1. Spirit Fanfics >
  2. 7 days - Norenmin - NCT. >
  3. Capítulo 06

História 7 days - Norenmin - NCT. - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura babys ❤️❤️❤️ desculpem qualquer erro.


Amo vocês❤️

Capítulo 6 - Capítulo 06


Fanfic / Fanfiction 7 days - Norenmin - NCT. - Capítulo 6 - Capítulo 06

— Renjun caralho!

Será que eu não tenho um tempinho de paz.

— O'que foi Nono? — Me virei e o encarei vendo o mesmo com o Nana,ambos estavam atraentes com a jaqueta de couro.

— O'que foi Nono uma ova! — Jeno veio andando até mim, enquanto eu dava passos para trás ,já que o corredor da escola estava vazio, estava super cedo,mal havia alunos na escola.— Por sua causa agora eu tenho que fazer outras punições,sabe eu sou popular e não quero manchar meu nome por sua causa,será que você não se encherga? Você nunca vai ser o tipo de pessoa que eu ou o Nana vamos querer,fica dando encima da gente,acha que eu não percebo,e caralho para de encher o nosso saco, depois que você entrou na nossa vida a gente só ganha punição,isso é só a merda de um aviso e um desabafo,agora dá o fora daqui antes que eu me estresse mais!!

Enquanto Jeno reclamava comigo eu estava com o rosto baixo e parado,deixando que as lágrimas descessem de forma elevada,caralhos por que ele que ser o mais frio entre esse trio? Eu me dou bem com o Haechan e o Jaemin,mais o Jeno? Esse garoto me odeia.

Limpei minhas lágrimas que estavam descendo no meu rosto e olhei para o Jeno e sai correndo,e caralho eu realmente estava mal.

Pela primeira vez me permiti chorar,e fui caminhando até o meu cantinho.

A biblioteca.

Faltava uma hora para as aulas começarem,e hoje eu já previa o quanto o dia seria horrível.Adentrei a biblioteca e fui para trás da última estante de livros e me sentei sobre um puff que tinha lá e peguei o meu livro dentro da bolsa,Percy Jackson e o melhor livro já existente,melhor que o filme,porém o ator do filme e lindo pra caralho.

Comecei a folhear algumas páginas enquanto me mantinha concentrado em cada linha e palavra do livro.


[Haechan]



E lá estava eu correndo indo para escola,quando eu acordei e olhei meu relógio eram exatamente 7 horas da manhã a hora de ir pra escola,eu nem sequer liguei para minha roupa,vesti apenas uma calça colada,e uma blusa social preta,já que eu não sabia a onde havia jogado meu uniforme.

Com toda essa pressa quando adentrei a escola,não tinha quase ninguém,mais era quase ninguém mesmo,olhei o relógio da entrada e resmunguei de raiva.

— O'que diabos estou fazendo nessa escola AS FUCK 5 HORAS DA MANHÃ?!!! — puxei meus próprios cabelos com raiva e suspirei.

A calme-se Haechan...

Sai andando em direção a quadra,cantarolando e vendo poucos alunos.No mesmo instante que adentrei a quadra pude ver Mark jogando basquete, sozinho pra variar,e eu não deixei de admirar ele.

Aliás estamos falando do Mark…a beldade em pessoa.

Mark todo suado,com o cabelo completamente jogado para trás,a pele brilhosa por conta do suor,meu Deus.

— O que tá olhando Hae?! — Mark esbanjou um sorriso de lado e jogou a bola pra mim,e se aproximou de mim em seguida.— Não sabia que chegava na escola tão cedo.

— O meu relógio estava com a hora errada,aí eu acordei pensando que era sete horas da manhã.— Mark sorriu e me analisou bem.

— Veio sem uniforme pra variar? — Mark riu pegando a bola de mim,e jogando a mesma no chão.

— Sim,eu também não tive tempo de nada.— Enquanto o mesmo se aproximava ainda mais de mim,eu sorria um pouco nervoso.

Depois do beijo que dei no Mark comecei a ver ele de outra forma,bonito, atraente,bonito de novo,gostoso pra caralho,lindo, maravilhoso e puta merda o Mark sabe ser atraente pra caramba.

— Sabe Hyukie…eu estou sentindo falta do beijo que você me deu.— As mãos do mesmo rodearam minha cintura.— Não quer me dar uma amostra do que sabe fazer? Porque você é um vício.

