1. Spirit Fanfics >
  2. 2 meses para amar-Jenlisa-(Short fic) >
  3. Capítulo Quatro

História 2 meses para amar-Jenlisa-(Short fic) - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Capítulo Quatro


Fanfic / Fanfiction 2 meses para amar-Jenlisa-(Short fic) - Capítulo 4 - Capítulo Quatro

Kim Jennie ON

Já havia chegado em casa e estava no jardim lendo o livro que tinha pego na noite passada. Até que ouço uma gritaria enorme. Apuro minha audição e indentifico a voz da minha mãe, do meu pai e da minha irmã, novamente eles estavam brigando.

-NÃO E NÃO !!! A JISOO VAI SIM NO BAILE E ARRUMAR UM NOIVO. - Gritou meu pai.

-NÃO EU NÃO VOU PAI !!!

-NÃO OUSE A FALAR ASSIM COMIGO GAROTA !!!

-AMOR PARE COM ISSO !!! A GAROTA NÃO QUER ISSO !! - Agora foi minha mãe que gritou.

-EI PAREM PFVR !!! SE ELA NÃO QUER ELA QUE ELA NÃO VÁ !!! - me intrometi.

-OLHA AQUI JENNIE VC NÃO PODE FALAR NADA OK ?!! OLHA SUAS VESTES PARECE UM GAROTO !!! VÁ COLOCAR UM BRINCO, JOIAS E VESTIDO !! SEJA UMA MULHER PRENDADA !!! - minha mãe gritou para mim.

-ISSO NÃO É SER PRENDADA ISSO É SER SUBMISSA, ISSO É NÃO TER OPINIÃO SOBRE VC MESMA E SEGUIR ESSA A INFLUÊNCIA DESSA PORRA DE SOCIEDADE !!! E NÃO EU NÃO VOU SER COMO VC EU NÃO VOU DEIXAR DE SER EU PARA AGRADAR A NINGUÉM !!!

-OLHA ESSA BOCA JENNIE !!! NÃO FALE ASSIM - Disse minha mãe.

Nem tive tempo de responder pois o tapa que meu pai deu em meu rosto foi tão forte que fez eu ir passos para trás.

-Eu odeio vcs... EU ODEIO TODOS VCS !!!

Não disse mais nada apenas sai correndo dali em direção ao meu quarto.

[...]

O meu travesseiro já estava úmido pelas tantas lágrimas que escorriam pelo meu rosto. Eu odeio minha família. Ela é a única que poderia me dar amor e carinho. Mas não ela só está ali para me julgar.

Por que eu não poderia ter uma família como a da Laliz....A Lalisa Manoban....Ela mexeu comigo. Não posso negar.

Sai dos meus pensamentos com alguém batendo na porta e logo entrando. Era a Marlete.

-Jennie ! Por que está chorando querida ?!!

A mais velha veio até mim e se sentou ao meu lado. Subi meu rosto para olhar a mesma e quando ela viu a marca da mão de meu pai suas mãos ficaram para a frente da sua boca em sinal de surpresa.

-Minha nossa Jennie !! Quem fez isso em você ?!! Ah não fique assim me conte tudo .

-Eu simplesmente odeio minha família...Eles são tóxicos e fazem muito mal pra mim... Foi meu pai que fez isso em meu rosto.

- Jennie temos que passar algum gelo aí está muito vermelho.

-Ok Marlete.

- Venha querida.

Marlete me ajudou a levantar e foi até o banheiro comigo.

-Tome um banho e relaxe, estarei te esperando na cozinha com o gelo para passar aí.

Depois dessas palavras Marlete saiu fechando a porta atrás de si. Me preparo e preparo a banheira. Depois de pronta entro na mesma.

Tomei meu banho e sai da banheira me enrolando no roupão. Fui até meu closet e coloquei uma roupa confortável. Afinal só iria ficar em casa... Na minha solidão.

Sai do quarto indo em direção a cozinha. Chego lá e vejo Marlete mechendo em algo na panela porém o saquinho com gelos estava em cima da mesa.

- Pegue Jennie...Acho que isso pode ajudar.- Marlete disse com um sorriso no rosto.

- Obrigada Marlete, vc é a única que se importa por mim - me lembrei na hora da Lisa- e outra garota também se importa comigo.

- E quem seria essa garota ?

-Uma garota muito especial... Muito mesmo.

[...]

Estavam todos sentados na mesa de jantar. O silêncio abitava ali. Até que meu pai se pronuncia.

