1. Spirit Fanfics >
  2. 10 coisas que eu odeio em você - Guiquel >
  3. Capítulo 6

História 10 coisas que eu odeio em você - Guiquel - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Capítulo 6


Guilherme fica um pouco receoso de topar fazer isso, mas no desespero de arrumar o dinheiro, não vê outra saída.

-E quanto você vai me pagar pra fazer isso?

-Quanto você quer?

-5000.

-Você tá querendo é me assaltar, né? O máximo que posso fazer é te pagar parcelado, mas você precisa ter sucesso em cada encontro. Se a garota te der um pé na bunda, não vai receber.

-Tá, tudo bem. Você parece muito desesperado pra arrumar um namorado pra essa garota.

-É que essa menina é maluca. Ela fez coisas com os pretendentes que eu nem te conto. Se você conseguir sair com ela eu vou fazer de tudo pra pagar o que você quer.

-Entendi, deve ser algo bem pesado então. Quem é essa garota difícil?

-É essa aqui. -Pedro mostra uma foto para Guilherme, que fica surpreso. -O nome dela é Raquel D'ávila. É praticamente um suicídio chamar ela pra sair.

-Eu conheço ela. É da minha sala. Nunca pensei que ela fosse tão difícil assim.

-Ela é irmã da minha pretendente, Lorena. Mas, o pai dela só deixa ela namorar se a irmã namorar primeiro, o que é praticamente impossível.

-Deixa comigo, meu camarada. Vai ser moleza pra mim. -Guilherme diz convencido.

-Vai nessa. Eu já vou logo te avisando que se não conseguir, não vai sentir nem o cheiro desse dinheiro. 

Pedro sai andando e Guilherme fica assustado.

"É a minha melhor chance até agora, não posso desperdiçá-la. Eu preciso da grana. E não deve ser tão difícil assim."

Na hora do recreio, Lorena fica na sala fazendo uma tarefa. Mário vê uma oportunidade perfeita.

-Oi, Lorena. Tudo bem?

-Não, Mário, não tá nada bem.

-Ei, calma, o que aconteceu pra você estar assim?

-É a Matemática, é isso. Essa porra é o demônio.

-Vish, sinto muito. Eu sei que muita gente tem dificuldade.

-Mas, pra mim não é só dificuldade não. Eu acabei ficando de progressão. -Lorena afaga o rosto nas mãos. -Eu não sei mais o que fazer pra colocar isso na minha cabeça.

-Aí é complicado. Mas, se você quiser, eu posso te ajudar.

-O quê? Você é bom em Matemática?

-Eu só ganhei duas Olimpíadas, minha querida. -Mário diz convencido e Lorena fica boquiaberta.

-Meu Deus, então você é um genio. Como você consegue?

-Eu tenho algumas técnicas que deixa mais fácil. Se quiser eu posso te ensinar.

-E quanto você cobra pra me ensinar? Porque eu tô desesperadaaa!

-Não vou cobrar nada por isso. 

-Ah, obrigada, você é um amor. -Lorena dá um beijo na bochecha dele, que fica bobo.

Lorena sai, animada, e Mário fica sorrindo, bobo.

-Já dei o primeiro passo. Espero que o tal do Guilherme cumpra a parte dele.

No pátio, Raquel e Mirela conversam. Luca vai na direção delas.

-Mirela, será que a gente pode conversar?

-Eu não tenho nada pra falar com você, Luca.

-Qual é, Mirela? Até quando você vai ficar com raiva por causa dessa besteira? Nem foi com você.

-É, mas você agiu como uma babaca, Luca. E além do mais, você começou a rádio sem mim. -Mirela cruza os braços, com raiva.

-Eu sei, eu errei. Mas, me dá outra chance por favor.

-Eu vou pensar, Luca.

-Hoje a gente tem que gravar vídeo de Lurela, esqueceu?

-Tá vai, mas vai ser só isso.

Mirela e Luca se retiram, deixando Raquel sentada, sozinha. Guilherme vê a oportunidade perfeita pra colocar o plano em ação. 

Ele se senta do lado dela, que nem percebe a presença dele, enquanto mexe no celular.

-Er...oi, Raquel.

Raquel olha pra ele, estranhando, depois volta a mexer no celular, ignorando a presença dele.

