História 1:31 A.M - 2Jae - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jinyoung, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Boyxboy, Choiyoungjae, Imjaebum, Markson, Parkjinyoung, Twojae, Yugbam
Visualizações 46
Palavras 1.592
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - 0.7


- Hyu... Jaebum - digo com certa dificuldade - Eu preciso de você essa noite.

- Eu estou aqui babe - acaricia meu rosto descendo até meu abdômen ainda coberto - Sou todo seu..

- Eu estou aqui babe - acaricia meu rosto descendo até meu abdômen ainda coberto - Sou todo seu.

- Ahhmm - solto um gemido baixo e meu abdômen retrai com o toque do mesmo.

- Você não acha que essa camisa está atrapalhando, hm?- ele puxa minha camiseta que agora ja está jogada em algum lugar daquele quarto.

- Você também ainda está muito vestido hyung - tento ir até ele que me impede de toca-lo.

- Já falei pra você que hoje sou seu Jaebum e não tem essa de hyung babe - ele distribui alguns beijos pela minha clavícula agora a mostra.

Arfo baixinho fazendo o mesmo sorri vitorioso pelo poder que seus toques quentes tem sobre meu corpo. Jaebum se coloca entre minhas pernas e começa a atacar meus lábios - Ele abocanhou meu lábio superior dando mordididas seguidas de selinhos molhados que demonstraram mais necessidade nos fazendo aprofundar o beijo.

Ele pediu passagem e quando me dei de conta sua língua já massageava a minha, quando paramos pra recuperar o ar Jaebum se aproveitou para descer seus beijos até meu pescoço, ele sugou minha pele deixando pequenos chupões vermelhos que me custariam caro depois mas que agora estavam sendo muito excitantes.

Os lábios dele estavam vermelhos e totalmente vulneráveis e aquela visão dele beijando meu abdômen so deixava tudo mais sexy.

- Jaebum - mira sua atenção no meu rosto rubro - Eu quero chupar você hoje, na nossa primeira noite eu não pude mas hoje eu quero te satisfazer.

Jaebum P.O.V

Aquela frase foi o estopim pra mim perder tudo o resto de sanidade que me restava em relação a Youngjae. Sentir aqueles lábios gordinhos em volta do meu membro era tudo o que eu mais queria e ele pedindo daquela forma nem em um milhão de anos eu negaria.

- Eu estou a sua disposição babe - dou um selinho nele e me deito me encostando na cabeceira da cama.

Ele engatinhou vindo até o meio das minhas pernas, se posicionou de uma maneira confortável e voltou a distribuir seus beijos pela minha clavícula tirando minha camisa em seguida.

- Jae-ah - solto um gemido baixo.

- Por que você é tão gostoso? - ele passou seus dedos gelidos em todo o meu abdômen - Te ver assim me deixa com o corpo ardendo - ele fez uma trilha de beijos e passou sua língua pelo meu mamilo esquerdo me causando um arrepio por toda minha espinha.

Puxei alguns fios do acastanhado que agora trilhava uma linha até a barra da minha calça - meus suspiros estavam cada vez mais incontroláveis.

Ele me olhou em um tipo de pedido e eu apenas assenti, ele abriu o zíper da minha bermuda e sem muita dificuldade a mesma foi parar no chão junto ao resto das roupas de Youngjae. Ele passou seus dedos curioso por cima da única peça que separava sua palma quente do meu menbro rígido e precisado de atenção.

Em um movimento rápido Youngjae também se desfez do fino pano que ainda sobrará no meu corpo - Agora eu tinha Youngjae nu, me olhando com desejo enquanto segura meu membro fazendo alguns movimentos de vai e vem.

- Você gosta disso oppa? - mordia o lábio inferior em sinal de malícia.

- S..im... - solto um gemido sôfrego quando o menor aumenta a velocidade.

Eu apertava os lençóis abaixo do meu corpo com força, eu juro que pude sentir um pedaço do paraíso quando Youngjae abrigou meu membro na boca quente dele.

Eu já não evitava mais gemer, sua língua fazia movimentos de vai e vem seus dedos ágeis masturbavam o resto que ele não conseguiu abocanhar e aquela visão de Youngjae de quatro me dando total prazer estava me levando a loucura eu sentia minhas pernas falhando então segurei seus cabelos e puxei com certa força fazendo o mesmo resmungar em reprovação.

- Eu não vou aguentar por muito tempo - digo já procurando o pote de lubrificante que me certifique de trazer - Fica de quatro pro seu oppa Youngjae-ah - sussurro e deixo um beijo molhado abaixo da sua orelha na sua pele branquinha e agora suada.

O menor com certa dificuldade se põe de quatro e empina suas nádegas fartas e branquinha na minha direção. Sem resistir dou um tapa forte o suficiente pra marcar a pele de Youngjae com meus dedos - ele gemeu e rebolou um pouco me deixando mais necessitado em possuir seu corpo outra vez.

