História 50 Tons de Incesto (Versão JiKook) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Baby!jimin, Daddyjk, Daddykink, Dirtytalk, Gravidez Masculina, Incesto, Jikook, Jimin!bottom, Jungkook!top, Lemon, Namjin, Taeyoonseok
Visualizações 1.230
Palavras 1.818
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente, desculpa meu sumiço, tô na correria porque segunda voltam minhas aulas, eu tive que sair pra comprar umas coisas que estavam faltando etc... #OmmaTodoDia termina amanhã mas prometo na próxima aparecer todo dia msm... Perdoem qualquer erro, eu tô sem dormi e tô fazendo os caps na hora.

Capítulo 23 - Shut Up and Fuck Me Again


Fanfic / Fanfiction 50 Tons de Incesto (Versão JiKook) - Capítulo 23 - Shut Up and Fuck Me Again

Minha boca se abriu em um perfeito O e meus pensamentos saíram de órbita com aquela visão maravilhosa, meu sorriso malicioso fez questão de moldar-se em meus lábios enquanto eu me virava de costas e voltava a me banhar como se nada tivesse acontecido, não demorou até que eu ouvisse a porta do box sendo fechada e sentisse os dedos frios de Jungkook contra minha pele quente me fazendo arrepiar enquanto seu pau fazia pressão na minha bunda me fazendo gemer em puro deleite e jogar a cabeça em seu ombro vendo o sorriso malicioso que adornava aqueles deliciosos lábios, não tive muito tempo para gemer mais pois logo os lábios de Jungkook já se pressionavam contra os meus iniciando um beijo bem quente, seus dedos viajavam pelo meu corpo logo apertando meus mamilos e me fazendo gemer contra sua boca, Kookie afastou nossos lábios por centímetros e apertou seus dedos contra meus mamilos me fazendo gemer ainda mais alto e tentar alcançar sua boca porém o mesmo não me ajudou, apenas me virou bruscamente até que eu me encontrasse de frente para si e agarrou minhas coxas me fazendo entrelaçar ambas em sua cintura e logo o contato gélido da parede veio de impacto com as minhas costas, tudo acontecia tão rápido e me deixava ainda mais excitado, a água quente caia sob nossos corpos desnudos e seus lábios já faziam questão de marcar meu pescoço em vários tons de roxo, meus dedos se embrenhavam no meio dos cabelos escuros do mesmo e puxava com força tentando descontar um pouco da dor deliciosa que seus lábios me causavam, escorreguei meus dedos do seu cabelo até as costas arranhando ali com força e ouvindo seus gemidos abafados contra meu pescoço me fazendo sorrir satisfeito, os beijos desciam do pescoço fazendo uma trilha até minha clavícula e em seguida descendo mais, meus mamilos já estavam úmidos pela água e Jungkook apenas aproveitou-se daquilo pra me torturar um pouco, seus lábios não me tocavam mas fazia questão de assoprar aquele local tão sensível me fazendo gemer em puro deleite e me contorcer sob seu colo sentindo seu pau pulsar bem próximo da minha entrada que já latejava por vontade do mesmo me preenchendo, sofri mais alguns minutos naquela tortura até que puxei o rosto de Jungkook de encontro ao meu e Sussurrei...


- Não temos tempo pra brincadeiras Daddy, me fode logo, eu não aguento mais esperar...


- Não tenha pressa Baby, tudo ao seu tempo...


- Se você não percebeu nosso Appa só foi levar o Tae em casa e ele não mora no fim do mundo, então vê se para de joguinhos e me fode logo.


- Parece que alguém está exigente hoje...Mas Eu ainda sou o Daddy aqui, me espere ajoelhado na cama e nem ouse se secar, anda...


Jungkook me colocou de pé e abriu espaço para que eu passasse, andei o mais rápido possível até a cama e fiz o que me foi mandado, o medo de sermos pegos era bem grande e parecia só deixar tudo ainda mais excitante, ouvi o barulho de chuveiro sendo desligado e logo Jungkook adentrou o quarto, o mesmo não me olhou e apenas se dirigiu até a gaveta tirando de lá uma fita vermelha, mordi meu lábio em pura ansiedade, eu já sentia falta daquilo e sabia exatamente o que ele faria, assim que seu olhar se voltou ao meu,não demorei a virar de costas para o mesmo e logo senti a seda da fita cobrindo meus olhos enquanto o mesmo a amarrava na parte de trás e logo vieram as perguntas...


