História -Instagram- Vkook - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7, Pentagon (PTG)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V)
Tags Amor, Instagram, Vkook
Visualizações 151
Palavras 1.166
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Hentai, Lemon, LGBT, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 17 - Muitas coisas sem necessidade



Th》 Eu preciso ir, não vou mais conseguir ficar aqui, não se preocupe, se eu ficar bem rápido, talvez eu volte, tudo bem?

Jk》 Você promete que vai tentar melhorar? Promete que vai conseguir voltar logo?  - Diz já com lágrimas nos olhos.

Th》 Eu vou tentar, agora eu preciso ir.

Jk》 Tudo bem.

Taehyung vai pro quarto, e pega suas coisas, e vai até Jungkook, lhe dando um abraço apertado, e logo se despedindo, tadinho, só está confuso, não tinha a intenção de deixar o moreno sozinho ali, mas também precisava de um tempo para si, o que o moreno fez não é uma coisa que qualquer um vá perdoar assim tão facilmente, Tae está tentando ser legal com o mesmo, pois sabe que não foi de propósito.

Mal sabe o mesmo que não o veria de novo, ele não ia simplesmente ir pra casa e ficar lá chorando, não seria tão bobo ao ponto, o plano do mesmo foi confirmado na hora em que o moreno o deixou ir, e disse "tudo bem", ele ainda tinha esperanças de que o mesmo pedisse para o mesmo ficar, mas não foi isso que aconteceu.

O mesmo chegou em sua casa, não viu sua mãe, uma hora perfeita, foi em seu quarto, pegou uma mala grande, botou tudo que seria necessário, tomou um banho, vestiu-se, pegou sua mala, seus passaportes, chamou um taxi, o mesmo chegou em 10 minutos, o menor entra, direto para o aeroporto ele vai, desce do taxi, entra no aeroporto, a saída de seu voo é avisada, o mesmo embarca, senta em sua poltrona, se aconchega, e a acaba por dormir.




{...}




° Uma semana se passa °


Sra.kim》 Como assim não o acharam? Vocês tem que o achar, o meu filho está em algum lugar, e vocês têm o dever de encontrá-lo! - Grita a mulher no celular, enquanto o moreno fica sentado no sofá chorando rios, por incrível que pareça, por uma semana ele chora, suas lágrimas por algum motivo não se cessam.

Sra.Kim》 Tudo bem, eu vou tentar, até mais - A mesma encerra a chamada - Fique calmo, vamos acha-lo.

Jk》 A senhora sabe muito bem que a culpa é minha, por que eu sempre faço as pessoas se afastarem de mim? Como eu sou burro, eu deveria morrer - Se culpa.

Sra.Kim》 Não fale isso, vai ficar tudo bem, ele só precisa esfriar a cabeça, mas podia pelo menos nos contar a onde ele faria isso, mas se ele falasse aonde iria não seria Kim Taehyung - Ri boba.

Jk》 Eu preciso ir, eu vou..tenho que ir, fazer uma coisa - Se levanta.

Sra.Kim》 Tudo bem, qualquer coisa o avisarei - Abraça o mesmo.

Jk》 Obrigado Sra.Kim, eu a amo.

Sra.Kim》 Eu também te amo meu em breve genrinho - O garoto sorri grande, e desfaz o abraço, segue até a porta, abrindo a mesma, acena uma última vez para a mais velha que retribui, o mesmo sai, e fecha a porta atrás de si, seu objetivo agora é ir em seu lugar favorito desde que chegou a Seul, a ponte.

O mesmo segue até lá, chega na mesma, se senta na beirada, enquanto pensa um pouco, morrer triste ou viver acabado? Não sabia qual era a pior,  pelo menos o Kim arrumaria alguém melhor para si.

Um leve impulso, e o mesmo cai, e vai parar no fundo, que não era tão fundo assim, mas o que o mesmo não esperava era que um menino havia gravado a cena, na mesma hora que o viu caindo, correu até a beira para olhar se o mesmo estava bem, ligou rapidamente para a ambulância, que rapidamente chegaram, acharam um jeito de descer, e começaram a preoucura pelo garoto, nisso, já havia diversos curiosos em volta, até mesmo repórteres.



