História 2 minutos - Lutteo - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ada, Amanda, Ámbar Benson, Benício, Delfina, Eva, Jazmin, Juliana, Luna Valente, Matteo Balsano, Monica, Nina, Personagens Originais, Ramiro, Ricardo, Silvana, Simón, Tino
Tags Lutteo, Romance, Sou Luna
Visualizações 59
Palavras 415
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Festa, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


<3

Capítulo 2 - Quem é o meu pai?


Fanfic / Fanfiction 2 minutos - Lutteo - Capítulo 2 - Quem é o meu pai?

Luna POV.

Eram 12:43, fui buscar Karol na escola, minha filha era o único motivo pra eu não desabar nesses últimos 6 anos, o Matteo me destruiu me fez acreditar numa mentira que era o amor que ele dizia sentir por mim, mas o meu foi real, e infelizmente esse maldito sentimento ainda é e ele é inesquecível, arrumar outra pessoa? Pra que? Quem vive me falando isso é a Ambar ela acha que eu estou desanimanada e triste, e ela tem razão eu deveria arrumar outro alguém... Eu ja tentei! Mas não da. Eu não confio mais em ninguém, meu " contos de fadas " chegou ao fim e parece que meu príncipe não era encantado, com o que eu trabalho? Moda! Meu sonho desde pequena. Teve quem disse que eu não iria conseguir, mas nunca liguei, pelo contrario só me deu mais forças de correr atrás do que eu quero, nunca desisto das coisas, ah la vem a Kah com o seu professor Michel.

Abri a Janela do carro, e ele acenou pra mim com um sorriso, fiz o mesmo, abri a porta e Kah entrou com uma carinha meio pra baixo.

Luna: como foi o dia princesa? - disse sorrindo e ela simplesmente fez um mais ou menos com as mãos. - ah, e por que? Algum colega te ofendeu?

Kah: não mamãe, é "qui" "hosi" foi dia de levar os pais.

Luna: ah entendi, meu amor a mamãe ja conversou mil vezes sobre isso, eu sou o seu pai e a sua mãe.

Kah: mas pais são diferentes de mães.

Luna: somente fisicamente!

Kah: Oque é hisi... "Hisificamente" - disse e eu dei risada.

Luna: fisicamente Kah. Só de rosto.

Kah: aaaaaah tendiii! Mamãe?

Luna: uum??

Kah: quem é o meu pai?

Luna: não importa Karol

Kah: mas mamãe... Todos os meus amigos tem!

Luna: mas você não! - disse sem medir as palavras e num tom alto - me desculpa, é que a mamãe não gosta de falar disso, desculpa, se eu te falar o nome você para de perguntar?

Kah: siiim!!!! - disse com o sorriso mais lindo do mundo.

Luna: Leonardo - eu sei, não deveria ter mentido 

Kah: iuuupii, ta desculpada.

Ufaaa, to livre de perguntas do tipo por no minimo 3 dias, parece pouco, mas até dois minutos bastava, viro pro Lado e... Não pode ser

Luna: é ele! - disse segurando as lagrimas pra Kah nn perceber 

Kah: ele quem mamãe? Vc  ta chorando?

Contínua...

 

 


Notas Finais


<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...