História - Serial Killer - (Min Yoongi) - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS), Big Bang
Personagens D-Lite (Daesung), G-Dragon, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Seungri, T.O.P, Taeyang
Tags Bts, Hot, Imagine, Jikook, Min Yoongi, Romance, Serial Killer, Suga, Suícidio, Tortura
Visualizações 541
Palavras 1.730
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hoje adaptarei um método diferente de escrita, normalmente eu nunca uso os - Pvs Autora - Decidi tentar fazer nesse cap, agora, eu como narradora.
Se vocês não sabem, eu sempre tento melhorar minha escrita para vcs. Então, normalmente sempre estou lendo outras fanfcs e alguns diários de aprendizagem para melhorar, etc...
Espero que gostem🖤 me digam oque acham

PUTS E MUITO OBG PELOS COMENTÁRIOS E PELOS 203 FAVORITOS 🖤 vcs não sabem como fico feliz.
Vamos lá...

Boa leitura 🖤

Capítulo 19 - Saindo dos eixos


Fanfic / Fanfiction - Serial Killer - (Min Yoongi) - Capítulo 19 - Saindo dos eixos

           ~  Serial Killer 18 ~


" Vivo em um mundo cheio de pessoas idiotas que desejam ser oque não são, a diferencia do meu jeito de ser, é que não finjo para agradar idiota nenhum. "


O loiro que agora estava mais para um loiro platinado e desbotado, andava as ruas movimentadas tranquilamente enquanto sentia aquele leve calorzinho da noite.

Ultimamente ele andava mais pensativo que o normal, parecia incomodado com algo, alguém, alguma coisa, Nem ele mesmo sábia oque, mas estava.

Entrou no local rodeado por led vermelhas, assim que entrou, seus ouvidos foram invadidos pela música exageradamente alta. O local escuro tinha um enorme palco rodeado de Leds também vermelhas, mulheres semi nuas se exibiam enquanto dançavam nos poledance e alguns homens apenas de calça de couro preta e uma gravata borboleta rosa, andavam entregando bebidas. 

O loiro desbotado direcionou-se até o balcão do barman, chamando a atenção do mesmo para pedir alguma bebida

-  Dry Martini - Pediu direto, vendo o barman assentir. De alguma forma o loiro estava imcomododado, entediado, talvez. Mantinha sua carranca séria enquanto olhava as mulheres sedentes, pedindo apenas com o olhar para sentir a porra do loiro dentro delas. Mas ele não se sentia no pique, não naquela noite.

- Min Yoongi - Disse o moreno já se sentando ao lado do loiro rabugento, mostrando seus dentes branquinhos 

- Jeon Jungkook - O Min se vira para o velho amigo, pegando sua bebida e levando o copo de vidro aos lábios, bebericando do líquido transparente e sentindo o gosto seco descer pela sua garguanta. 

Jeon Jungkook Era o dono daquela boate -- e de várias outras -- o Min era amigo dele, Vamos se dizer que um braço direito. Jeon Jungkook é um dos maiores traficantes de Seul. o irônico é que ele era um traficante assassino, mas nunca usava as drogas. Ele era bem dotado e sempre esboçada sua beleza e luxúria com roupas caras e uma carinha de safado.

- Como vai os assassinatos? Aterrorizantes como sempre? - Pergunta levando o pequeno copo de Whisky na boca, tomando tudo de uma vez só

- Belo lugar para falar sobre isso em Jeon - Dita bebericando sua bebida devagar, apreciando o gosto nada doce. 

- Escute Yoongi - Fica em silêncio por alguns minutos, fazendo a música parecer mais alta. - Ninguém vai escutar - Sorri ladino secando as mulheres sedentas nos Poledance enquanto passava o copo de vidro nos lábios, bem devagar, aquilo era sexy e parecia seduzir as mulheres.

