1. Spirit Fanfics >
  2. " Uma única chance. " >
  3. Casa do Seokjin.

História " Uma única chance. " - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


O capítulo anterior foi um pouquinho tenso, então esse capítulo irei tentar deixar as coisas um pouco menos tensa e mais romântica. Apenas irei tentar, espero que todos vocês estejam bem. ^^

Capítulo 5 - Casa do Seokjin.


Fanfic / Fanfiction " Uma única chance. " - Capítulo 5 - Casa do Seokjin.

        《   J E O N    S N 》

Acordo no quentinho da cama, mas como isso aconteceu se eu dormir ao lado da porta do Jungkook? Será que me trouxe até meu quarto? Um sorriso bobo e largo se formam em meus lábios ao pensar em que estaria nos braços de Jeon. 

Caminho lentamente até o banheiro, nele faço minhas higienes matinais, volto ao quarto e escolho um short moletom e um moletom os dois eram da cor preta. Desço para a cozinha para preparar um café da manhã para nós dois, vejo o chocolate quente nas xícaras que de quente neste momento estava frio. 

Coloco as duas xícaras no micro-ondas para esquentar o que havia ali dentro, depois de uns três minutos já está pronto. 

- Bom dia, Sn.__Ouço a voz de Jungkook por trás de me. 

Jungkook pelo o jeito iria sair, ele estava com uma calça jeans branca e um moletom preto, o que eu comprei para o mesmo no shopping, sorrio com isso, ficou melhor nele do que no manequim. 

- Bom dia, Jeon. Fiz chocolate quente, dentro do armário tem torrada. __Digo pegando minha xícara indo em direção a sala, como hoje é sábado irei tirar o dia para ver filmes. 

- Sn vou na casa do Jin, todos os meninos vão está lá, Jin te convidou, você quer vim? ___Perguntou jungkook, o mesmo estava no balcão, o balcão dividia a sala e a cozinha.  

-Quero sim. Que horas vamos? __Perguntei. Os meninos são divertidos, será muito melhor do que ficar aqui sozinha. 

- Vamos agora, só troca o short, está um pouco curto. ___Falou ele apontando para o meu short, enquanto passava seu olhar pela as minhas pernas. 

Vou em direção ao quarto para trocar o short, não irei fazer isso apenas porque Jungkook "mandou", e sim porque irei visitar garotos, além disso lá fora deve está congelando. Pego uma calça jeans azul clara, calço uma rasteirinha e vou em direção a sala.

Jungkook e eu não trocamos mais nenhuma palavra depois que entramos no carro, às vezes é tão estranha nossa relação. 

  - Jungkook porque você estava triste ontem á noite? __Perguntei, mas Jungkook olhou para me e apenas sorriu. 

- Não foi nada, apenas uma irritação no olho, também estava de mau humor. ___Falou jungkook, sabia que era mentira, eu o conheço muito bem, leio o seu olhar, como nunca conversamos por muito tempo aprendi a ler sua expressão e ler seus olhos. 

Algum tempo depois chegamos na casa do Seokjin, Jin é uma pessoa maravilhosa e bastante engraçada, quando casei com Jungkook ele foi o único amigo de Jeon que me aconselhou. 

- Sn, minha princesa. __Falou Jin vindo me abraçar. 

-Oppa Jin, faz tempo que não te vejo. __Digo o olhando, o mesmo estava com o cabelo em um tom castanho claro. 

- Digo o mesmo, nunca mais veio me ver. Entrem ou vão congelar aí fora. ___Falou Jin,eu e jungkook entramos, todos os meninos estavam ali. 

- Você continua, lindo.__ Digo ao Jin, sei que assim estou aumentando sua auto-estima mas também sei que Jin não precisa que ninguém para fazer isso, ele se ama. 

- Você sempre me paparicando! __Disse ele indo em direção a cozinha. 

Jungkook e Taehyung estavam jogando vídeo game, Yoongi estava no sofá dormindo, Hoseok assistia algo no telefone, Jimin estava assistindo com Hoseok, Nanjoom estava na cozinha comendo algo, Jin estava preparando o almoço. Sempre fico sozinha. 

- Sn, vem jogar com agente. __Disse Taehyung, me chamado para me juntar a ele e Jeon. 

- Não sei jogar. ___Digo e ele sorrir quadrado. 

- Jungkook você ensina para a Sn?__Perguntou Taehyung, por mais que fosse supreendente Jungkook aceitou me ajudar. 

