História " Não morremos pelos amigos, vivemos por eles" - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Aries, Brandish μ, Cana Alberona, Carla (Charle), Chelia Blendy, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Flare Corona, Freed Justine, Gajeel Redfox, Gemini, Gildartz, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Juvia Lockser, Kagura Mikazuchi, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Libra, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Macao Conbolt, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Millianna, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Rufus Lore, Sting Eucliffe, Virgo, Wendy Marvell, Yukino Aguria
Tags Drama, Fairy Tail, Mistério, Nalu, Revelaçoes
Visualizações 20
Palavras 2.594
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Voltei
IMPORTANTE!
eu só vou postar cap. nos dias de terça, quarta e quinta; três dias por semana, ok?

Capítulo 3 - LUCY! e... Sair?!!


Fanfic / Fanfiction " Não morremos pelos amigos, vivemos por eles" - Capítulo 3 - LUCY! e... Sair?!!

" Ooh ooh-ooh, dão, dão, dão, dão, ooh ooh ô ooh. Vou reerguer o meu castelo, ferro e martelo, reconquistar o que eu perdi, sei que vão tentar me destruir mas vou me reconstruir, voltar mais forte que antees, quando a maldade aqui passou, e a tristeza fez abigoo..."

Acordo com uma das melhores músicas do mundo, ela é calma? Sim, mas prefiro acordar mil vezes com ela do que com o toque do galo caindo!

- OOOOOOOO BLONDIIIEEEEE ACORDAAA... A se já acordou ? - o idiota do meu irmão aparece gritando na porta do meu quarto, como se não tivesse nada mais importante pra fazer.

- não tô dormindo ainda - respiro fundo e me senti na cama.

- hummm... Então acorda logo porque hoje tem prova.

- naaaaaaaaaaaaaa... 

- dá pra parar - logo quando eu estava caindo de cara no chão ele me enterrompe! - vai logo tomar banho

- hu... que meda, tá dando uma de irmão mais velho  com cérebro? - me olha com uma cara fechada - nossa que é você e o que fez com o meu irmão?! 

- que fazer o favor de ir logo pro banheiro! 

- nossa não tem censo de humor não ? - tiro o lençol de cima de mim calço minha pantufa para não pisar no chão frio e me dirijo ao banheiro.

Como hoje é prova a escola só fecha às 8:00 então não preciso cuidar muito rápido, ainda são 6:34

Meu banho demorou no máximo uns 00:20, porque eu acabei me lembrando do café da manhã, prefiro demorar na cozinha do que no banheiro.

Vou para cozinha e vejo o banquete que virgo ( empregada/amiga ) preparou.

- virgo o cheirinho tá ó timo - falo cruzando as mãos fechamento os olhos e respirando fundo para sentir melhor esse cheiro maravilhoso.

- obrigada princesa, fiz seu preferido - se vira para o balcão e volta com um bolo de morando e biscoito, logo em seguida colocou-o na mesa.

 Princesa é  jeito carinhoso de virgo me chamar, mesmo que eu não goste taaaaaaaaaanto de princesa.

- obrigada virgo! Te amo - falo abracando-a e depositando um beijo em sua bochecha.

- pra mim nada né? Tá bom - Sting fala triste.

- fiz bolinho de chuva se quiser - virgo fala sorrindo.

- tudo bem, não é meu preferido, maaasss... Dá pro gasto - começou a comer.

- ingrato - dei um soco na cabeça do amarelo, o que resultou nele engasgando e eu rindo de sua desgraça.

Depois de comer meu bolo de morando com Oreo e leite, eu, Sting e Mavis.

O caminho para escola foi silencioso, Mavis como sempre não falava nada, eu e Sting ficamos tão desconfortáveis com isso que decidimos ficar na nossa mesmo.

[ No inferno/escola ] 

- Lucy! Finalmente vocês chegaram! - falou Yukino logo quando eu e Sting adentramos a sala do capeta.

- não, eu cheguei no horário, vocês chegaram cedo - cruzei os braços e sentei na cadeira da fileira da frente.

Antes de entrarmos na sala fomos deixar Mavis na sala dela, ela está no 8° ano agora.

