1. Spirit Fanfics >
  2. - You Became New Chance - Yoonseok >
  3. Capítulo 02. Ela é a única que me importa!

História - You Became New Chance - Yoonseok - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Oiiiii meu anjinhos!
Voltei e com cap recém saído do forno!
Boa leitura e até as notas finais!

Capítulo 2 - Capítulo 02. Ela é a única que me importa!


                Hoseok On ~

 Finalmente o sinal tinha tocado para todos irem embora,Taehyung que estava entediado com a aula de biologia, deu um grito de alegria, fazendo a professora revirar os olhos e todos que arrumavam as coisas rirem com o ato. Assim que saímos da escola, fomos direto para nosso esconderijo, um lugar onde amávamos ficar e planejar os lugares que iríamos fazer nossa arte. Mesmo que muitas vezes tudo acabava dando errado e nessas muitas vezes todos parassem na delegacia.

 - Eu tô faminto! - diz Jin,o mais velho do grupo,jogando todas as suas coisas no chão e indo direto para a cozinha que improvisamos ali.

 - Que novidade... - o baixinho de cabelo rosa,diz se jogando em cima de Jungkook, que reclamou,porém foi ignorado.

 - Pior que eu também estou,vamos pedi algo? - Namjoon fala pegando o celular do bolso.

 - É a única opção, já que uma certa pessoa estava com a responsabilidade de ir no mercado,mas ficou dormindo! - Jin,que estava na cozinha, logo deu um leve peteleco na desta de Taehyung,que logo fez uma cara engraçada.

 - Eu tava com sono,oras! - diz emburrado,vendo Jungkook,Jimin e eu rir de sua cara.

 - Bem....que tal pedirmos alguns Bulgogis? Sei um restaurante que entrega em domicílio - Jin sugeri.

 Todos concordamos com a ideia de Jin,e logo ligamos para o restaurante. Depois de algum tempo,os pedidos chegaram e finalmente começamos a comer,durante a refeição conversamos e rimos muito,já que Jungkook amava irritar Jimin, que podia até bufa de raiva, porém sempre acabava rindo junto. Era por isso que eu amava aquele lugar, ali era o meu lugar,era o meu mundo,sem ninguém me controlar ou colocar regras sobre minha vida.

 Aquele lugar era muito importante para mim,talvez porque era o único lugar que me sentia confortável, já que eu odiava minha própria casa. O grupo que formamos era para nós uma verdadeira família,até porque nós nos conhecemos a muito tempo e todas as coisas que acontecessem estávamos juntos sempre. 

 [ . . . ]

 Estava no meu quarto mexendo no celular, quando ouço alguém bater na porta,me levanto e logo abro a mesma,revelando a minha irmãzinha mais nova de 6 anos,Suny.

 - Oi Hobi,posso dormir com você? - diz a garota de bochechas fartas e rosadas.

 - Oi princesa,pode sim,mas já era para você está dormindo! - digo sorrindo para menor e pegando ela no colo.

 - Era mas......

 - Mas....? - Logo percebi o tom tristonho na voz da garotinha de cabelo negros. 

 - Eu queria que a mamãe e o papai estivessem aqui, a mamãe é a única que sabe cantar a musiquinha que eu gosto,e o papai sempre me dar um beijinho de boa noite,Hobi! - A fala da pequena me partiu o coração, e digamos um pouco de raiva,já que a culpa disso era do meu pai e da sua esposa. 

 - Olha....eu sei que não sou sua mamãe e nem o papai,mas se você quiser eu canto uma música que você goste e te dou quantos beijinhos quiser de boa noite, assim como eles fazem. O que me diz princesa? - digo logo vendo um sorriso surgir no rostinho fofo da garota.

 - Sério mesmo Hobi? - Balanço a cabeça positivamente para a menor e em seguida recebendo um abraço muito caloroso.

 - Então...qual música vai querer que eu cante pra você? - pergunto fechando a porta do meu quarto e seguindo para o da menor.

 - Tem uma que eu escutei você cantando no banheiro,ela tem um toque muito fofo - Entro no quarto e coloco a mesma na cama,logo cobrindo a mais nova e rindo com sua fala.

 - Eu sei qual é,ela é minha favorita,o nome dela é Daydream e você tem razão princesa, ela tem um belo toque! - falo acariciando os fios negros da mesma,que me olhava serenamente enquanto eu me preparava para cantar.

 É difícil de acreditar que essa Fofura, pode ser fruto de uma mulher tão horrenda e de um homem que só liga para status. Suny é minha irmã por parte de pai,filha da minha madrasta,Lídia,que é muito mais nova que meu pai. Nunca fui com a cara dela,nunca a chamei de mãe como meu pai quer,porém de vez enquanto faço Isso por Suny, que é muito apegada a mim. 

Talvez porque eu seja a segunda pessoa além da babá que a garota tem mais contato,já que os pais estão sempre tratando de assuntos importantes,o que é bom para mim que não os vejo,mas horrível para menor que mal tem tempo com eles. Assim que a mais nova adormeceu,me levantei com calma para não incomodar a mais nova e logo me retirei do cômodo, indo para o andar de baixo,infelizmente encontrando meu pai e a esposa,que tinham acabado de chegar.

 - Finalmente chegamos, não aguentava mais! - diz Lídia, tirando os saltos e as bijuterias que estava usando - Agora vou subi para colocar Suny para dormir,já está tarde para ela está acordada!. 

 - Não precisa, eu já coloquei ela para dormir,afinal ela é uma criança, tem escola amanhã! - digo sentado no sofá, passando os canais de TV.

 - Que bom,pelo menos mostra se importar com alguém dessa casa! - Ouço meu pai dizendo,tirando seu terno e afrouxando sua gravata.

 - Ela é a única que me importa nessa casa,afinal,eu tenho que dar atenção pra ela,já que os próprios pais não tem essa capacidade! - falo olhando diretamente pro homem alto de cabelos grisalhos.

 - Como ousa....

 - Obrigada Hoseok, fico feliz em saber que a Suny tem a atenção do irmão,isso é bom! - diz interrompendo seu marido,talvez tentando ser a madrasta "boazinha" e a que evita brigas.

 - Não precisa agradecer,como disse ela é a única que me importa aqui, então é meu dever cuidar dela - Minha fala saiu simplista,esse era o tom que eu mais usava com eles dois - Já vou dormir,já que chegaram não tem o porque continuar aqui em baixo. 

 - B-Boa noite! - diz envergonhada, o que era patético na minha visão.

 - Não sei o que faço com você, Jung Hoseok! - sua fala saiu irritada. 

 - Também te amo papai! - digo irônico,logo seguindo para o segundo andar. 

 CONTINUO...?


Notas Finais


Foi isso meus anjinhos, tchalzinho! 💙💙💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...