História - Indestrutível - Park Jimin - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Personagens Originais
Tags Blackpink, Bts, Exo, Got7, Twice
Visualizações 12
Palavras 897
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, LGBT, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, prazer conhecê-los e uma boa leitura.

Obs: Isso não é para incentivar ninguém, aliás, se quiser desabafar, conta comigo! <3

Capítulo 1 - - Capítulo 1, Apresentação. -


Bom, prazer.

Me chamo Park Sun, tenho 15 anos, sou estudante, isolada, triste, sem amigos, e sem uma família, não sou orfã, mas sim sem a miníma atenção que eu deveria ter/receber de meus pais. Eu não confio em ninguém, não demonstro sentimentos por ninguém e não sinto nada, eu me machuco, por ninguém me querer por perto, por ninguém gostar de mim, por não ter ninguém em quem confiar ou pedir tal ajuda, por simplismente eu existir.

Isso não me alivia, para saberem, mas me ajuda a ''esquecer'' os problemas por segundos, nem que seja por míseros segundos. Eu mesma não gosto de mim, por que alguém gostaria, não é?

Na minha escola, eu sou a ridícula, a esquisita, a menina frágil que vive chorando, as vezes saco de pancadas por umas patricinhas nojentas, e por ai vai, mas o que eu mais me indentifico é: ''Você é um lixo.'', sabe eu até concordo. Eu passo por vários problemas em casa, sou maltratada pela família, pelo povo da escola, por todo mundo. Nunca fui de fazer amizades ou qualquer coisa do tipo, eu desabafo mais no Twitter, é o meu diário público. 

Bom, eu sou coreana, como falei tenho 15 anos, moro em Seoul-Coreia do Sul. Tenho cabelos até o ombro, são castanhos, meus olhos são castanhos, sou baixa, não muito, mas sou, não sou oferecida, até por que como devem ter percebido sou mais na minha, e sou magra com o corpo definido. Eu só tenho isto a falar, então vamos lá, para a emocionante e horrível vida de Park Sun.

 

                                                                                   -------------------------

POV'S PARK SUN

O despertador toca e eu o desligo, colocando as mãos no rosto para esfregar os olhos, abro os olhos devagar tentando me acostumar com a claridade, me levanto e vou para o banheiro, me despido e entro no chuveiro, lavo os cabelos e meu corpo, quando termino saio do box e pego a toalha, me seco e me enrolo, voltando ao quarto.

Vou direto ao guarda-roupa pegar qualquer peça, acabo por escolher uma calça jeans preta rasgada no joelho, uma camisa de mangas compridas como sempre, por que afinal, ninguém sabe que eu me corto, então novamente guardo as coisas para mim. Pego a camisa que é branca, coloco-a e pego meias, coloco-as e pego um tênis preto, arrumo os cabelos e arrumo a mochila, logo descendo as escadas, encontrando os seres humanos desprezíveis que eu chamo de pai, mãe, e irmã.

Passo e não dou um ''bom dia'', pego uma fruta e logo saio de casa, e como sempre, eu nem fui notada, parece que foi um fantasma que passou ali. Sigo o caminho para a escola, quando chego na mesma entro, e pela primeira vez as pessoas não tinham olharespara mim para me desprezar, e sim em um novo aluno, não me dei o trabalho de olhar quem era e apenas segui o caminho para sala.

Chegando na mesma, sentei em minha classe no fundão e esperei o professor chegar, ele chegou acompanhado de um novo aluno, deve ser o que as patricinhas da escola estavam babando quando entrei. 

Olhei para o professor e para o novo aluno, ele era realmente bonito, seus lábios carnudinhos e sua pele aparentava ser macia, seus cabelos em um tom de castanho escuro, seus olhos eram escuros e seu sorriso era lindo, desviei o olhar dele para o professor, que agora iria apresentá-lo a turma, cada um na sala tinha sua dupla, menos eu, Lisa e Dahyun, ficaram sem dupla por que brigaram e nenhuma queria ficar comigo, aliás, nem eu com elas.

- Bom dia alunos - O professor faz uma reverência para nos comprimentar. - Este aluno se chama Park Jimin, Ele é novo na escola então peço que o respeitem, ele irá escolher uma  dupla, e como há somente três meninas ele escolherá, uma de vocês, Park Sun, Lisa, ou Dahyun. 

Park Jimin, observou as três assim que o professor apontou para nós, Lisa estava quase mostrando os peitos para ele escolher ela, Dahyun sorria, e eu estava séria, como sempre o olhando, afinal, sem sombras de dúvidas que ela não me escolheria.

- Então Jimin, com quem irá fazer sua dupla? - Pergunta o professor.

- Vou faezr com a Park Sun. - Ele diz olhando para mim, eu apenas levantei os olhos e ele sorriu, ele era lindo. Meus colegas ficaram de boca aberta ao ouvir, mas estava demorando para ninguém reclamar.

- Isso é inadimissível. - Diz Lisa a revirar os olhos, Jimin ri.

- Tem certeza que quer ela? ela não dá uma palavra com ninguém, é estranha, um lixo. - Dahyun comenta rindo e Lisa a acompanha. Eu apenas reviro os olhos para segurar as lágrimas.

Jimin olha incrédulo para as duas garotas, vem em minha direção e se senta ao meu lado,ele olhou para mim e sorriu, dei um pequeno sorriso e prestei atenção na aula.

Eu me surpreendi, como alguém me escolheria? ele concerteza vai ser que nem outras pessoas, me ignorar depois, não dúvido.

                                                                                       -------------------

POV'S PARK JIMIN

Eu mesmo fiquei chateado com as coisas que diziam da garota, não iria me sentar com uma menina quase tirando a blusa, e nem com a que sorria piscicopata. Gostei da Park Sun, podemos virar amigos por mim.

Parei de olhá-la e prestei atenção na aula, no intervalo irei tentar falar com ela.


Notas Finais


Foi isso, tá um coiso bem ruim, mas ao longo talvez melhore, obrigado por ler até aqui. Até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...