- Haverá um baile e vcs duas - apontou para mim e para Jisoo - Seram obrigadas a ir.

- Por que seremos obrigadas ?

- Por que lá estarão vários rapazes e vcs poderiam se interessar por algum.

Então aquele era o interesse do meu pai...oq não é muita surpresa pois uma hora ou outra ele iria fazer isso. Não respondi nada a ele apenas abaixei minha cabeça e voltei a comer.

-Ah e o baile será a 2 meses. Terão bastante tempo para se arrumarem.

[...]

Já era no outro dia. E hoje eu iria né encontrar com a Lisa. Por mais que eu esteja triste ver a Lisa já me deixa um pouco mais animada.

Já estava pronta. Meio que eu tinha ficado com os tênis do Hoseok para mim. Tomara que o mesmo não perceba.

Sai da minha casa, que por mim pode ser substituído por inferno, e vou até o lago. E ali estava aquela menina linda. Ela me avistou e um enorme sorriso se formou eu seu rosto.

Ela estava em baixo de uma árvore. Hoje ela não estava com nenhum tipo de cesta. Mas estava ali feliz do mesmo jeito.

Me aproximei de Lisa e a mesma me disse.

- Olá Jen !! Tudo be-... Que marca é está no seu rosto ?!!!

- Ah oi Laliz... Não é nada não.

-Me fale logo Jen , quem fez isso ?

A garota agora estava mais séria. Respondi com sinceridade pois sabia que em Lisa podia se confiar.

- Meu pai...

-Minha nossa... Como o próprio pai pode fazer isso com a própria filha ?!! Isso é errado !!

- Sim é... Mas fazer oq né.

- Mas eu tenho um convite pra fazer pra vc Jen...

-. Qual é ? - Respondi animada.

- Vc aceita ir dar uma volta na cidade comigo ?

Pensei bem...e se meu pai descobrisse ? Eu iria estar ferrada.

- Ok...Ok eu vou - Falei com um sorriso.

- Ebaaaa. - comemorou a menina com um enorme sorriso também.

[...]

Kim Jennie OFF

Lalisa Manoban ON


A cidade estava cheia e a Jennie ao meu lado estava maravilhada.

- Faz tempo que não vem a cidade Jen ?

- Muito... Muito tempo já que meu pai me prende lá dentro.

Avistou uma barraca. Estava vendendo flores.

- Vem !! - Peguei na mão da Jen e a levei até está barraca. - Escolhe uma Jen.

- Ah Laliz não precisa disso eu fic-

- Escolhe uma logo Jen.

Observo a cara de pensativa da garota. Ela é linda dms.

- Eu gostei desse buquê de girassóis !

- Ok então.

Comprei aquele buquê e saímos dali e ficamos andando pelas ruas da nossa cidade.

Lalisa Manoban OFF

Pai da Jennie ON

Eu desconfio daquela garota, a Jennie. Ela está aprontando alguma e eu sei bem disso.

Pensei bem e tive uma idéia. E se eu contratasse alguém pra vigiar ela ? E oferecesse a mão dela em troca ? Uma ótima idéia.

Sai do meu escritório e fui até Margarete.

-Margarete !

- Sim senhor.

- Quero que arrume alguém para vigiar a Jennie. E rápido. Quero essa pessoa a tarde no meu escritório.

- Ok senhor.

Me retiro dali voltando para meu escritório. Já que a pessoa que iria vigiar ela iria ter a mão da Jennie então a mesma não teria que ir ao baile.

 Pai da Jennie OFF

Lalisa Manoban ON

E ali estava eu e a Lisa. Na ponte.

- Muito Obrigada por hoje Laliz, meu dia foi bem feliz com vc.

- De nada... Fico feliz que tenha gostado.

A garota estava com um sorriso no rosto. Chego perto dela dou um abraço na mesma. Por essa ela não esperava concerteza. Ela me abraçou também e disse.

- Vamos nos ver amanhã Jen ?

- Claro Lisa.

Saio do abraço e ando em direção a minha casa. Demoro uns vindo minutos e chego na mesma. Estava indo em direção ao meu quarto porém meu pai aparece.

- Jennie, vc não irá mais ao baile.

- Sério ?! - Fiquei feliz - Mas... Por que ?

- Mudanças de planos - após isso ele sai sem falar mais nada.

Sigo novamente em direção ao quarto e após chegar nele tranco a porta. Queria ficar sozinha por um tempo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado ❤️
Obrigada por ler bjos ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...