- Você consegue ver algo Baby?


- Não.


- Está muito apertada?


- Não.


- Quer que eu coloque a sua coleira também?


- Sim Daddy.


Jungkook se afastou de mim por alguns segundos e logo voltou até mim, senti a coleira sendo colocada em meu pescoço e logo foi bem presa me fazendo quase gemer por aquela sensação, antes que pudesse haver qualquer pergunta a mais abaixei todo meu corpo ficando praticamente deitado na cama, deixando apenas minha bunda erguida e logo senti suas mãos apertando a carne da mesma e as vezes dando alguns tapas que me faziam gemer, meu membro já pingava pré gozo e eu tinha certeza que se Jungkook não andasse logo com aquilo eu mesmo iria obrigar ele a me foder com força...

Fui completamente tirado de meus pensamentos quando senti sua língua entrando em mim, gemi de forma arrastada para o mesmo recebendo mais um tapa forte contra minhas nadegas que provavelmente já estariam bem vermelhas, infelizmente ou felizmente toda aquela preparação foi rápida o suficiente para me deixar frustrado, mais uma vez senti as mãos de Jungkook se afastarem de mim e logo o som de "I Wanna Be Yours" pode ser ouvido no quarto, Minha coleira foi puxada com força me fazendo voar para trás e bater minhas costas no peito de Jungkook, ele não disse nada, apenas ajeitou minhas pernas e encaixou seu membro na minha entrada me fazendo gemer mais uma vez em poucos minutos, seus lábios se aproximaram da minha orelha enquanto eu já delirava apenas com a ideia de estar totalmente a cegas naquele momento...


- Agora você vai ver que não pode deixar seu Daddy com vontade e muito menos tentar ditar as regras Baby...


Toda e qualquer resposta possível naquele momento foi arrancada de mim em forma de um gemido rouco e extremamente alto, Jungkook havia entrado com tudo em mim e eu já me sentia completamente preenchido por ele, sua mão permanecia na minha coleira e me puxava cada vez mais colando nossos corpos enquanto ele começava a me foder da forma como eu queria, forte e fundo...

Eu já podia ver estrelas a cada movimento mais intenso seu dentro de mim, a música tocando ao fundo e aquela venda em meus olhos só deixavam tudo ainda mais excitante, sua mão livre apertava com força me dando ainda mais certeza de que eu sairia todo roxo daqui e provavelmente sem andar por alguns bons dias, seus movimentos eram precisos e firmes dentro de mim, os gemidos saiam de forma involuntária da minha boca e eu poderia jurar que a cada gemido que eu soltava a intensidade de suas estocadas aumentava, rebolei com força contra o mesmo sentindo minha coleira ser puxada com mais força fazendo minha cabeça encostar no que eu julgava ser seu ombro, continuei rebolando contra o mesmo fazendo tudo parecer ainda mais intenso e mais quente...Jungkook saiu de dentro de mim me fazendo quase berrar com o mesmo e logo senti a venda sendo retirada de meus olhos, olhei para frente vendo que o mesmo estava se sentando na cama e apoiava suas costas na cabeceira da cama, seus dedos batiam em sua coxa me chamando, fui engatinhando devagar até o mesmo ficando de quatro por cima de suas pernas e aproximando bem nossos rostos enquanto sentia seus dedos puxarem minha coleira novamente...


- Eu quero você cavalgando no meu colo agora...gatinho.


Gemi em frente ao seu rosto apenas para provocar o mesmo e pude ver seus olhos se fechando em puro prazer, me ajoelhei sob suas pernas e peguei em seu pau encaixando em mim novamente, alcancei a venda e coloquei a mesma em Jungkook enquanto ia sentando bem lentamente no mesmo, sentindo cada parte do seu pau me preenchendo e me fazendo gemer ainda mais se era possível, o sorriso não abandonava o rosto do mesmo e assim que acabei de fazer o nó me sentei por completo e segurei seu rosto entre meus dedos sussurrando contra seus lábios...


