1. Spirit Fanfics >
  2. 2 becomes 1 >
  3. Capítulo 01

História 2 becomes 1 - Capítulo 1


Escrita por: Yoniet

Notas do Autor


Antes de ler o conto prepare seu fone de ouvido e crie uma playlist com as seguintes musicas.

Para entrar no clima do conto:

Pintura Intima (Kid Abelha)


Para leituras onde cada palavra e sensação são apreciadas demoradamente:
2 becomes 1 ( Spice Girls)
Halo ( Beyonce)
Only when I sleep ( The Corrs)




Para leituras que seguem a euforia de cada momento do conto:
2 becomes 1 ( Spice Girls)
Only when I sleep ( The Corrs)

Capítulo 1 - Capítulo 01


O som que ninguém ouve é o mesmo que desperta a garota naquela manhã. Uma música tão irritante quanto a noite mal dormida. Tão impertinente quanto a insônia que a aborrece noite após noite em um escárnio de seus próprios pensamentos sem base alguma de lógica e sentido.

            Precisava encontrar um motivo, uma razão, uma faísca que fosse para gozar novamente ao dormir profundamente em uma noite longa e prazerosa.

            Um sorriso nasce entre seus lábios já imaginando como seria essa tão esperada noite se o gozo e o prazer fossem por outros motivos e não por apenas dormir.

            Sem muita vontade, Natasha se levanta para enfrentar mais um dia. Sem nenhum ânimo estampado em seu rosto, sente, lá no fundo de seu intimo que esse dia pode mudar todo o rumo de sua vida.

            Olhando seu reflexo no espelho, força um sorriso para combinar com essa pequena esperança de que tudo poderá melhorar, e que no final, tudo ficará bem.

 

********************************

Natasha está imersa divagando entre seus pensamentos e delírios. Até o presente momento daquele dia promissor, nada havia acontecido de diferente e nada emocionante a estimulava a manter um sorriso no rosto.

Piadas e comentários engraçados havia de monte. Ela mesma era a responsável por proporcionar tamanha diversão, mesmo quando no seu interior somente gritos, lágrimas e angústias estavam presentes.

O que deveria fazer para tomar as rédeas e se tornar a protagonista de sua própria vida? Estava cansada de ser um peão indo e vindo, sem nenhuma direção ou objetivo, somente por estar nas mãos de alguém superior.

Mesmo revoltada, seu raciocínio não lhe ajudava a encontrar uma solução que resolvesse seus problemas. E como ouvira alguém dizer naquela manhã, também não poderia culpar o destino, afinal, “chamamos de destino às asneiras que cometemos”.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...