- Por favor oppa - ele implorou choramingando por mais contato quando introduzi um dedo na sua entrada rosada e encharcada do seu lubrificante natural - Ahhnn oop...aa mais rápido - introduzo outro dedo fazendo movimentos rápidos dentro da entrada do menor.

- Você é tão pequeno e gostoso - deixo alguns selares por suas costas agora arqueadas em surpresa com o toque dos meus lábios.

- Eu imploro Jaebum Oppa - gemeu baixinho e dessa vez eu resolvi atender o pedido do meu pequeno donsaeng necessitado.

Me posicionei e adentrei Youngjae com delicadeza deixando que o menor se acostumasse e após alguns minutos sinto o mesmo rebolando pedindo mais contato.

Passei a estoca-lo com certa velocidade e algumas palavras desconexas saiam da boca do pequeno.

- Ahhh hyyung - gemeu apertando os lençóis que agora serviam como distração.

- Geme pra mim Youngjae - defiro outro tapa agora nas coxas grossas do menor - Quero você gemendo feito louco - digo no ouvido dele.

Aumento a velocidade e em consequência os gemidos melodiosos do menor estavam em uma frequência maior do que antes. Em uma rápida ação fiz com que o mesmo virasse ficando de frente pra mim - eu tinha toda a visão do corpo dele na minha frente - seus cabelos estavam desalinhados, seus lábios estavam vermelhos e inchados, seus olhos estavam fechados com certa força e sua respiração estava bastante dssvonpassada.

Voltei a penetra-lo com mais rapidez e força indo até o fundo acertando a próstata do menor que gemia alto e cravava suas unhas curtas nos meus ombros com intensidade.

- Eu to quase lá oppa - disse entre um gemido e outro - Maais rápido por...favor.

Continuei penetrando na mesma intensidade e levei uma das minhas mãos livres ao seu membro rígido e comecei com movimentos leves, algumas estocadas depois ele se desfez sujando um pouco dos nossos abdomens nus. Após duas ou três estocadas também me desfiz dentro dele que ainda respirava com dificuldade.

Me retirei de dentro dele e me joguei ao seu lado esperando que nossas respirações voltassem ao normal.

- Jaebum - ele disse baixinho - Quer dizer hyung - riu soprado - Acho que não vou conseguir andar por um tempinho.

- Eu vou estar aqui pra te levar onde quiser mas com uma condição - ele me olhou interrogativo - So se eu ganhar muitos beijos seus - abri um sorriso que foi correspondido pelo mesmo.

- Hmm então pode começar agora me levando pra um banho - ele esticou os braços e eu fui até o mesmo o segurando com cuidado.

- Tão delicado quando um bebê - deixo um selar na sua testa a mostra - Nem parece que é capaz de fazer tudo aquilo na cama.

- Jaebum - ele diz corado - Você não existe mesmo - riu escondendo o rosto no meu pescoço deixando um leve selar ali.

Coloquei o menor com cuidado na banheira já cheia e peguei seus produtos de banho.

- O que está fazendo amor? - ele perguntou curioso ao me ver pegando seu xampu.

- Vou dar banho do meu bebê - digo deixando um selar na bochecha gordinha e corada dele.

Coloquei um pouco do produto na palma da minha mão e esfreguei com delicadeza o couro cabeludo do mais novo. Ele brincava com algumas espumas que apareciam e eu sorria com a tamanha inocência que agora a pouco parecia nunca ter existido mas no fim Choi Youngjae era mesmo isso um serzinho inocente e doce que as vezes se corrompia mas que mesmo assim precisava ser tratado com todo amor e carinho do mundo e eu só espero ser suficiente pra ama-lo.

- No que está pensando hyung? - pergunta o baixinho agora me olhando fixo.

- Estava pensando em você - aliso sua bochecha - Em como eu te amo e se tenho capacidade de ser suficiente pra você.

- Isso - ele levou minha mão até seu peito - So acontece por sua causa hyung, e mesmo se você fosse o pior namorado desse mundo, coisa que você não é, eu ainda seria totalmente entregue a você.

Youngjae P.O.V

- Eu te amo Bummie e você é a melhor coisa que já aconteceu na minha vida - beijo ele com calma tentando traduzir todos os meus sentimentos em apenas um beijo.

- Eu também te amo Jae - selou meus lábios outra vez - Amo muito.

Terminamos nosso banho e após Jaebum me ajudar a secar meus cabelos nós resolvemos dormir afinal nossas "férias" estavam quase no fim e meio que extrapolamos um pouco os limites - se é que me entendem.

- Boa noite amor - digo dando um selinho no maior que agora sorria satisfeito.

- Boa noite Jae-ah - ele beijou minha testa e me abraçou em forma de conchinha - Ahh como eu amo o cheiro dos seus cabelos.

Ri sem graça e quando notei o mesmo já havia pegado no sono sem muita dificuldade, sorri mais uma vez e me entreguei ao sono.


Notas Finais


Olá meus amores, espero que vocês tenham gostado desse capítulo e por favor não desistam dessa fic e nem de mim ❤💕 desculpem qualquer erro 💜 beijos e até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...