História 12 Dias Com Ele - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju
Tags Drama, Romance, Sasunaru, Yaoi
Visualizações 151
Palavras 1.343
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá Pessoa que está lendo está história, obg pro estar aqui sua visualização me incentiva a criar mais então bora pra história porque sei que você está curioso (a) caro leitor.

Capítulo 1 - Help Me


Fanfic / Fanfiction 12 Dias Com Ele - Capítulo 1 - Help Me

Help Me

Primeiro dia

Oi diário faz um tempo que não escrevo em você, não sei ao certo porque mas voltei a escrever em suas páginas em branco, bom pra começo de conversa sou eu Sasuke seu dono e amante da medicina, faz um ano que me formei na faculdade de medicina e agora estou querendo um hospital que me aceite para cuidar de seus pacientes,  por sorte ou obra do destino maravilhoso um hospital no centro de Nova York me chamou para cuidar de um paciente com câncer terminal, não sei ao certo o que está por vir e não posso chorar ou me apegar a este paciente pois sei que ele vai morrer mas ninguém sabe quando somente Deus sabe, está bem diário vou embora tenho que correr mas tarde escrevo em você.

Diário Off

Primeiro dia Hospital

Corro rápido quase caindo nas escadas do meu apartamento, entro no meu carro e sigo voando quase para o meu trabalho estava uns dois minutos atrasado mas porque me atrasei tanto? Bom eu não consegui arrumar minha gravata corretamente maldito seja quem criou está merda, suspiro e desligo o carro estacionando na estrada do local, ando apressado e vou até uma sala que continha meu nome na porta que estava escrito em dourado, sorrio largo amei aquilo sempre tive orgulho do meu nome claro, abro a bela porta me dirigindo até um armário procurando algo como meu jaleco, acho o mesmo o colocando, logo uma mulher loira e com seios enormes adentra a sala pequena e toda branca, ela me observa por um tempo até começar a reclamar.

Tsunade: Você novato está cinco minutos atrasado, qual o motivo para eu não te mandar embora pra casa novamente? 

Kakashi: Desculpa...estou atrasado...

Tsunade: KAKASHI HATAKE! PARADO AI!

Kakashi: Não hoje não,  eu sempre chego atrasado sem sermão

Rio vendo os dois brigando pelos corredores brancos do local, uau que povo louco, ando calmamente olhando quem era meu paciente o nome dele era Uzumaki Naruto ele estava com câncer de rim em estado avançado, crio forças adentrando em portas brancas enormes tendo a visão de um ser loiro, com os extremamentes azuis olhando pra mim com um sorriso doce igual a de uma criança, vai ser difícil...desta forma irei me apegar nele esta parte e a que eu mais temo, se está possibilidade acontecer eu irei morrer junto com ele quando o mesmo partir.

  Naruto: Bom dia...Doutor Uchiha! (Diz animado sorridente)

Sasuke: Bom dia Uzumaki...Como sabe eu serei seu novo médico, espero que sejamos amigos também (Ele abre um sorrio lindo enquanto eu me aproximo dele)

Naruto: Sim vamos ser muito amigos (ele se encolhe com a minha aproximação me fazendo recuar um pouco)

Não podia me aproximar tão rapidamente pois pelo que li sobre o jovem, ele tinha 18 anos e descobriu o câncer com 7 anos apenas, seus pais morram em um acidente de carro a anos atrás, então o governo internou o mesmo neste hospital, a história dele era triste e estranhamente senti uma vontade de proteger ele e abraçar aquele pequeno e frágil corpo, mas antes de tudo teria que ganhar a confiança dele, depois me aproximar pro completo começo a conversar com ele andando com o mesmo pelos corredores do hospital, Naruto tinha certa dificuldade pra andar mas com o meu apoio e segurando um cilindro de soro andava devagar ao meu lado sorrindo alegremente falando sobre seus gostos e defeitos,  sorrio vendo sua empolgação não parecia um paciente com câncer terminal parecia mais uma criança em um parque de diversões, tão inocente e puro porque a vida era tão cruel, suspiro sentindo alguém me cutucar tentando chamar a minha atenção. 

