1. Spirit Fanfics >
  2. 1994 ( TaeTen) >
  3. Day eight

História 1994 ( TaeTen) - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Day eight


Taeyong

alguns dias depois do pedido

Foi um pouco estranho Chitta me convidar para morar com ele, mas não vou mentir eu adorei essa ideia , ele me ajudou a levar a última caixa p'ra dentro do apartamento

-- obrigado- falo olhando para o garoto da minha mãe que estava corado pelo esforço.

-- de nada....queria te ajudar de alguma forma..- ele diz sorrindo


A gente se olha por alguns momentos , ele me fazia sentir bem . Chitta pigarreia ficando vermelho

-- bem preciso ir p'ra aula, se cuida ok? Qualquer coisa pode me ligar não mordo - Ele fala pegando as chaves e saindo.


14:55 a.m

Quando eu termino de arrumar tudo meu telefone toca , decido deixar tocar mas ele continua inúmeras vezes até atender

-- Jungwoo tomara que seja importante, eu ia dormi ..- me sento na cama percebendo a respiração dele ofegante.- você está bem?

--Taeyong...

-- Jungwoo...

Um silêncio se estalou na linha até eu escutar um suspiro na outra linha e um "Você consegue " baixinho

-- Eu beijei o Yukhei...., na verdade foi um acidente sabe eu juro , ele pediu minha ajuda com um negócio dai quando ele chego ele foi me assustar, só que
quando virei ele tava mundo perto dai aconteceu que minha boca encostou na boca dele e agora eu não sei o que fazer .Eu me tranquei no banheiro do restaurante- ele metralha as palavras e fico tentando processar tudo

-- Aconteceu o que? Calma respira fundo ....foi um selinho então?- pergunto

-- é, TAEYONG ELE É NAMORADO DO CHITTAPHON - Ele grita no telefone e eu fico pensando de tivesse alguém no banheiro junto

-- VOCÊ ACHA QUE NÃO SEI???? EU TO MORANDO
NA CASA DELE- grito também sem saber o motivo

-- EU SEI E VOCÊ GOSTA DELE

a gente fico em silêncio, e estranho alguém falar que eu gosto do Chittaphon sem eu mesmo me falar isso

-- ok....fala que foi um acidente - digo


-- Eu falei! Ele disse que não tinha problema- escuto um barulho na porta do banheiro

-- Jungwoo?- era a voz do Yukhei

-- se não tem problema conversa com ele direito ...- falo, escuto um protesto - sem 'a' vai e conversa depois me conta


Desligo o telefone.


Fico olhando pro nada tentando pensar, eu queria contar sobre isso com o chitta, mas como falar "oi meu amigo deu um selinho sem querer no seu namorado ". Jungwoo não faz mal nem uma mosca , conheço ele e sei que não fez por mal. Minha cabeça começa a doer até que eu só vejo preto em tudo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...