- Agora eu estou no controle Daddy.


- Sou todo seu meu amor.


Beijei seus lábios no mesmo instante fazendo questão de finalizar cada selo ali com uma mordida forte em seu lábio inferior seguido de puxões, seus lábios já estavam inchados quando os abandonei, eu prometi que o enlouqueceria enquanto estivesse dentro de mim e eu iria cumprir, coloquei uma de suas mãos segurando minha coleira enquanto a outra estava muito bem localizada na minha bunda, comecei a rebolar devagar sob seu membro, subindo bem devagar e descendo com força fazendo nossos gemidos virem juntos na mesma intensidade e seus dedos apertarem com força tanto minha coleira quanto minha bunda, comecei a subir até a ponta descendo com tudo e repetir isso diversas vezes intercalando entre reboladas fortes fazendo Jungkook virar uma completa bagunça de gemidos e apertos contra meu corpo, meus gemidos eram cada vez mais altos e eu nem estava mais ligando para nada enquanto sentava com força sob seu pau, seus dedos subiram da coleira para meu cabelo puxando com força para trás enquanto sua cabeça se aproximava e deixava selares por toda minha clavícula me fazendo rebolar ainda mais intensamente nele, minha próstata foi acertada com tudo, um grito ecoou pelo quarto juntamente com o pedido por mais, Jungkook agarrou minha cintura com as duas mãos e me jogou na cama rapidamente ficando por cima de mim, abaixei a venda e seus olhos encaravam os meus deixando transparecer toda a luxúria daquele momento, apertei meus dedos nos lençóis bagunçando ainda mais enquanto Jungkook entrava e saia com tudo de mim me levando a completa loucura cada vez que minha próstata era acertada, seus dedos pareciam querer se fundir em minha cintura assim como seu pau dentro de mim, indo cada vez mais fundo...Cada vez mais forte, sem abandonar esse ciclo...


- Pretende deixar quantos tons de roxo na minha pele? Daqui a pouco vai ficar cinza de tanto marcar.

Falei já me preparando para mais um gemido quando o mesmo me estocou de forma intensa sempre acertando o local correto.


- Cinquenta talvez...

Jungkook sorriu de forma sacana enquanto seu polegar passeava por meus lábios, fechei os contra seu dedo e chupei o mesmo como se fosse seu pau fazendo minha melhor cara de inocente o que pareceu o deixar ainda mais excitado pois tudo começou a ser ainda mais forte e intenso, eu sentia que iria quebrar de tão intenso que tudo estava sendo mais estava amando, senti a deliciosa sensação do orgasmo se apoderando do meu corpo e logo gozei em fortes jatos sujando nossos abdômens, Jungkook se retirou de dentro de mim e me virou de lado, fiquei olhando tudo ainda meio aéreo por conta do maravilhoso orgasmo, percebi após alguns segundos o mesmo fazendo movimentos rápidos em seu pau e segundos depois toda sua porra sujando minha bunda, aquilo era deverás pornográfico e completamente excitante, Jungkook sorriu para mim e me virou novamente deitando por cima de mim e me beijando de forma calma enquanto dizia...


- Eu sou louco por você.


- Eu também sou louco por você.


Os lábios de Jungkook misturados aos meus davam a melhor sensação e o mundo parecia girar em câmera lenta enquanto aprofundavamos cada vez mais aquele beijo, a música ainda tocava me fazendo crer que foi colocada para repetir, porém nem o som mais alto do mundo poderia abafar aquele grito...


- MAS QUE PORRA TÁ ACONTECENDO AQUI...


Notas Finais


Perdoem se tiver algumas palavras digamos, pornográficas demais #SouDessas...

Vou chegar no curso segunda cantando pra migs: "Oh carlaaaaa, eu te amei, como jamais um outro alguém vai te amar..."

~fugindo pra quando a Drieli ver isso eu não leva um soco~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...