira mestre..

Yraikyn se dirige há casa de seu Mestre, em quanto a lua crescente subia e iluminava sutilmente seu pelo com as primeiras estrelas surgiam no céu, ele chega em casa e entra pela janela escondido, coloca lentamente o garoto na cama, acaba esbarrando em algumas moveis e fazendo barulho[...]

Akeori- Filho é você?! *Sobe a escada correndo*

Yraikyn- *Veja a porta fazendo ainda mais barulho* [...]

Akeori- Filho abra a porta por favor! preciso saber se esta bem... Yuri!? *gira a maçaneta incessantemente* filho sei que está me ouvindo me responda... por favor abra a porta *Começa a chorar de preocupação*, eu ouvi na televisão o que aconteceu no shopping, preciso saber se está bem! então por favor abra essa porta...

 Yuri dentro da mente conversa com o Yraikyn.

Yuri- Yraikyn coloque o Iozui na cama e o esconda com o coberto, depois me transforme de volta em humano por favor...

Yraikyn- Compreendo Mestre.

Quando yraikyn termina de colocar o garoto na cama e o enrolar na coberta ele começa a emanar poder novamente uma fumaça branca azulada se formando em volta dele, o Yuri volta meio confuso com tudo o que aconteceu com ele hoje, abre a porta devagar e na  brecha que se formou mostrava sua mãe preocupada e chorando, ele sai do quarto e fecha a porta atrás dele, ela o abraça sem piedade perguntando se ele estava bem seu rosto estava todo molhado de lagrimas, ela fica abraçada com ele por um longo período de tempo e quando o solta pede para ele escovar os dentes e ir dormir ela seca as lagrimas e se levanta faz um cafuné em seu filho antes de ir para o seu quarto aliviada, ele faz oque ela pediu mas ao ir para cama se lembra de seu amigo, que estava ali então Ele pega um saco de dormir antigo e o coloca no chão, se deita nele e fica olhando para o teto e refletindo sobre o que avia acontecido naquele dia confuso. Acaba começando uma conversa com aquele grande cachorro que está em sua mente.

Yuri- Então... Yraikyn né...?

Yraikyn- Isso mestre

Yuri- porque me chama de mestre? e o que exatamente você é, e quem eram aqueles no shopping.

Yraikyn- É porque o senhor é o meu mestre, eu sou um Hokaidan na verdade você é um Hokaidan, uma raça quase extinta bem acho que você é o último, e sobre aqueles dois são criaturas inferiores aos hokaidan são zyrin. Não se preocupe com eles se tentarem algo de novo prometo elimina-los mestre.

Yuri- Bem... acho que entendi... um pouco? espera você disse eliminar? não, não eu não vou elimine ninguém.

Yraikyn- mas mestre se não eliminar-los eles eliminaram o senhor é isso que quer?

Yuri- Não eu Ahhm não quero morrer, droga porque essas coisas sempre acontece comigo *suspiro* acho melhor eu dormir resolvo isso amanhã, então... boa noite Yraikyn...

Yraikyn- Boa noite mestre.

Yuri acaba pegando no sono e tem um pesadelo, em que está em um lugar escuro e vê aquele urso e tigre correndo atrás dele, ele acaba se escondendo em baixo de uma mesa mas quando olha para trás para se levantar o tigre está lá esperando e abre a sua boca e o da uma mordida... e o sonho acaba...

 


Notas Finais


Muito Obrigado quem chegou a ler até aqui, sei que a história não está muito boa mas tentei fazer ao máximo.... e tentarei fazer o próximo capítulo em breve. Obrigado e até a próxima fofos ;3

-Kaizin s2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...