— Se revelando Markie? — Botei meus braços em volta do pescoço do mesmo e passei minha língua entre os lábios do mesmo.

— Apenas para você e mais ninguém.— Sorri e rocei nossos lábios,e logo inicie o beijo mais necessitado da minha vida.Minha boca se movia na mesma sincronia que a do mesmo,os lábios macios e o gosto forte de menta.

Meu Deus eu vou enlouquecer.

Dei início há um beijo de língua,e chupei a língua de Mark com uma certa força,logo sentindo a minha cintura sendo apertada pelas mãos do maior ,me fazendo soltar um arfar entre o beijo.Logo Mark separou o beijo e foi descendo para o meu pescoço,deixando beijos sobre a extensão do maxilar,minha parte mais sensível,e logo soltei um gemido tímido e sôfrego.

As mãos de Mark se deslizaram até minha bunda apertando a mesma e estapeando.Segurei o cabelo do maior e deitei minha cabeça para trás,gemendo baixo,por ainda sentir o aperto e os tapas em minha bunda.

— Aish Hyukie você é um pecado.— O mesmo sossurrou em meu ouvido,e eu sentia meu membro ficar ereto.— Você deve ser apertadinho,já até imagino você de quatro com essa bundinha arrebitada pra mim, pedindo pra mim te foder com força.

A cada palavra suja de Mark eu mordia meu lábio.As mãos do maior adentraram a calça a box e ficaram entre minha bunda, apertando a mesma.

— Você não tem noção do quanto eu quero foder essa sua boquinha meu anjo.— Mark deixava os beijos de lado e passava a dar chupões não muito fortes.

Da onde Mark criou essa coragem de ficar safado? Nem eu sei,era só um beijo,mais caralho Mark é muito maravilhoso.

— M-Markie…— Gemi sôfrego ao sentir o mesmo apertar meu membro já ereto.

— Oh meu anjo,não me faz perder a sanidade.— Mark mordeu levemente o lóbulo da minha orelha e tirou a outra não dele de dentro da minha calça.— Acho que melhor a gente parar por aqui,na hora do intervalo me encontre no vestiário,vou te fazer tocar o céu e o paraíso ao mesmo tempo meu anjo,agora tenho treino,até mais meu bem.

O mesmo selou nossos lábios e um beijo intenso se iniciou,segurei a nuca do mesmo e outro tapa na minha bunda foi desferido e encerrei o beijo soltando um gemido manhoso e mordendo o lábio inferior do mesmo.

— Até mais markie.— Sai andando , enquanto sentia meu coração mais acelerado que o normal…— Será que o Injunnie já chegou…

Perguntei a mim mesmo fui a procura do mais novo.



[Jaemin]



Entrei na biblioteca a procura de Renjun e logo avistei o mesmo no fundo,com o rostinho vermelho,e os lábios rosados e bem atraentes,me aproximei dele por atrás,sem fazer nenhum tipo de barulho e me abaixei quando cheguei perto dele (já que ele estava sentado no puff),e o abracei botando meu rosto na curvatura do pescoço dele.

— Injunnie desculpa pela atitude do Nono…— Fiz carinho nele,vendo o mesmo formar um bico fofo.

— Não…não quero ser inconveniente pra vocês,agora me deixa em paz Nana.— O mesmo falou com manha me rancando um sorrisinho fofo, comecei e deixar beijos na bochecha dele e no pescoço também.

Eu não podia negar que achava o Renjun bonito e atraente,e poxa eu não consigo ficar raiva dele e vê-lo chorando partiu meu coração em pedaços.

— É sério Renjunnie, o Jeno não fez aquilo porque estava com vontade,ele estava de cabeça cheia por conta de alguns comentários, então acho que ele descontou em você,eu te peço só um favor meu bem,não fique mal por causa dele,e eu não ligo pra minha popularidade ou outros comentários,podemos ser amigos Injunnie? — O mais novo se virou de frente e assentiu,e logo eu abri os braços e senti as mãos pequenas do mesmo rodearam minhas costas,me fazendo o abraçar com vontade.

    Um abraço quente e aliviante entre os nós dois, Renjun tem que ter a certeza que tem que contar comigo pra tudo.


Notas Finais


Até o próximo capítulo ❤️🤗


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...