História 1 9 9 8 (TEXTOS) - Capítulo 37


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Amizade, Amor, Paixão, Textos
Visualizações 18
Palavras 554
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Poesias, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá, Boa Noite <3

Capítulo 37 - Cap 37


As pessoas foram embora. Depois de toda ajuda, de todo carinho, de toda atenção, elas quiseram ir embora. Por que isso seria um sinal de ingratidão? Por que isso seria algo triste? Por que seríamos incompletos, por não termos ninguém ao nosso lado? Elas não tem a menor obrigação de estarem do nosso lado. Elas não tem a menor obrigação de retribuir o que demos. Ninguém tem. Isso não é motivo para ficar triste. Não é motivo para achar que a vida é uma merda e você está sozinho. Não é motivo para achar que nada vai mudar e que você é trouxa. Por que você seria trouxa? Por que você estaria sozinho? Não, meu amigo! Você foi e é uma pessoa tão grande, tão boa, tão incrível. Então por que você estaria sozinho? Só estamos sozinhos, de verdade, quando não temos a nós mesmos. Você é tão bom para as pessoas. Mas e você? O seu eu também precisa de você. Ele fica se perguntando: Cadê o meu carinho? Cadê a minha atenção? Cadê o meu amor? Estou tão só! E você se pergunta: Cadê o meu carinho? Cadê a minha atenção? Cadê o meu amor? Estou tão só! Você quer tão que as pessoas fiquem, mas você mesmo se dá as costas. Você mesmo, se coloca em segunda opção. E então, você começa a se ferir. A se isolar da porra toda e achar que a vida nunca vai ter solução. Acaba privando-se de tudo. Entra em depressão. A depressão é uma das doenças mais terríveis da terra. Muitos vão dizer: pra que entrar na depressão, por causa que te abandonaram? Elas não sabem o que você sabe. Elas não sentem o que você sente. E lá está você. Uma pessoa triste, que se corta e se machuca. Mas por que? Por que se ferir para ter a atenção das pessoas, se você mesmo não se dá? Por que se ferir para ter o carinho, cuidado e amor das pessoas, se você mesmo não se dá? No final das contas, você entende que a vida não é uma merda. Por mais depressivo que esteja, por mais triste que esteja, você consegue perceber isso. Consegue olhar para os lados e não ver ninguém. Não há ninguém com você na escuridão. E é isso que te deixa mal. Até que você percebe que você está lá. Que você é a sua própria companhia. Que você é a sua própria luz. Quando estiver triste, simplesmente se abrace. Quando estiver perdido, simplesmente se console. Quando estiver mal, simplesmente se cuide. Mas como fazer isso sem forças? Como fazer isso sem coragem? Faça pelos outros. Cuide dos outros. Ame os outros. Valorize os outros. Seja quem você sempre foi. Não! Você não precisa mais ficar triste pela ida das pessoas. Você fez a sua parte! Você foi uma pessoa boa. Você cuidou das pessoas e sem perceber, estava cuidando de si mesmo também. Não é tampar as suas feridas e ir cuidar das feridas dos outros. É cuidar das pessoas e automaticamente, estar cuidando das suas. Porque amar os amigos, a família, os irmãos, os pais, é a única coisa que nos cura. Que nos torna felizes. Que nos torna únicos. E é então, que você percebe que você nunca está sozinho. Nunca mesmo!



1 9 9 8



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...