1. Spirit Fanfics >
  2. 11 Minutes >
  3. Onze Minutos (segunda versão)

História 11 Minutes - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Socorro que que eu to fazendo velho?????????? Ta então eu não ia fazer mais nd aq pq ne, eh um OS, maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaas, eu do nada resolvi que seria uma boa ideia "reinventar" isso...tipo???????????????? ai ent ne blz, tranquilo ne?
SÓ QUE EU GOSTO DE COMPLICAR A MINHA ENTÃO EU RESOLVI QUE SERIA UMA BOA IDEIA ESCREVER ISSO SEM A LETRA A
Sim, isso mesmo que você leu, oq vc vai ler agr não tem a letra a uma única vez (assim ne...eu espero pq pqp o trabalho que deu isso meu pai slc)
Ent assim é o seguinte, final acabou ficando mais poético do que eu esperava e talvez meio difícil de entender, mas eu me inspirei numa música que é 11 Minutes do YUNGBLUD, Halsey e Travis Barker (o link vai ta nas notas finais pra quem quiser k
Ai gnt ent é isso, eu real espero que vcs gostem e agnt se vê nas notas finais :)))))

Capítulo 2 - Onze Minutos (segunda versão)


O frio me preenchendo mesmo coberto, escorre de meu rosto o infortúnio, o dispositivo que com o brilho dói meus olhos chorosos, sentindo-me perdido e tendo meus ossos tremendo, eu sinto que só tenho o choro como consolo. 

O sentimento de sofrimento me tomou de súbito com o que foi dito pelo discurso visto por meus olhos

“Quero te ver”

Foi o que ele disse

Porém existe um frio físico e psicológico forte entre nós

Onze minutos e sim...sim, quebre meus sentimentos, eu penso, meu equilíbrio, somente tudo, tudo o que sou com mero período.

Contudo me deleito

E por quê? Você pode me inquirir.

Logo, me justifico:

Ontem foi frio, mesmo que necessite de mim frequentemente. 

Sim, ele me deixe ilógico, revolto, desconexo, sem entender como devo me sentir. Sim, eu deveria sentir-me cheio.

Gosto de infligir dor em mim mesmo e deixo com que outros executem-o do mesmo modo.

“Recue!”

Uns me dizem.

Porém ele é um vício do incontrole;

“Ele só é motivo de dor em ti”

Outros expõem.

Contudo é impossível eu fugir dele, fugir de mim, fugir disso;

Lembro um incoerente? Sei disso, me sinto defeituoso do mesmo modo de como tu me vê, porém creio que ele me vê do mesmo jeito intenso de como o vejo.

Sei que nossos sentimentos presumem indivíduos incoerentes e o informo que sim, somos incoerentes, contudo nos descobrimos um no outro.

Posso ser estúpido, porém ele foi o melhor que tive.

Meu subconsciente de modo ininterrupto diz:

“GRITE! Grite seu estimo, seus sentimentos, seu instinto! Grite com o propósito de toque nos ouvidos e sentidos de outrem! Mostre eles o que sente”

E eu quero, quero muito, quero por frequência, quero de jeito intenso, quero excessivo, quero colossal, quero extremo, quero imenso, quero desmedido, quero repetido, quero frequente, quero sempre! Quero que tomem conhecimento do intenso sentimento!

...

Contudo…

Por quê?...

Por que no mesmo tempo que sinto de modo intenso, sinto-me só, sozinho, esquecido, indefeso, exposto? Por que sinto que tenho o dever e o desejo urgente de vê-lo? Por que, enfim, persiste em sumir de jeito negligente?

Logo tento ser coerente e o pergunto:

“Me diz, me diz o que quer”

Porém o silêncio é contínuo.

Estou, de modo volumoso, consumido...

E sempre, sempre divididos por onze minutos

Físico e psíquico...

 


Notas Finais


o link da música: https://www.youtube.com/watch?v=a1RMiMLDsvQ
assim, eu acho que ficou curtinho mas ta BEEEEEEM intenso...se tu quiser me diz ai oq tu achou disso (eu real n sei oq eu criei scrr)
Bjs galeras :))))


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...