História 14 é DEMAIS! - BTS - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens BamBam, Jackson, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Interativa Bts
Visualizações 264
Palavras 1.388
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


PRIMEIRO CAPÍTULO COM AS ACEITAS!

Capítulo levinho, apenas para divulgar as aceitas mesmo.

Tomara que gostem ;)

Capítulo 3 - Capítulo 1 - Uma noite e tanto.


Fanfic / Fanfiction 14 é DEMAIS! - BTS - Capítulo 3 - Capítulo 1 - Uma noite e tanto.

"Porque não importa o quanto algo nos machuca... as vezes se livrar dele doí mais ainda."


Meredith Grey.


                          (...)


     Kwon Natacha Point Of View


Não posso falar sobre o que é a surpresa mas... eu tenho muito medo de como vocês vão reagir. Digo enquanto coloco uma mecha do meu cabelo atrás da orelha em um ato de nervosismo.

Agora com toda a certeza eu tô com medo. Won dizia enquanto me encarava hesitante. Se até você ficou desse jeito, Unnie...Ela fez uma careta estranha. Imagina eu!

Aish... Será que dá pra parar com esse drama todo Won?! — BoRa repreendeu à mais nova. 

Não é drama coisa nenhuma! Won aumentou o tom de voz me fazendo lançar um olhar repreendor em sua direção. A mesma abaixou a cabeça com um biquinho de raiva.

Não fale assim com a minha Wonnie. Abri os braços insinuando um abraço que logo é preenchido pelo corpo da mais nova se aninhando ao meu em um abraço carinhoso.

Eu também quero Unnie...Eun-Kyung choramingou me fazendo dar um leve riso anasalado.

Vem dar um abração de urso na sua Unnie, minha maknae preferida! Falo enquanto afastava Won levemente e abria os braços na direção de Kyu que me abraçou com ternura.

Sorri enquanto à abraçava com a mesma intensidade logo sentindo um leve selar em minha bochecha.

Desse jeito vai acabar acostumando elas mal, Unnie. — Ouço a voz de Valentina ecooar pela sala logo dando espaço para sua presença na mesma.

Elas já estão mal acostumadas.BoRa respondeu ao argumento da mais nova enquanto recebia um sorriso.Isso é o que eu tô pensando?! — BoRa adquiriu um grande sorriso em seu rosto enquanto se aproximava da mais nova.

Incrível como uma tigela de doces pode mudar a personalidade de um ser.

Será que alguém pode me explicar o que tanto a mamãe esconde?! Sorri ao ouvir a voz de Stella ecooar pela sala com desespero.

STAR! Gritei enquanto me levantava do sofá rapidamente.

Eu tinha uma grande surpresa para minha Saeng. Afinal, não é todo dia que fazemos dezenove anos.

Corri em sua direção à abraçando fortemente fazendo a mesma cambalear um pouco para trás com o abraço repentino.

Minha Star está crescendo tão rápido...Digo enquanto apertava as bochechas de Stella que me encarava confusa.

Mas meu aniversário só é daqui à três dias, Unnie.Ela dizia com a voz engraçada por conta de eu estar apertando sua bochechas.

Aish...Soltei suas bochechas.Por isso mesmo, você já está quase da minha idade. Ainda me lembro de como eu gostava de olhar você no berço e...Uma voz me interrompeu.

Olá, Unnie eu estou bem também, obrigada.Hwa-Young dizia com irônia enquanto me observava dar atenção apenas à Stella.

— Oh meu anjo! — Abraçei a mais nova que sorriu e me abraçou de volta.Desculpe. Está tudo bem?

Sim, Unnie.Ela respondeu enquanto eu deixava um selar em sua testa.

Já estão todas presentes? Ouvi a voz de minha mãe e logo pude observar a mesma descer as escadarias de carvalho com suas vestes elegantes. 

Sim! BoRa respondeu com a boca cheia de doces.

Seria fofo se não fosse falta de educação.

BoRa! — A repreendi enquanto dava uma risada.Não fale de boca cheia.

Foi mal. Ela respondeu enquanto tentava comer mais doces da tigela de Valentina.

Todas nós nos sentamos nos sofás enquanto minha mãe se sentava elegantemente na poltrona de couro estufado.

Creio que já saibam que eu tenha uma notícia para vocês. Minha mãe começou a falar enquanto me encarava brevemente voltando a olhar para as mais novas.

Pra quê tanto mistério Sra.Kwon?! Stella perguntou enquanto observava minha mãe engolir me seco.

Vou ir ao ponto logo de uma vez.Minha mãe me encarou enquanto eu assentia levemente tentando passar confiança à ela. Eu vou me casar.


Agora, com certeza fudeu.

Jogar a bomba assim, sem mais nem menos?!

Aish mãe...

Será que ela não havia entendido que ir direto ao ponto deveria ser explicar calmamente como havia achado outro alguém em sua vida?

Isso é alguma pegadinha ou algo do tipo? Eun-Kyung pergunta diretamente pra mim.

Nego levemente com a cabeça enquanto observava à reação das minhas irmãs.

Hwa-Young mantinha à feição de surpresa mais logo substituiu por um leve sorriso.