Como roubamos o gabarito temos um esquema para colar, todos usamos canetas transparentes, com pregos, arranhamos a caneta com as respostas, tipo : 1.a, 2.c, 3.e... e por aí vai, quando as respostas são de escrever nós apenas a decoramos e escrevemos de um jeito diferente. Mas não precisamos decorar nada hoje, porque a prova era de matemática, eu ODEIO matemática, ok ok estou sendo dramática, por incrível que pareça eu gosto de fazer cálculos, mas odeio aprender a fazê-los, estranho né?

Fomos por volta dos últimos a sair, não é só porque temos a resposta que vamos terminar tudo rápido, até porque não somos lá os melhores alunos.

Como só teve uma prova hoje fomos liberados, mas como não tava afim de ir pra casa eu fiquei por lá mesmo.

- ei Lucy vamos! Me fala de quem você gosta! - Minerva... Porque ela ainda insiste nisso?

- já disse de ninguém! - me sento na cadeira cruzando os braços e as pernas.

- Lucy como assim?! Tem que gostar de alguém! - diz Yukino.

- Lucy! Eu sou sua melhor amiga! Me conta por favor! - Minerva me implora com seus olhos de cachorrinho.

- mas que cassete! Já disse que pra mim namoro é perda de tempo!

- deixa ela gente, a Blondie é assim, né Blondie ? - Sting aparece do meu lado segurando meu ombro, e sorrindo estranho 

- você não bate bem né? - nem sei porque ainda pergunto, ele ficou olhando pra mim com a mesma cara, só faço virar para as meninas de novo e ele vai embora com a mesma cara de tapado.

- seu irmão é estranho - Minerva fala depois olhamos para o nada com desdém.

- eu acho ele fofo - Yukino fez com que eu e Minerva olhasemos para ela surpresas - o-oque ?

- não creio você...

-... Gosta do meu irmão? - completo a frase de Minerva e vi o rosto de Yukino corar.

- e-eu não d-disse i-isso! Só d-disse q-que ...

- que acha ele fofo! - eu e Minerva falamos juntas e depois nos olhamos.

Olhei bem nos olhos de Minerva e ela nos meus, com toda certeza pensamos a mesma coisa, sorrimos malignamente.

- UUUMMMMMMMMMMMMM vai Yukino! Vai Yukino! Vai...

- PAREM!!! -  Yukino interrompe nossa gloriosa música.

- tá vendo Lucy, até o Sting já desencalhou - fala Minerva, sinceramente, tô nem aí.

- e-ei! - Yukino

- vamos! Vamos achar um namorado pra você! - Minerva começou a me puxar para fora da sala e indo em direção a saída.

- OQUE! Não eu já disse que não! - me solto de seu braço fazendo-a parar.

- Minerva tem razão Lucy! Vamos conhecer alguns garotos! - Yukino fala, aparentemente ela está vindo atrás de nós.

- tu não trai meu irmão não, viu Agruria! - eu disse e instantaneamente ela corou, mas eu só estava brincando, ela gosta dele, com certeza!

- e-ei não vou p-porque não...

- ok, ok, vamos Lucy - Minerva agarra novamente meu braço e começa a me puxar.

- Minerva!!! Eu já disse que não quero!...

- UQUE?! você não que tomar sorvete?!

- ué? Sorvete? Você tá me convidando pra...

- sim, Lucy estou, vamos!

- vamos! - Yukino veio logo atrás.

Natsu pov

- haaaaaa! Semana que vem tem prova!! Que saco! - Gray diz, nossa escola é um pouco atrasada com os horários, mas é bem rígida.

Vou me apresentar

Meu nome é Natsu Dragneel, tenho 17 anos e estou no terceiro ano do ensino médio, meu cabelo é rosa claro ( é verdade ) meus olhos são castanhos e tenho a medida certa para os garotos da minha idade, fora que eu malho, meus amigos são : Gray, Erza, juvia, Levy/baixinha, jellal/ namorado da Erza, fora outros conhecidos, mas o que eu mais convivo é o Gray. Meu pai é Egneel Dragneel, minha mãe Grandine Dragneel, e minha irmã é Wendy Dragneel, ela é um ano mais nova mas pela sua "inteligência" estamos na mesma série ( Autora: Wendy de edolas ) acho que é só.

- Hhhaaaaiiii não me lembra disso Gray ! - gritou Wendy - prova não! Prova não!!!

- para de enchame, até parece que você não tira dez de letra - falei.

- nem sempre - olhei para ela com desde - as vezes eu tiro nove sabia!

