História 3337-5g - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Tags Baekyeol, Chanbaek, Filosofia, Poesias
Visualizações 3
Palavras 867
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Misticismo, Poesias, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - 8


Fanfic / Fanfiction 3337-5g - Capítulo 8 - 8


Muito empolgados. Era isso que os pais do Byun pareciam. A culpa fez a garganta do Park ficar seca, e Baekhyun percebeu isso, pois, posteriormente ele entrelaçou as mãos – finalmente secas – com as do mais alto.

O mais velho respirou fundo, como se estivesse juntando coragem, e começou a falar.

– Chanyeol descobriu algumas coisas sobre minha avó.

O sorriso que estava estampado na cara de ambos se desmanchou quase que instantaneamente, e a culpa de Chanyeol também aumentou.

–Ela se chamava Naomi, e tinha uma filha chamada Yumi, mas nada a ver com Hana. – Tudo que o Byun contava tinha sido explicado e explicado de novo milhões de vezes pelo Park ao caminho da casa dos Byun.

– Eu quero saber mais. Ela tinha GZV, vocês sabem que pode ser passado pra Bo-Young, né? - O pai de Baekhyun engoliu em seco, e os dois puderam perceber que ele estava muito mais nervoso.

–Hm, certo... – Ele tossiu, e bebericou a água que sua esposa havia trago antes de ambos sentarem nas cadeiras. – Baekhyun, tem certeza que quer que o Chanyeol fique aqui?

Chanyeol diria um "eu posso ir embora", porém Baekhyun foi mais rápido, como sempre.

–Ele fica. Ele tem que ficar.

O Sr. Byun concordou com a cabeça, e pegou na mão da madrasta de Baekhyun, antes de começar a falar.

–Sua mãe é sim filha de Naomi, mas ela nasceu quando Naomi foi internada, Naomi teve relações sexuais com um guarda, e Hana acabou nascendo em segredo, por isso nenhum arquivo em relação à sua mãe pode ser encontrado. O guarda é seu avó, porém não conhecemos ele, nem mesmo seu nome, Baekhyun. Yumi foi a primeira filha de Naomi, ela nasceu antes da mesma ser internada, e, por muito tempo, nem mesmo soube da existência de sua mãe. Sua mãe viveu uma vida comum, mesmo não tendo uma identidade certa e sempre estar se mudando, era uma boa vida. O que sua mãe e eu tivemos... foi um caso de uma noite. Ela acabou conhecendo Yumi quando era adolescente, sendo entregue à seu avô pelo guarda, para poder ser criada de forma certa e fixa. Depois que sua mãe ficou grávida de mim, ela não contou a ninguém, mas Yumi descobriu, e, na época, nós dois éramos muito amigos mesmo. Ela me contou, pois achou que vocês mereciam um pai, e eu fui atrás de Hana. Eu a confrontei, e acabei conseguindo o direito de ficar com você e Bo-Young. Eu e Hana nos apaixonamos, e nós casamos durantes a gravidez, eu esqueci que ela estava com os hormônios descontrolados, e aquilo era uma escolha provavelmente errada... Depois que vocês nasceram, ela só queria saber da sua irmã, deu o nome somente para ela, segurava somente ela, a Hana dava prioridade para Bo-Young e esquecia sua existência. Por causa disso, Yumi escolheu seu nome, Yumi cuidou de você junto comigo. Ela cuidou de você por causa dos hormônios de sua mãe. Ela se recusou a tomar a pílula, e eu me separei dela um mês depois de seu nascimento, ela me batia e descontava a frustração em mim, eu não aguentava mais. Yumi e eu continuávamos nos aproximando, pois precisávamos sempre retirar uma parte de nosso tempo para ficar com você, e isso significava retirar uma parte de nosso tempo para passar juntos. Depois que sua mãe morreu, eu fiquei desolado, Yumi fez tudo pois eu não conseguia sair da cama... Eu me apaixonei pelo modo o qual ela olhava para vocês, pelo modo que cantava para vocês, pelo modo que amava vocês, era totalmente diferente de Hana. Eu contratei um robô para cuidar de vocês enquanto eu e Yumi nos resolvíamos, porém, descobrimos mais tarde que o tal robô deixou a Bo-Young cair no chão enquanto a alimentava, e isso fez com que seu cérebro sangrasse e uma cirurgia de emergência acontecesse na época. Depois, os médicos nos contaram que ela tinha GZV, mas era nova demais para tomar a pílula, e, mesmo que tomasse, não iria curá-la, pois ela não tinha sido contaminada, sua avó tinha, e o parasita já fazia parte dela, tudo o que podiam fazer era interná-la e amenizar a dor, ou uma execução. Eu paguei o médico, o subornei para que ele calasse a boca, e, todo dia durante esses últimos anos, eu coloco a pílula na comida dela. Não só uma, várias, para tornar o parasita mais fraco e evitar que ela fique... – Baekhyun continuou a frase.

– Doida à ponto de se matar. – o Sr. Byun começou a chorar, e, dessa vez, foi Chanyeol que lhe interrompeu.

– A Bo-Young sabe disso?

–Eu sei.

Todos da sala fitaram a menina que comia uma maça calmamente escorada na porta do quarto de Baekhyun.

– V-você sabe? – O pai de Baekhyun tinha os olhos arregalados, e parecia prestes a chorar.

–É claro, eu 'tava fuxicando seu armário procurando pelo meu presente de aniversário alguns anos atrás, acabei encontrando minha fixa médica.

O progenitor de Baekhyun se levantou, e caminhou até a menina, antes de abraçá-la.

–Me desculpa, por favor, eu só queria te proteger disso... – Dizia entre os soluços e as lágrimas que caíam sem intervalo.

– Chanyeol – O mais velho se levantou. – Eu preciso sair daqui.

          *



Notas Finais


Sla, eu acho esse final meio ruim. Qq ceis acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...