História 7 de Maio - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Casa, Oneshot
Visualizações 11
Palavras 439
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Poesias

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


A cá está mais uma One pra alegria de quem lê :3

Espero que gostem e

Boa Leitura <3

Capítulo 1 - Único


O cinza dominou o céu outra vez. A cama se recusava a me largar. Mas a diferença é que não era o mundo que estava escuro e sombrio, era eu.

O dia também não ajudava, o Sol estava brincando de esconde esconde no céu cinzento, e ninguém o achava. As brisas de primavera resolveram pegar um resfriado e acabaram se tornando mais frias. A relva no gramado do quintal foi o único que não mudou o seu visual, estava lá como sempre, vestindo de gotícula, os pequenos conjuntos de verde e as flores ainda adormecidas do pequeno jardim que cultivei próximo a janela do meu quarto.

O Sol já estava cansado de brincar e estava aparecendo no céu aos poucos, e a brisa que estava doente recebeu seu remédio, os finíssimos raios de Sol. Tudo já estava voltando as suas cores vivas e alegres. Até as flores estavam despertando, mas eu continuei sombria, como se o céu estivesse chorando e o solo estivesse contaminado.

A atmosfera estava em plenitude, mas minha alma estava um caos. As cores que deviam estar separadas e alegres no meu mundo, acabaram se misturando no meu interior, formando um preto sombrio, me deixando cada vez mais indisposta.

Meu despertador faz seu show pela décima vez naquela manhã, mas não estou disposta a levantar para aplaudi-lo... O cinza em meu interior prevalece, mesmo depois de um show animador. As sombras que eu tanto temia, acabaram por me consumir exatamente quando eu menos esperei, no dia que eu sempre esbanjo alegria, onde tudo parece se fazer novo...

Bem no dia do meu aniversário...

Fui obrigada a dar salvas a um show, que pela primeira vez em minha vida não me agradou, tudo por pura obrigação e pressão dos compromissos que iria ter naquele dia. Encarei friamente meu reflexo no espelho trabalhado em metais em meu banheiro, nunca desprezei tanto uma imagem em minha vida.

Estava tão horrenda, que poderiam me chamar para ser figurante em uma série qualquer de zumbis. Realmente não queria arrumar o estrago que uma noite sem dormir direito havia feito em meu rosto. Fiz o básico da higiene, mesmo isso custando para meu corpo.

Tomei rumo à cozinha em uma lentidão desconhecida por mim. Até mesmo todos os papéis de parede fofos e amáveis não me alegravam.

O que está acontecendo comigo?

Tudo que quero é poder falecer durante 7 anos e depois ressuscitar para poder fugir dessa sombra que esta tampando Meus olhos, não permitindo que veja a beleza desse dia. Talvez a vida não tenha assinado meu atestado de óbito por ainda não ter vivido tudo que tenho que viver...


Notas Finais


O que acharam?
Eu achei meio pombo.. Comentem o que acharam e deixem mais uma autora feliz no mundo :3
Até a próxima <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...