- ok, ok - Wendy é estranha as vezes

- Gray-samaaaaaa - não deu nem tempo de piscar, só V um vulto azul correndo para cima do Gray - juvia chegouuuu!!!

- juviaaaa!!! Sai de cima de mim! 

- nat-kun! - aí! Lá vem! - vem comigo ali vem - fala tentando me fazer levantar mas nem força pra isso tem, mas confesso...  A lissana é bem forte 

- não tô com saco pra isso, me solta - falei não dando a mínima para a albina.

- nat-kun, vaaaaiiiii... Por favor! - insiste

- não acredito que tem a cara de paisagem de vir aqui só pra pedir pro meu irmão, é uma outra mesmo! - Wendy falou ficando cara a cara com a lissana.

- eu sou puta?! Você é...

- ela é oque lissana? Hum?! - pergunto para a mesma, quem tá pra ficar puto aqui sou eu!

E parece que ela entendeu o recado e foi embora bufando!

- sei me defender! - Wendy vira as costas para mim e cruza os braços.

- ata

- senhoritas Wendy Dragneel e Flare Corona, me acompanhem até a diretoria - o diretor Makarov apareceu no nosso "lugar especial" , só ele e o nosso grupinho sabe onde fica, e ele apareceu pessoalmente! A coisa é séria.

- o que você aprontou em maninha? - perguntei sarcástico

- e-eu na-o s-sei - em? Como assim ela não sabe?! O que será que aconteceu? Ela está assustada, significa que não sabe mesmo o que está acontecendo.

- Não é sobre isso, é sobre a Lucy - quando ele disse isso as duas abriram sorrisos de orelha a orelha, que é Lucy?

- Pera a LU... -. Flare do nada tapou a boca dela e sussurrou algo no ouvido dela.

- mãe de quem? - kagura pergunta.

Daaaaa... Er... Da lu... Luana, uma... Prima minha - Wendy fala mas claramente está inventando, não lembro de nenhuma Luana na nossa família.

Dava pra ver que a Wendy queria surtar, mas a flare não deixava.

Wendy pov

[ Segundos antes ]

- pera da LU... - flare tapou minha boca um ato que eu mesma não entendi.

- lembra que a kagura e a miliana não sabem que ela é uma Heartfilia, não surta tá! Pelo menos não agora - sussurrou em meu ouvido, e eu concordei, mas meu coração está prestes a explodirrrrr o que será?!

- mãe de quem? - kagura pergunta.

Daaaaa... Er... Da lu... Luana, uma... Prima minha - eu inventei, não tem como elas saberem que eu não conheço ninguém com esse nome.

- bem... Vamos a diretoria - Makarov falou e o seguimos até sua sala.

[ Na diretoria ]

Entramos e Makarov pediu para que sentasemos, até que enfim, eu já não estava aguentando ficar em pé!

- tudo bem Wendy já pode surtar, mas só um pouquinho! 

Haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa...

- ei! Eu disse só um pouquinho! - flare me barrou, agradeço, eu acho.

- desculpa não deu para segurar, é muita emoção, como ela está? Faz tanto tempo! Pera! Não é sobre nenhum defunto que estamos falando né?! Ela está bem não está!?

- deixa ele explicar!!!

- bem... É que eu acabei de falar com o pai dela e... - Makarov fala e isso me preocupa.

- o que aquele babaca fez dessa vez?! - flare perguntou e estava com uma cara sericima 

- ele me contou que ela vai vir estudar na Fairy Tail, eu contei somente para vocês porque quero que a recebam quando ela vier, tudo bem para vocês? 

- claro para nós está ótimo!

- ótimo, agora saiam da minha sala e vão viver a vida de vocês enquanto podem, porque depois com a Lucy aqui não vai ser nada fácil!

- sim a Lucy é como um furacão - disse lembrando de todas as coisas que já fizemos

- sim... Um furacão que só espalha felicidade por onde passa - flare também pareceu pensativa, realmente... Lucy é assim

Saímos da diretoria e voltamos para a árvore, ( árvore é o nome que demos para o nosso local especial, que aliás é um pouco longue da escola, continua dentro da escola, mas longue do prédio, não me perguntem como achamos esse local )

- e? - Natsu pergunta, provavelmente preocupado, ele pode se fazer o bad boy da escola, mas ele é super gentil ( com quem merece )

- nada, nada importante - mentira porque é a coisa mais importante da minha vida!!!

