História 505 -Fillie - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Stranger Things
Visualizações 22
Palavras 426
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura meus docinhos!!!!💜💜💜

Capítulo 14 - Que a Verdade seja dita


19:12, 11 DE OUTUBRO DE 2019

                              P. D. V F

Tudo está correndo muito bem até agora, estamos todos nos divertindo e acho que todo mundo veio tirando a minha prima que não chegou e não deu notícia se vinha ou não.

Todos ficaram encantados com Ana,ela realmente é uma menina incrível.

- Está se divertindo? - pergunta a morena com uma voz animada e sexy ao pé do meu ouvido, voz essa que eu sei para que ela usa. Acho melhor ela para de bebê.

- Aqui não.

- Por que não? - Encarei a mesma com os olhos arregalados ela realmente pré parar de bebê - Tá bom.

Ela cruzou os braços e virou para frente.


- Nem uma rapidinha? - susurrou para mim. Olhei para ela com a mesma cara de antes fazendo a mesma suspira - Tem certeza que não quer?

- MILLIE - Acabei falando um pouco alto atraindo alguns olhares. Ela começou a rir sem para o que fez com que todos votassem os olhos para nós dois.

Ela riu tanto mais tantj que acabou engasgando.

- Filha você tá bem? - tia Brown se levantou de sua cadeira correndo até Millie.

- Aqui amor toma um pouco de água - Dei a taça a mesma que tocia tanto que quase derrubou-a no chão.

- Respira e expira - Tio Brown falou tentando fazer a garota volta a Respira normalmente.

Alguns segundos depois ela finalmente conseguiu se recuperar.

- Se sente melhor querida? - Perguntou meu pai.

- Sim tio, obrigada por perguntar.

                    19:10, P. D. V S

Acabei me atrasando mais isso não vai me impedir em nada, essa noite a verdade vai ser dita e eu quero vê se dessa vez vai ter perdão.

- Não chora meu amor a gente já tá chegando - Falei acalmando a linda bebezinha do banco de trás, o trânsito está deixando ela agitada. E a mim também.

Passei minha gestação inteira sozinha mas, não vou cuidar de uma criança sozinha. Isso custa bastante e sim eu amo a minha filha mas não posso ficar com ela. Não tenho condições. Ela vai ficar com o pai dela e se ele não a quiser, eu vou entrar com um processo de divisão da guarda dela. Não tenho emprego, não tenho casa própria,moro com os meus pais e dei a luz a pouco tempo. Tudo dá para mim.

                             19:30

Acabei de chegar, de longe posso ver os sorrisos.

           'B'

' já chegou?'

' já'

' ótimo, está preparada?'

' sim'

         ''

É agora ou única, eu vou dizer quem Finn Wolfhard realmente é.



Notas Finais


Obrigada por chega até aqui. E me diz o que tá achando até agora.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...