1. Spirit Fanfics >
  2. -The Forgotten >
  3. - 5 •Capítulo - Another day!

História -The Forgotten - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Oiee estou de volta

Capítulo 5 - - 5 •Capítulo - Another day!


Fanfic / Fanfiction -The Forgotten - Capítulo 5 - - 5 •Capítulo - Another day!

*Pov Justin

Estava aqui de novo a ter um dia de merda esse caso que não fica resolvido e Luna que não lembra de nada estava me deixando frustrado. 

- Oi! – Ela disse assim que eu cheguei em casa eu só precisava de um banho minha cabeça parecia que ia rebentar.

- Oi! – Disse apenas cansado.

- Está tudo bem? – Perguntou.

- Sim. – Respondi seco não queria conversar agora. 

- Eu falei com o meu chefe. Começo a trabalhar amanhã . – Contou animada eu apenas assenti eu sabia que minha cabeça ia rebentar a qualquer hora só queria subir e tomar um banho. 

- Você está bem? Quer conversar? – perguntou de novo.

- Sim Luna eu tou bem! – Bufei 

- Estou chateando você? Você parece chateado! 

- Sim você está. – Falei sem paciência bufando de seguida.

- Desculpe. – Disse e começou a subir.

- Desculpa eu. – Pedi me aproximando dela. 

- Tudo bem, vou pra cima pra não te atrapalhar. 

- Luna me desculpa. – me interrompeu.

- Está tudo bem. – Disse e subiu. 

[...]

Luna havia se fechado no quarto o resto do dia e eu decidi ir até lá. 

- Posso? – perguntei na porta.

- Sim. – disse apenas.

- Estava a pensar que podíamos ir comer alguma coisa fora. – Sugeri.

- Estou sem fome. – Respondeu. 

- Luna por favor, vamos conversar então, me desculpa. – Me aproximei e ela se levantou. 

- Vamos onde? – Perguntou.

- Oi?

- Não íamos comer? – Eu bufei por ela querer fugir do assunto. Seguimos pro carro em silencio. 

- O que quer comer? – Perguntei.

- Hambúrguer! – Sorriu. Eu sabia que ela responderia isso isso por isso conduzi até ao lugar do costume.

- Você lembra daqui? – Perguntei vendo ela olhar pra todos os lados. 

- Acho que sim...- Disse...-É aqui que trabalha o seu amigo Tyson? – Perguntou. 

- Sim, olha ele la! – falei vendo Tyson se aproximar de nós.

- Hey a quanto tempo vocês não apareciam já estava achando que tinha acontecido alguma coisa com vocês. – ele falou animado.

- Oi cara, acontece Luna bateu com a cabeça e acabou perdendo a memória. – Expliquei.

- Sério, caraca...- disse...- tenho a certeza que depois de comer nossa hambúrguer vai lembrar de tudo. – brincou e ela sorriu.

- Eu espero que sim! – Luna disse e Tyson nos levou até a mesa do costume. 

- A gente costumava vir aqui? – Perguntou.

- Sim! Vínhamos sempre uma vez por semana. – Concordou e sorriu vendo a comida chegando.

- Meu Deus eu comia isso o resto da minha vida! – Comentou rindo, eu junto vendo sua boca toda melecada.

- Boba! – disse me aproximando dela e limpando a mesma.

-  Obrigada. – Agradeceu continuando a comer. Quando acabamos eu paguei a conta e saímos nos despedindo de Tyson. 

-Justin o carro ta pra la! -  Ela lembrou quando peguei em sua mão lhe arrastando pro lado oposto do carro. 

- Eu sei! – Lhe puxei em direção à praia de areia  que havia ali perto assim que chegamos lá tirei meus sapatos e ela fez o mesmo sorrindo. 

- Que bom! – Falou correndo até ao mar.

- Luna onde você vai sua louca? – Perguntei correndo até ela. Luna entrou na água soltando uma gargalhada, percebi que ela esqueceu que estava de vestido claro e fazendo com que sua roupa interior aparecesse sorri indo até ela. 

- Você é louca! – me aproximei dela lhe agarrando a cintura e olhando seu corpo molhado. Isso estava me deixando louco. 

- Você também é porque também entrou.

- Eu sou louco por você! – Confessei e ela corou se escondendo em meu rosto e eu a abracei. 

- Melhor a gente voltar! – Pediu e eu assenti. O resto do caminho até casa foi calmo. Luna correu pra tomar banho dizendo que estava com frio e eu fiz o mesmo.

- Se sente melhor? – Perguntei lhe vendo chegar na sala de pijama. 