- é Natsu, parece que você vai perder o posto de valentão da escola daqui a alguns dias - flare sorriu sarcástica.

- o que quer dizer? - perguntou meu irmão.

- também não entendi flare - disse Erza.

- simples - comecei - tem uma pessoa nova entrando na escola, e com certeza te vence fácil fácil - quero ver a cara dele quendo descobrir que é uma garota, principalmente bonita como a Lucy.

- ... - Natsu ficou a pensar.

- mentira! - Gray começou - tu conhece alguém mais foda que teu irmão.

- não só mais foda Gray, essa pessoa é taaaaoooo melhor que o Natsu não vai consy nem competir - ainda bem que a flare entrou na minha de disser essa pessoa e não ele ou ela.

Depois de um grande bate-papo eu fui pra casa, e sem o Natsu , o que foi melhor porque eu pude surtar geral.

[ No meu quarto ]

- Aaaataaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa... - gritei feito maluca enquanto pulava na cama e dançava que nem macumbeira

- cadê a barata?! - Natsu chegou agora e entrou no  quarto já me zoando.

- não tem barata, eu só estou feliz, não posso!?

- pode ... Então tá maluquera. Ei! Vamo toma um sorvete? - pensei um pouco

- porque não? Mas... O Romeo vai? - diz que não, diz que não!

- não

- então vamos!

Lucy pov

Haaaaaa! Graças a Deus cheguei em casa!

Ainda estava na calçada mas...

Apertei o interfone e quem me atendeu foi a virgo. Sua voz parecia rouca, mas devia ser por causa do interfone.

Quando entrei reparei que tinha algumas caixas do lado de fora, mas não liguei,

Quando ia abrir a porta, ela foi aberta por ninguém mais ninguém menos que virgo, estranho, ela nunca faz isso, e seus olhos estavam vermelhos, ela... Estava chorando?

- Virgo, oque...

- seu pai quer falar com você, ele está esperando no escritório - queria perguntar porque ela estava daquele jeito, mas seu tom me preocupou, então fui em direção ao escritório ver o que ele queria.

Chegando próximo do mesmo suspirei, o que será que ele quer? Abri a porta, e entrei.

- pai? - Espero ele virar mas não o faz - pai...

- eu ouvi da primeira vez - aquele tom me irritou.

- e então, o que você quer? - perguntei estressada mas ainda com respeito.

- quero que vá embora- hã ir embora? Como assim?

- se não queria que eu viesse porque me chamou era só ficar calado.

- você não entendeu, você mudará para magnólia! - falou e nem mesmo olhou para mim, nemhim olhar.

- como assim?! E a minha escola?!

- já matriculei você na escola do seu avô, vai estudar lá, agora vá e me deixe sozinho - ele ainda não virou, sinto lágrimas caindo de meus olhos.

Quer saber... - tudo bem! Eu vou ! E pode ter certeza de que nunca mais vai ver a minha cara ou a dos meu irmão, não precisamos de você, não precisamos de um pai, não que já tenhamos tido um!!

- você ainda não entendeu! VOCÊ! vai mudar, seus irmão ficam, e pode me agradecer, pedi para o Sting levar sua irmã mais nova para o parque aquático, a força mais levou.

- irmã mais nova? Irmã mais nova ?!?! Você ao menos sabe o nome da sua filha seu desgracado id...

- vá logo, já disse que quero ficar sozinho !  E já mandei os empregados arrumarem as suas acoisas, agora vá - ele nem se que virou para mim.

Me virei e ao passar pela porta bati a mesma com toda a força que tinha, eu ainda estava chorando, mas não de tristeza ou saudade, de ódio!

Ao chegar a sala pude ver algumas pessoas levando caixas para um carro, apenas segui-os. Encontrei virgo na porta, chorando aparentemente.

- Prince...

- NÃO! -. Corri em direção ao carro, ao entras bati a porta.

- pisa fundo! - falei para o motorista.

- mas as bagagens ainda não...

- você é surdo pisa fundo!

- er... S-sim! - o motorista colocou a cabeça para fora do carro - Ei fechem o porta-malas, nós já...

- QUAL O SEU PROBLEMA ? O ACELERADOR QUEBROU FOI? OU CÊ TA ERRANDO A MARCHA? PISA FUNDO!!! 

Enfim estávamos andando...

Continua...





Notas Finais


E aí gostaram?
Demorei 4 horas e meia pra fazer esse 😶


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...