Isso é uma ótima notícia mãe.— Young disse enquanto encarava nossa mãe.— Quero que seja feliz.

Hwa-Young era a mais velha depois de mim.

Com toda certeza, eu acreditava que ela agiria de um modo mais maduro.

Que alívio.

Pelo menos por alguns breves segundos.

A face de Eun-Kyung demonstrava o quanto ela estava incrédula com aquela notícia.

Ela era minha maior preocupação.

Eun-Kyung era a mais nova da família.

Era quem eu mais temia se "afetar" à essa notícia.

Ela balançava a cabeça levemente em um gesto de negação enquanto mantinha a boca aberta e os olhos arregalados.

Observei a mesma morder os lábios fortemente à ponto da coloração vermelha sujar levemente seus lábios.

Ah não...

Eun-Kyung deixou à sala enquanto corria na direção de seu quarto.

Isso era um grande problema.

A porta se fechou com um grande estrondo no andar de cima e logo pude perceber que ela estava magoada.

Querida...Minha mãe me encarou e eu logo respondi seu olhar.

Eu vou falar com ela.Me levantei enquanto subia os degraus da escada na direção do quarto de Kyu.


         Narrador Point Of View

Filhas, por favor...A Sra.Kwon disparou após ouvir os últimos passos de Natacha na escadaria.Não quero que achem que estou substituindo o pai de vocês. Ele foi o homem que eu mais amei em toda a minha vida, e sempre o amarei. Nós o amaremos. As garotas se entreolharam.

Valentina ainda mantinha seu olhar surpreso que logo foi notado por sua mãe.

Tini? Sua mãe à chamou fazendo a garota soltar um grito estridente fazendo todos se assustarem.

Ignorando esse berro da pantera asiática eu quero dizer que se alguém vier de palhaçinha pra cima de mim eu vou agredir e com gosto! Stella disse fazendo o clima estranho se esvair de prontidão.

Vejam pelo lado bom...A Sra.Kwon disse se aproximando de Valentina que ainda mantinha a feição surpresa. Vocês terão novos irmãos.

IRMÃOS?! Stella perguntou indignada. Já basta ter seis pessoas querendo roubar minha comida e eu ainda vou ter que aguentar outros?! Aí deles se tocarem na minha comida... Aí deles. Stella fez uma careta estranha com os olhos cemirrados enquanto passava o dedo indicador pela garganta simbolizando a morte.

Wonnie? A mãe das garotas chamou a atenção da mais nova que mantinha o olhar perdido.

Won se levantou enquanto encarava a mãe com um olhar triste e olhos marejados.

Espero que seja feliz.Falou com um tom de desgosto enquanto caminhava na direção das escadas.

Filha...Sra.Kwon tentou chamar à atenção da mais nova que apenas parou de costas para a mesma. Tente entender.

E então Won engoliu o choro enquanto sentia seus olhos tremeram levemente pela vontade imensa de chorar.

 Subiu as escadas em uma velocidade rápida enquanto caminhava na direção do quarto de Natacha onde enfim desabaria em prantos ao lado de seu porto seguro. Sua irmã.

Ah...A Sra.Kwon lamentou enquanto se sentava ao lado de Valentina. — Isso saiu da pior maneira possível.

Não liga pra isso mãe.— BoRa que até então se manteve quieta acariciou os ombros da mãe. — Isso é apenas drama. Sabe como elas são.

E você filha? A Sra.Kwon perguntou com o olhar cabisbaixo. Vai gritar comigo ou sair correndo também?

BoRa deu de ombros.

Não vou fazer drama.Ela sorriu dando um leve selar na bochecha de sua mãe. Não precisa se preocupar comigo.

A Sra.Kwon sorriu enquanto acariciava a mão da mais nova que pegou a tigela de doces da pequena mesinha de centro e subiu as escadas em direção ao seu quarto.

Eu acho que é a minha deixa.Stella disse se levantando e dando um beijo casto na testa de sua mãe. Boa noite mãe.

Boa noite querida.

Eu também vou indo.Valentina se levantou enquanto encarava sua mãe.Quero que saiba que... eu quero que seja feliz mamãe. Estou do seu lado.— E então deixou um leve selar na bochecha de sua mãe enquanto deixava a sala em seguida.


Aquela noite acabou sendo uma noite e tanto.



Notas Finais


PARABÉNS AS ACEITAS! VOCÊS MERECERAM MEUS AMORES <3
. @JeonMiy criadora da nossa Hwa-Young.
. @K00kinho criadora da nossa BoRa.
. @E-S-T-R-A-N-H-A criadora da nossa Won.
. @Oh_Xiih criadora da nossa Stella.
. @NariKim_ criadora da nossa Eun-Kyung.

E a @_Lirio_ a criadora da nossa Valentina.

PARABÉNS!

E quem não foi aceita, não se preocupem que terão outras chances em breve :')

E fiquem de olho pois as personagem secundárias poderão ser as suas!

Vejo vocês em breve com o segundo capítulo de 14ÉD.

Spoiler: próximo capítulo é com o ponto de vista dos garotos ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...