- Claro. Senta aqui, Sn. ____Jungkook me chamou para sentar entre sua perna, o mesmo estava com as pernas abertas e eu sentei entre elas. 

- Olha você pressiona esse botão aqui, depois aperta nesse x. ___Falou jungkook, estava jogando uma partida contra Taehyung, nunca imaginei que eu ganharia dele. 

- Ganhei!!__Digo dando pulinhos de entusiasmo.

- Todo mundo ganha de me! Estou decepcionado. __Disse Taehyung fazendo biquinho.

- Taetae da próxima deixo você ganhar. __Digo e o vejo sorrir. 

- Calem a boca, vocês dois são muito barulhentos! __Falou Yoongi se referindo a me e a Taehyung. 

- Vai dormir no quarto, açúcar. __Disse Hoseok praticamente gritando, fazendo todos ali rir. Yoongi se levantou e jogou a almofada do sofá em Hoseok, subindo certamente para o quarto. 

Jin tinha acabado de fazer o almoço, todos nós estávamos na mesa almoçando. Depois irei pegar a receita do Jin nunca vi um homem para cozinhar melhor que ele. Depois do almoço me ofereci para limpar a cozinha, jungkook disse que me ajudaria com isso, os meninos estavam no terraço com Jisoo, Beatriz, Alice, Érica. Jisoo é a namorada de Jin,  Beatriz de Kim Taehyung, Alice e Érica são amigas dos meninos. 

- Jungkook guarda esses pratos é muito alto. __Digo para Jungkook por os pratos no armário. 

Jungkook assim fez colocou os pratos no armário. Estava chovendo muito lá fora, sendo assim escutando trovões, cada trovão era um pulo que eu dava. Jungkook veio até me abraçando -me. 

- Estou aqui, Sn. __Falou ele pondo o queixo em minha cabeça, aperto a cintura do mesmo sentindo seu perfume amadeirado. 

- Jungkook, estou com medo. __Digo com a voz trêmula, novamente pulando Sn seus braços após outro trovão. 

Jungkook colocou a mão sobre o meu ombro olhando meus olhos, a cozinha estava com pouca iluminação quando as luzes se apagaram de vez. Encaro o mesmo vendo seu rosto mal iluminado, sendo iluminado apenas pela janela da cozinha próxima a pia. 

Jungkook me colocou sentada no balcão da cozinha, fazendo carinho em meu rosto, naquele momento não sabia nem mesmo do meu nome, era como se existisse apenas eu e ele ali, como se o mundo não existisse. Jungkook estava aproximando-se de me com os olhos em meus lábios, quando me dei conta, seus lábios estavam nos meus, no início foi um beijo como qualquer outro, mas havia algo de diferente naquele beijo, o mesmo pediu passagem com a língua e eu cedi as mãos grandes de Jungkook puxavam levemente os cabelos de minha nuca, enquanto minhas mãos estavam em seu pescoço o puxando mais para me. Sua língua entrou em guerra com a minha por espaço, minhas pernas estavam ao redor de sua cintura implorando por mais contato físico, mas a falta de ar se fez presente nos obrigando a parar o beijo. 

- Jungkook e Sn o que estão aprontando? __Apareceu nanjoom na cozinha. 

- Nada, hyung.__Respondeu jungkook me ajudando a descer do balcão. 

- Então porque estão tão ofegantes? __Perguntou namjoom novamente. 

- Não é nada, não estávamos fazendo nada.__Digo. 

- Estávamos nos beijando, algum problema? __Perguntou Jungkook. 

-Nenhum, mas vamos lá pra sala. __Falou Namjoom. 

Nanjoom saiu da cozinha me deixando ali com o Jungkook. 

- Fica perto de me Sn, me abraça. Não precisa ter medo estou aqui do seu lado. ___Falou jungkook fazendo-me sorrir. 


















Notas Finais


Pelo amor de Deus...o capítulo ficou muito grande, me desculpem por isso. A tentiva era deixar romântico, mas acho que fracassei, desculpem se deixei de dar atenção a fala de um dos personagens, porque se não o capítulo iria ficar maior ainda.

Caso não estejam gostando de algo na história, podem falar aceito críticas, pois as acho construtiva.

Não tinha outra forma além de trovões para aproximar eles dois, se ficou clichê desculpem.

Espero que tenham gostado. 💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...