- Mesmo assim, sabe oque acontece comigo se me pegarem? - Yoongi realmente não estava para graças naquela noite 

- Sei, você vai para a cadeirinha elétrica - O morena ditou de forma rápida com um sorriso ladino nos lábios- Vamos Yoongi - Olha diretamente pro loiro carrancudo - Deixe de ser um velhinho chato e rabugento! Divirta-se - Sorri alegre 

Yoongi bufa com o apelido dado a tempos pelo o amigo 

- Aquela vadia parece louca para uma foda - Direciona seu olhar para um certo ponto, fazendo o loiro acompanhar o olhar do moreno. Ele viu uma ruiva com um corpo extremamente definido cheio de curvas e bem dotada, farta de bunda e seios. Ela olhava para os dois mordendo o lábio inferior, deixando visível oque queria. O Min bufa pela milésima vez, desinteressado, e revira os olhos voltando a olhar para as várias bebidas do barman. 

- Não estou afim - seu timbre fora rápido e rude, ele realmente não estava de bom humor

- Se você não quer eu quero - Dita já se levantando e indo até a mulher, enquanto ajeitava seu terno preto e sua gravata. Jeon Jungkook realmente era um homem extremamente bonito

Por algum motivo, a voz da morena por qual anda mantendo em cativeiro na sua casa, percorria seu subconsciente, como se ela estivesse ali, cantando para si, como fez a alguns dias atrás. Ele amava aquilo, as vezes do nada escutava os cantarolar dela pela casa. Ele não demonstrava sentimento algum, nem uma mísera expressão, Yoongi era um bipolar lunático e misterioso demais, isso causava receios na mulher. Mas o orgulho do loiro é maior do que ele próprio, Todavia Vamos se dizer que Yoongi estava SIM adquirindo uma certa atração por ela.

Finalmente o loiro voltou a realidade e olhou para o lado vendo seu amigo quase que trepando com a mulher ali mesmo, revirou os olhos fazendo negação com a cabeça. 

Yoongi pegou mais um copo, só que agora de Vodca pura, e foi até o grande sofá de couro preto tendo uma perfeita visão à sua frente das mulheres dançando. 

Olhou para uma que lhe chamou a atenção, ela notou os olhares do loiro e começou a se exibir para o mesmo. Descia e sobia no poledance, estando quase nua. O loiro até mesmo se inclinou para a frente com um sorrisinho sacana no canto dos lábios, a mulher engatinhou até o loiro.

- Que docinho fofo - Diz de forma sexy enquanto esfrega a seu nariz na do loiro 

- te garanto que de doce não tenho nada - falou exibindo uma careta travessa e sexy

Em um movimento rápido a mulher é puxada bruscamente pelo braço, caindo por cima do loiro, selou seu lábios em um beijo feroz sentando ensina do membro coberto pela calça jeans preta do loiro. As cabeças viravam-se de um lado para o outro em um beijo rápido e desejoso

Podi-se escutar um grito festejeiro de Jeon que já demonstrava estar locão com sua ruiva nos braços e uma garrafa de Vodca na mão. Yoongi apenas sorriu entre o beijo com a atitude do amigo, colocou suas mãos gélidas nas nadegas da mulher. E deixaram-se levar pela onda da música alta e loucuras de Jeon. 

A noite começou a ficar divertida para Yoongi, mas diferente dele, sua presa não estava nada contente. Estava lá, como sempre na casa quieta e gelada, ficava horas e horas um passo atrás da linha, não era nem louca de passar novamente pela mesma. Ela estava diferente naquela noite, deprimida com algo, um aperto no coração fez dar uma leve vontade de chorar. S/n ficava sentada no chão gelado, com as correntes nos pés e escorada na parede branca, a casa estava escura e totalemnte quieta, iluminada apenas por uma pequena luz da lua. 

- Deus - Chamou, mesmo não acreditando mais no tão divino e poderoso. Ela já perdia as esperanças, não fora Yoongi que tornou sua vida um inferno, Ela já era antes mesmo dele aparecer. ele apenas apimentou mais as coisas. - Se o senhor ainda esta comigo e pode me ouvir, eu estou confusa... me ajuda! - Pediu fechando os olhos. Depois de anos, Ela falou com ele novamente. - Apenas proteja o Jin e a Lizi por favor... eles não mecerem sofrer por minha causa! 

...

Um aperto no coração da loira foi repentino,  fazendo-a parar oque fazia e colocar a mão sobe o peito, confusa com tal sensação

- Algum problema Lizi? 

