História A aliança [yoonmin/vkook] ABO - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Visualizações 637
Palavras 975
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Lemon, Luta, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Slash, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha quem atualizou agora meu povo, venham cá, vamos manter a leitura em dia, como vão? Como foi o feriado? Pra mim era bom quando eu ganhava presente agora só serve pra descansar, é meus caros crescer é uma bela porcaria

Amo vocêssss

Apreciem a beleza desse homem puta que me pariu

Capítulo 28 - Estamos prontos


Fanfic / Fanfiction A aliança [yoonmin/vkook] ABO - Capítulo 28 - Estamos prontos

- Bem, agora que Taehyung se recuperou completamente, acho que já está na hora de resolvermos isso. 

 Hoseok andava pela sala com uma expressão seria no rosto.

 - E bem, eu não quero só falar quero mostrar.

 - Mostrar o que Hoseok?

 - O que é o reino Central meu caro Jimin, você só entenderá quando pisar lá, sua raiva por agora é por conta do que fizeram a Taehyung, chegando lá sua raiva provavelmente irá piorar. 

- Eu vou junto. 

 Jungkook estava escorado na porta, com as mãos no bolso ouvindo a conversa.

 - O rei não permitirá que você vá, na verdade nenhum de nós, se nós três sumirmos ao mesmo tempo será suspeito. 

 - Você tem razão Hoseok, nenhum de vocês vai, eu pedi para explicar a situação, não para montar um esquadrão suicida. 

 O rei entrou na sala analisando as três criaturas que estavam ali armando um plano para irem direto a boca do leão. 

 - A teoria é boa rei, mas nada supera a prática. 

 Hoseok se escorou na mesa ficando cara a cara com o rei que considerava seu pai desde a morte de seus pais.

 Jungkook se aproximou e sentou no braço da cadeira de Jimin e o menor pôde sentir que seu cheiro estava mais forte que o normal, olhou para cima e o viu afrouxando o botão da camisa que cobria o pescoço como se sentisse um incômodo repentino, Jimin pôde ver algumas gotas de suor escorrerem, gotas que não estavam ali antes. 

 - Rei, eu conheço aquele lugar, e eu sei que ninguém irá saber quem somos nós, nos vestiremos como eles, esconderemos nossos rostos e levaremos guardas conosco.

 - Jimin você faz ideia do que seu pai acharia se soubesse disso, vocês sabem que é terreno inimigo, olha o que fizeram a Taehyung embaixo do nosso nariz, imagina se sonharem que vocês estão lá.

 - Bem, eu sei que ele teria orgulho de mim, ficaria preocupado, mas ele faria a mesma coisa majestade. 

 Jungkook se ergueu e foi andando até a enorme janela de vidro da sala, chamando a atenção de todos na sala.

 - Meu filho você esta bem?

 Jimin fez um sinal para o rei aguardar e foi até Jungkook.

 - Jungkook, o que esta havendo? 

Jungkook olhou para Jimin, passou a mão pelos cabelos e depois no rosto, então Jimin pode ver seus olhos começando a ficar esverdeados. 

 - Não me diga que você... 

 - Falem para o Taehyung que eu vou com vocês, ele não pode se aproximar de mim assim, eu vou para a casa de campo, está vindo Jimin, se ele ficar próximo, se ele me ver, céus posso nem pensar nisso, pai deixe eles irem, Hoseok não é mais uma criança, e Jimin sabe se cuidar, agora eu preciso ir, esta ficando quente e sufocante aqui.

 Saiu da sala sem olhar para ninguém.

 - Bem majestade, agora somos só nós dois. 

 O rei respirou fundo se apoiando na mesa e abaixando a cabeça.

 - Hoseok. 

 - Eu vou voltar em segurança e Jimin também. 

 - Entenda que só vou deixar porque você é meu homem de confiança, e antes de qualquer coisa você é meu filho e só me deu orgulho nos últimos anos e sei que é capaz e homem suficiente para isso e porque tem razão, nada se compara a prática, vão o mais rápido possível e voltem, vivos. 

 O rei se aproximou e abraçou Hoseok. 

 - Volte pra mim, me traga notícias, nós vamos vingar tudo isso, e todas as pessoas que sofrem naquele lugar. 

 Olhou para Jimin.

 - Finalmente chegou a hora, estamos preparados para isso.


 °°°°


 - Tenha cuidado Jimin, você também Hoseok, mas cadê o Jungkook que não o vi? 

 - Ele disse que ia na frente, porque precisava pensar em algumas coisas, resumindo ele é louco mesmo. 

 Taehyung riu e abraçou o irmão mais velho.

 - Te amo Taetae.

 - Amo mais Chimchim.

  - Amei primeiro.

 - Isso não vale. 

 Os dois riram e Jimin olhou para o lado vendo Hoseok e Lisa aos beijos. 

 - Se larguem vocês dois, credo.

 - Calado Jimin. 

 - Brava e mandona como sempre. 

 Lisa cruzou os braços fazendo bico, mas logo desfez o bico quando Jimin a ergueu no ar e a rodou a fazendo gargalhar. 

 - Tchau Jimin se cuidem vocês, amo vocês. 

 - Nós também. 

 Hoseok e Jimin iam a cavalo, não era tão longe, e havia hospedarias pelo caminho e assim seriam mais discretos, quando Jimin ia subir em seu cavalo ouviu um assovio, olhou para trás e viu Yoongi trazendo Genevive consigo, Jimin sentiu seu coração acelerar. 

 - Quem vai te levar é ela.

 Genevive relinchou e esfregou o focinho molhado e gelado em Jimin o fazendo rir, mas seu riso foi cortado quando sentiu a boca de Yoongi na sua e sua lingua a invadindo enquanto suas mãos o puxavam pela nuca até os dois estarem colados um no outro, Yoongi havia tirado o ar dos pulmões dos dois, mordeu o lábio inferior do menor e depois encostou sua testa na dele. 

 - Volte pra mim, porque quando voltar quero te fazer um pedido. 

 - Yoon... 

 A respiração de Jimin estava falhando mas dessa vez não por causa do beijo.

 - Eu amo você, agora vá.

 - Você o que?

 - Volte pra mim Park Jimin. 

 Yoongi soltou Jimin e saiu andando sem olhar pra trás. 

 Jimin se virou pra frente com os dedos na boca sem acreditar no que tinha ouvido, olhou para Hoseok e sorria pra ele.

 - Vejo que minha atenção vai ter que ser dobrada, porque um Yoongi com raiva dá medo, agora um Yoongi apaixonado deve ser o inferno. 

 - Deve?

 - Nunca vi Yoongi assim, ele nunca soube o que era amar Jimin, e agora você é tudo o que ele tem.        


Notas Finais


Meu Yoonmin porraaaaaaaaaa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...