° Bem longe de Seul °


"Últimas notícias, um jovem foi encontrado no Rio **** em Seul, o jovem que aparenta ter 17 anos, é encaminhado agora para o hospital, acabamos de saber que o jovem se chama Jeon Jungkook [foto], que provavelmente está em caso grave, voltamos já"

Th》 Não! Não....não pode ser...não é ele não é, não pode ser, JÃOGUKK.....

O jovem desesperado, arruma suas malas, e sai imediatamente do hotel, ainda em lágrimas, tremendo, e com a cabeça a mil, o mesmo pega um táxi, para o aeroporto, por sorte consegue o pegar seu voo.




{...}




Taehyung chega em Seul, corre para pegar um taxi, o mesmo decidi ir direto para o hospital, chegando lá, se depara com sua mãe e a Sra.Jeon em prantos.

Sra.Kim》 Filho? - A mesma corre para o abraçar - Por que fez isso meu Filho? Por que? Ele estava sofrendo.

Th》 Me desculpe omma, eu não queria que isso acontecesse, eu só precisava seguir minha vida e o deixar seguir a dele, mas aqui não dava, me desculpa.

Sra.Kim》 Tudo bem meu Filho, tudo bem, não se preocupe, vai ficar tudo bem - A mesma se desfaz do abraço.

Th》 Sra.Jeon, eu sinto muito, desculpe-me, eu sou o culpado disso tudo, me desculpa - Se ajoelha.

Sra.Jeon》 Não foi sua culpa, levante-se, e me de um abraço - O mesmo faz o que a mais velha pediu - Vai ficar tudo bem, ele vai voltar pra casa, e vocês poderam se entender.






{...}




Médico》 Responsável por Jeon Jungkook - Diz o homem.

Sra.Jeon》 Sim doutor.

Médico》 O paciente não corre risco, podem ficar tranquilos, o mesmo está descansando, se quiserem ir ve-lo, está tudo bem.

Sra.Jeon》 Por favor - O mesmo assenti, e os leva até o quarto do mesmo - Obrigado doutor - O mesmo sai do quarto.

Th》 Ele deve estar bravo comigo - O mesmo volta a chorar.

Sra.Kim》 Fique calmo meu Filho, está tudo bem, ele vai te perdoar.

Sra.Jeon》 Não precisa se culpar assim, já lhe disse, ele fez isso para acabar com seu sofrimento.

Th》 O sofrimento que eu o fiz passar por bobagem.

Jk》 Não - Diz fazendo todos se assustaram.

Th》 Gukk - Diz baixinho.

Jk》 Eu sou tão ruim assim? Ao ponto de você fugir de mim? - Faz uma cara tristonha.

Th》 Gukk, não...Não foi por sua culpa, me perdoe.

Jk》 Eu perdoo, mas só se chegar perto de mim, parece até que tem medo de mim Taetae - O mais novo se aproxima do mesmo, pegando em sua mão.

Médico》 Vejo que o paciente já acordou, está melhor?

Jk》 Oh, sim doutor, estou perfeito - Sorri para o mesmo.

Médico》 Os exames acabaram de sair, e parece que está tudo no lugar, menos uma coisa.

Sra.Jeon》 O que!?

Médico》 É uma coisa que acontece com quem bate a cabeça direto em algo, ou a pessoa fica rabugenta, ou ela fica inocente novamente, digamos que para o Jeon foi a opção dois.

Jk》 Então eu fiquei inocente de novo? - Pergunta fazendo um biquinho, fazendo o médico dar uma risadinha.

Médico》 É, parece que sim, mas não é nada tão grave, talvez você volte ao normal, mas por enquanto fará biquinho para tudo.

Jk》 Taetae, você vai cuidar de mim? - Pergunta olhando fixamente para o mesmo.

Th》 Claro Gukk-ssi - Sorri para o outro.

Sra.Kim》 Uma criança cuidando da outra.

Sra.Jeon》 E eu achando que quando grande tudo seria mais fácil.

Médico》 Velhos tempos a tona.




Continua....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...