Naruto: Então doutor você já amou alguém? (Ele fala corado e de cabeça meio baixa de vergonha)

Sasuke: Bom...Já sim mas está pessoa morreu a muito tempo atrás mais ou menos dois anos (Falo calmo olhando a expressão triste do Uzumaki)

Naruto: Gomen-nasai...mas como é amar alguém?  Eu nunca amei e nem fui amado por ninguém (Ele olha nos meus olhos trazendo seu sorriso de volta)

Sasuke: Amar e quando você além de compartilhar sentimentos bons com a pessoa amada você também compartilha um amor que só você pode entender de onde vem, amar também é você dar carinho para aquela pessoa fazer de tudo para que ela seja feliz, não a deixar mal pois quando ela está mal você também fica muito ruim por conta disto, amar significa deixar de cuidar só de você para cuidar daquela pessoa que significa tanto pra você, quando se está apaixonado seu coração bate mais rápido quando está do lado da pessoa e quando ela aparece só consegue admirar ela.

O garoto fica animado dando pequenos pulinhos de alegria dizendo que queria amar e ser amado também, sorrio com aquilo ele era uma pessoa forte e alegre mereceria alguém que cuidasse muito dele e que o amasse mesmo após a sua morte, suspiro olhando para o relógio que marcava quase 13:00 as horas passaram rápido graças a Naruto que me fazia esquecer do tempo, como devagar meu almoço junto com outros médicos do hospital,  depois de uma hora de almoço volto pra minha sala recebendo mais pacientes, com uma menina de 6 anos que tinha um câncer raro de pele que estava a beira da morte, sua mãe estava orando e chorando e eu tentava dar conforto a ela de qualquer forma mas era triste ver a pessoa que você mais amava morrer de uma forma tão trágica e triste, o dia passou tão rápido como em um dia de limpeza que você fica muito focado em limpar as coisas e quando assusta já passaram das 19:30, estava exausto e com fome pois o almoço e uma maçã não me sustentou muito bem, como crio um buraco negro dentro de mim estou sempre com fome, guardo o jeleco no meu armário que ficava de frente pra uma mesa branca com documentos e um notebook que era meu, havia comprado ele pra trabalhar no hospital, arrumo meu cabelo que havia bagunçado saindo da sala que agora estava escura, me dirijo até ao quarto do Loiro que estava em um sono profundo, não pude deixar de sorrio olhando seu sono, acaricio seu rosto devagar pra não acorda-lo e possível se apaixonar a primeira vista? Acho que a resposta é sim, suspiro quase indo embora mas sinto uma mão me segurar, olho pra trás vendo o mesmo com os olhos marejado. 

Naruto: Doutor...onegai não me abandona, eu preciso de ajuda

Sasuke: Claro jamais irei te abandonar pequeno

Naruto: Arigatõ...Senpai

Faltava pouco para eu começar a chorar mas segurei com todas as minhas forças, sorrio em direção a ele depositando um beijo na sua testa que fez o pequeno se alegrar, meu coração por um momento bateu rápido e ai sim descobri que era amor, meu horário já tinha passado pois largava serviço as 20:30 mas acabei ficando três horas conversando com ele, enquanto o ajudava a tomar banho e comer alguma coisa.

23:30 horas volta pra casa

Como posso descrever o dia de hoje? Cansativo e triste, só hoje vi duas pessoas morrerem no hospital traumatizado? Sim...vou dormir? Possivelmente não mas a minha sorte era que Naruto estava ao meu lado,  chego em casa tirando a gravata e logo a roupa toda andando em direção ao banheiro para um banho quente e demorado, caio na cama com dor em todos os lugares possíveis do meu corpo e pego meu diário antes de dormir profundo.

Diário on

Querido diário não sei ao certo se vou aguentar trabalhar lá, os pacientes me deprimem pois nao quero que ninguém morra e sinto que estou me apegando aos poucos no Naruto coisa que jamais esperava mas eu vou deixar fluir naturalmente pois não quero sofrer com isto tudo mas de um jeito ou de outro irei sentir a dor da perda dele, por hoje  e só isto,  estou muito cansado para manter meus olhos abertos e a fome também me cerca como sempre mas vou dormir sem comer por que estou com preguiça de ir pra cozinha então e um até amanhã Diario meu companheiro nesta viagem sem volta para encontrar meu amor.




Notas Finais


Então e isto meus leitores, obrigado por lerem até aqui, próximo capítulo sairá provavelmente hoje obg e até o próximo capítulo♥♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...