- Slw uma sensação estranha do nada... eu devo estar ficando louca! - Ditou já voltando a fazer oque fazia antes, colocou a massa de bola no forno e foi para a sala onde o policial estava. 

- Você não cansa de ver jornal? Você é policial sabe tudo sobre isso - Diz entediada enquanto o mesmo assistia o jornal da noite atento 

- Posso ser policial mas não participo de todos os departamentos, tem certos casos que não participo - Retrucou fazendo a loira revirar os olhos e fitar um certo local. Levantou-se curiosa e pegou o quadro chamativo rosa. 

Sentiu uma certa tristeza ao ver o rosto da amiga, ela sorria abraçada ao Jin. 

Lizi passou a "cuidar" de Jin, ia para a casa da amiga onde o policial passou a morar. Ela não acreditava mais na possibilidade da amiga estar viva, mas não estragava as esperanças de Jin de encontrá-la

Sentiu seus olhos lacrimejarem

- Está tudo bem ? 

- Sim... - Mentiu secando as lágrimas e colocou o quadro no lugar de antes. 


                        (...)


- Yoongi - S/n Se levanta assustada ao escutar o barulho da porta abrir, se assusta ao ver o estado do loiro. Com as roupas desleixadas, cabelos bagunçados, cheio de marca de batom e sorria feito idiota. 

A morena faz uma carranca de nojo ao sentir o cheiro forte de bebida alcoólica

- Você bebeu ?- Diz a 1 fio de ultrapassar a linha, mas não fez, apenas esperou o Min fechar a porta e ir até ela roubando seus lábios rapidamente 

- para Yoongi! - Dita empurrando o loiro louco pela bebida, aquele gosto na boca dela amargo não agradou muito

- Poxa amor - O Min diz deitado no chão, era difícil ele sair dos eixos, mas desta vez parecia ter exagerado na dose. -- mesmo sendo acostumado a beber ---

- Céus.... - Bufa revirando os olhos - Venha vou te dar um banho gelado 

O trajeto até o banheiro foi bem difícil, pois o loiro tentava a todo momento se aproveitar da menina, acabou recebendo um tapa na cara, todavia Yoongi apenas sorriu animado. 

- porra amor fode comigo - Diz embriagado no chão do banheiro, enquanto ela enchia a banheira com água gelada.

-Tenho amor a minha vida de transar com você bêbado - Diz irônica já que tentou se matar várias vezes - Se sã você me machuca imagina bêbado, talvez nem suba de tão louco que voce está!

- Vem aqui para você ver oque não sobe - Dita rude e com um bico 

- cala a boca e entra na banheira!

- tira minha roupa e eu vou - O loiro diz com um sorriso atrevido no rosto 

S/n na maior má vontade despiu o loiro e passou as mãos dele por seu pescoço, ajudando-o a entrar na banheira

- porra s/n Está fria - treme os dentes 

- Mas é claro 

Começou a dar banho no loiro, ora fazia birra, ora beijava Ela, atrapalhando o banho que ela tentava dar, parecia uma criança fugindo do banho. 

Até que finalmente Yoongi se aquieto, deixando a menina dar banho nele.

- Porque queria se matar ? Porque fazia isso ? - Pergunta sério 

- Ah? 

- Me conte... oque tanto te atormentava para querer morrer, me conte sua história! - pede olhando a carinha surpresa de s/n pelo pedido repentino e curioso 

- T-ta bom... - Gargueja assentindo meio incerta 

Odiava lembrar te tais acontecimentos, Todavia teria de lembrar naquele instante...





Notas Finais


Então... oque acharam? Sejam sinceros! Desculpe algum erro.

Espero de dedinho que tenham gostado♡

Infelizmente hoje estarei voltando para a escola, então as vezes não terei muito tempo para mim mesma. Pordoem-me se eu demorar, mas juro sempre quando possível atualizar.

Estou pensando em criar outro Imagine com o tema céu e inferno/ anjo demônio/ amor proibido/ e essas coisas. Oque acham?

É isso xuxus beijos na bunda ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...