- Sim, muito melhor. – Sorriu. Meu celular tocou e ela se afastou. 

“-...Sim, é eu sei, claro mas tem que ser agora? Ta bom!...” -  desliguei e ela me olhou.

- Ta tudo bem, pode ir! – Falou antes que eu pudesse falar.

- Me desculpa! – pedi.

- Não tem problema, vai lá vou me deitar. – Sorri fraco e ela subiu. 

*Pov Luna

Quando acordei de manha a casa estava silenciosa desci pronta pra tomar o café da manhã e percebi que Justin não estava, talvez ainda estivesse dormindo mas quando sai de casa reparei que seu carro não estava ali por isso ele não estava em casa talvez tivesse saído cedo ou nem tivesse dormido em casa. 

[...]

Não demorou pra que chegasse a minha hora de almoço peguei no celular e liguei pra Letícia.

*Telefonema On

- Oi amiga! – Ouvi sua voz do outro lado.

- Oi como vai? – Perguntei.

- Estou bem está na hora de almoço? – Perguntou.

- Sim, que está fazendo? – Perguntei me sentando. 

- Resolvendo as coisas do casamento já que minha amiga é meu noivo estão trabalhando tenho que tratar de tudo sozinha. – Reclamou brincando.

- Chaz saiu cedo pra trabalhar? – Perguntei.

- Não, saiu a hora normal porque? – Eu assenti como se ela me visse. 

- Por nada. – Disse apenas.

- Você podia vir pra aqui me ajudar quando sair do trabalho e jantavam aqui você e Justin. – convidou.

- Ta bom, avisa pra Justin então. – Pedi e ela concordou desligando.

* Telefonema Off

* Narradora On

Depois do horário de trabalho Luna seguiu até a casa da amiga.

- Oi chata, Justin não veio com você? – Letícia perguntou.

- Não, vi direta do trabalho. Ainda não o vi hoje. - Respondeu.

- Ele falou que ia a casa tomar um banho e que voltava. – Chaz defendeu o amigo.

- Vocês não se viram hoje porque? Vocês vivem na mesma casa!? – Letícia como sempre se entremeteu. 

- Ligaram pra ele ontem a noite e ele saiu pra trabalhar e de manhã ele não estava. Acho que dormiu por la. – Luna explicou se jogando no sofá.

- Chaz Somers porque não me disse que meu irmão ficou a noite toda trabalhando? – Perguntou. 

- Você não perguntou. – O menino respondeu como se fosse óbvio. 

- Ele podia ao menos avisar pra Luna. – Resmungou. 

- Está tudo bem. – Luna disse assim que a campainha tocou a menina foi até a cozinha. 

- Oi Luna ainda não chegou? – A menina ouviu seu namorado perguntar. 

- Ela está na cozinha! – Chaz respondeu e a garota fingiu estar bebendo água. 

- Oi! – Justin disse.

- Oi. – Ela disse apenas.

- Desculpe não ter te levado pro trabalho – Se desculpou. 

- Não tem problema, fui andando até lá pra exercitar um pouco. – Respondeu. 

- Podia ter me ligado. – Falou e ela sorriu fraco.

- Você também podia ter ligado pra avisar que não ia dormir em casa! – disparou.

- Essa eu mereço! – Concordou...- Desculpa eu podia sim ter avisado. 

- Podia mesmo! – Letícia disse entrando na cozinha. 

- Letícia não se mete. – Chaz pediu.

- Me meto sempre, Justin precisa parar de ficar fazendo isso a toda hora, ele deixa Luna sozinha pra ir trabalhar durante a noite. – E ela começou. 

- Eu preciso trabalhar. – Justin argumentou.

- Está tudo bem, eu sei me cuidar Letícia. – Luna tentou acabar com aquilo.

- Não, não está tudo bem, você não pode achar que está sempre tudo bem Luna.

- Você não tem o direito de se meter na nossa vida assim Letícia. – Justin repreendeu a irmã. 

- Parem...- Luna quase gritou...- por favor chega...- Pediu.

Letícia bufou irritada saindo e Justin a seguiu suspirando.

- Você está bem? – Chaz perguntou vendo a amiga com as mãos na cabeça.

- Minha cabeça ta doendo muito. – Confessou se sentando.

- O médico não falou que o stress não ajudava? – Perguntou e ela assentiu...- Tome! – Disse lhe entregando água e uma aspirina. 

- Obrigada! – Agradeceu e logo foram jantar. 

Depois do jantar Luna e Justin decidiram voltar pra casa e Luna foi direta pro quarto dizendo que estava com dor de cabeça ainda.


Notas Finais


Até ao próximo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...