-Tudo bem? Olha, eu sei que a gente nem se conhece direito, mas eu pensei que...

-A resposta é não.

-Qual foi, eu nem disse nada ainda.

-É, mas eu sei onde esse conversa ia chegar. Então, é melhor eu já deixar claro uma coisa: se você tá pensando que vai me usar pra esquecer a Carla, pode tirando o seu cavalinho da chuva.

Raquel sai andando, deixando Guilherme com cara de tacho.

"Caramba, mas ela é muito difícil. Mas, não pense que eu vou desistir de você assim tão fácil."

Na volta das salas, a professora de História entra na sala do terceiro ano.

-Bom, alunos, hoje eu vou passar um trabalho em dupla. Mas, sem alvoroço na hora de escolher o parceiro.

-Vamos fazer juntas, Mi?

-Foi mal, Quel. É que eu acabei de fazer as pazes com o Luca e vamos aproveitar pra gravar um vídeo hoje.

Mirela vai se sentar com Luca e Raquel fica chateada.

"Mais uma vez vou fazer sozinha."

Guilherme se senta do lado dela.

-O que você quer?

-Bora fazer nós dois?

-Conta outra, até parece que você quer fazer comigo.

-Quero sim.

-Vem cá, garoto você não desiste não?

-Bom, se você não quiser fazer dupla comigo, acho que não tem nenhuma outra opção.

Raquel revira os olhos.

-Tá bom, vai. Mas, que fique bem claro que não vai passar disso!

-Fechou, então.

Eles se cumprimentam e Guilherme sorri pra ela.

Carla olha a cena e fica com raiva.

No final da aula, Carla vai atrás de Guilherme.

-Gui, espera.

-O que você quer, Carla?

-Por que você escolheu ser dupla da Raquel? Você tá interessado nela por acaso?

-E eu te devo satisfações da minha vida, por acaso?

-Não, mas é que eu fico preocupada. Ela não é menina pra você.

-Carla, depois que você me traiu na cara dura, eu faço o que eu bem entender da minha vida, ok?

Guilherme sai andando e Carla fica irritada. Guilherme encontra Raquel.

-E aí, bora fazer o trabalho?

-Agora?

-É, pra não deixar pra ultima hora.

-Tá, vai. Vamos lá pra minha casa, que a gente pode ir de a pé.

Guilherme e Raquel saem juntos. Mário e os gêmeos comemoram.

-Não acredito que ele conseguiu o impossível. -Gael fica impressionado.

-Agora sim eu vou ter chance com a Lorena. 

Vendo a cena, Pedro vai em direção de Lorena.

-E aí, princesa. Finalmente consegui que a sua irmã saísse com um boy.

-É mesmo? E como conseguiu?

-Isso não importa. O importante é que agora você tá livre. E aí, bora sair hoje?

-Então, eu não sei se você lembra, mas eu tô de castigo.

-Ai, que droga, princesa.

-Mas, no fim de semana eu tô livre.

-Fechou então.

Lorena vai embora.

"Falta pouco pra você ser minha, Lolozinha."

Na padaria

Guilherme e Raquel almoçam e conversam.

-Mas, e então Raquel, me conta o que faz da vida?

-A gente veio fazer trabalho e não conversar.

-Tá calma, eu só pensei que enquanto a gente come, poderíamos nos conhecer melhor.

-Tá bom, vai. Mas, não se empolga não.

-Bom, me fala da sua família, você sempre morou aqui?

-Não, eu morei boa parte da minha infância em Portugal. Mas, depois que meus pais se separaram, viemos morar aqui.

-Tendi, e você fala com a sua mãe?

-Eu não quero falar sobre isso.

-Tá bom, não tá mais aqui quem falou. Eu entendo que você e sua irmã devem sofrer muito com isso.

-Espera um pouco, como você sabe que eu tenho uma irmã? -Raquel pergunta desconfiada e Guilherme engole em seco.


Notas Finais


Capítulo foi meio sem sal, tava com 0 inspiração.
O que vocês acham do Gui tentando conquistar a Raquel? Será que ela vai demorar pra descobrir a verdade?
Quem será que vai ganhar a disputa pelo coração da Lorena: Mário x Pedro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...