História A aposta - Imagine Chen. - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Visualizações 38
Palavras 1.136
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Fluffy, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OEEEE GENTE
então
Olha que capa amazing que a Tia Gashi fez kkkk, sei que não estar mil maravilhas, porém eu gostei.
Boa leitura

Capítulo 10 - 10


Fanfic / Fanfiction A aposta - Imagine Chen. - Capítulo 10 - 10

 

S/N:  P-pera, eu e  você, tu e eu, eu e tu? Para a China? Visitar seus p-pais, visitar os criadores de uma obra prima divina, vulgo meu namorado?  - Eu nunca tinha visto a S/n tão animada assim, já quê, já faz um mês que nós conhecemos.

- Sim, amor!

S/n: SIM! SIM! SIM! MIL VEZES SIMM! E se eles não gostarem de mim? E se ele me acharem feia? E se eu não saber o que fazer pra ele? E se eu errar alguma palavra em chinês e eles pensarem que...

- Amor! Chega! Eles vão te amar, se você conseguiu me descongelar em poucos dias, com esse seu jeito que só você tem. Imagina eles! E se caso raro, eles não gostarem de você, a gente vem embora e finge que nada aconteceu.

S/n: Ok, ok. Eu nem sou tudo isso. - fez um bico fofo, ficando meio triste. 

- Que foi? - Levantei o rosto dela, depositando um selar em seus lábios - Uhn!? Me fala.

S/n: É que eu sou um monstro! - mordeu os lábios - É que, bom, eu não sei como começar, eu... Aish! Uns mês atrás mais ou menos eu...

Seon: A gente precisa ir no shopping S/n! - Sua amiga entrou no quarto a puxando para fora do mesmo, me deixando lá sem resposta do que ia dizer!

  S/n On 

Eu e Seon estávamos no shopping, antes de sair, voltei no quarto troquei de roupa, me despedir de Chen e fui com a ruiva para o Shopping.

- Gostei que pintou o cabelo, ruiva.

Seon: Também gostei, sabe por que estamos aqui?

- Não, você simplesmente me puxou! Quando eu ia contar para o Chen sobre a aposta! Pra se casa a víbora tentar separar a gente, ele já saiba.

Seon: Desculpe! É que a Harumy nós chamou aqui e ameaçou a vazar umas coisas minhas para Xiumin. É uma coisa que não prefiro comentar.

- Ela ameaçou sua família, certo? Típico dela - Revirei os olhos e seguir a Seon até a praça de alimentação do shopping, fomos para uma mesa, onde estava a Harumy.

Haru: Sentem-se.

- Prefiro ficar em pé.

Haru: Como quiser S/a.

- Não me chame assim! Não tem mais esse direito.

Seon: Amiga, calma, senta... Por favor. - Seon alisou meu braço, e me puxou de leve para sentar ao seu lado.

Haru: Ótimo. Como vocês sabem, eu odeio vocês principalmente você, S/n.

- Cara, a culpa não é minha que você é uma louca e que não consegue ser feliz sem ver o outro sofrer.

Seon: Sim! Nós deixe em paz, eu sei que eu te fiz mal, mas eu me arrependi.

Haru: Você se arrepende de ter me humilhado, quando eu tentava reatar com a S/n.

- Não sei por que se arrepende, sendo que eu não ia aceitar mesmo. Você fez com que eu brigasse com Yuy, que resultou na morte da mesma!

Haru: Eu amei ver ela mortinha no chão. Mas chamei vocês aqui, para dizer que não irei atormentar vocês. Por enquanto não, mas tomem cuidado, qualquer hora eu posso voltar a atormentar. Só foi um aviso mesmo. Agora licença que estão a minha espera.

  Chen On.

Depois que S/n saiu, ficamos eu e Xiumin jogando videogame. Por um momento me passou as palavras que S/n me disse, era estranho a forma que ela disse.

- Xiumin, você sabe de alguma coisa da S/n? Tipo, ela disse que ia me contar algo, mas acabou não contando. Tem alguma ideia?

Xiumin: Ter, tenho, mas prefiro não contar. Isso é entre você e a minha irmã. Se eu pudesse me intrometer, contaria, mas como não.

- Conta, eu prometo fingir não saber de nada. Mas me conta, sei que a S/n não vai querer me contar mais.

Xiumin: Você nem sab... - O olhei e o mesmo bufou.

- Eu insisto.

Xiumin: Ok! Só me promete que vai perdoar ela, e que meia parte disso foi um erro? - Sim! Eu estava assustado, me passava mil coisas pela minha cabeça. - Bem eu não sei quando é, que realmente começou isso. Mas ela e Seon apostaram que: Se a S/n conseguir te " pegar " - fez aspas com os dedos. - Seon pagaria uma viagem para ela, pra onde quisesse. E se a S/n perdesse, ela pagaria para Seon arranjaria um encontro comigo.

- I-isso é sério? - Eu não sabia se ria, se chorava por uma coisa que eu nem sei explicar. - Ok! E-eu não sei o que dizer. - passei a mão em meus cabelos não conseguindo pensar em algo, em algum sentimento.

Xiumin: Mas cara, por favor não termina com ela, ela te ama muito... Eu nunca vi o olhar da minha irmã brilhar tanto quando ela te olha, tenho certeza que ela se arrependeu de ter feito esta aposta.

- E-eu vou para casa pensar, e tentar raciocinar tudo isso. Por que mesmo que algo dentro de mim, me mande ser frio com ela, terminar, tem a maldita parte que ela criou que me faz amar ela mais do que tudo nessa vida.


 °•°•°•°•°•°•°•°•°•∆°•°•°•°•°•°•°•°•

S/n On 


Cheguei em casa e estava totalmente acabada. Xiumin estava em seu quarto e eu no meu.

 Tomei outro banho é me deitei na cama, e comecei a pensar no meu relacionamento com Chen.

Se ele descobrir que tudo começou por causa de uma aposta? Que eu fui fria é cruel de ter aceitado sem me importar com os sentimentos dele.

Tudo está muito confuso, Harumy voltou, esse peso na consciência com a aposta. Isso tudo foi um erro! Um erro que eu faria novamente, se for para ficar junto ao amor da minha vida. Suspirei fundo, discando o número de Chen no celular, chamei, chamei, chamei e acabou na caixa postal.

Chen On 

Ligação.


- Preciso conversa...! 

Tao: O que foi? Sabe que pode contar comigo, e confesso que estou surpreso com sua ligação.

- Desculpa, Tao, é que eu realmente preciso desabafar sabe?! Sei que me afastei de todos do grupo, mas eu realmente...

Tao: Tá caralho! Fala. 

- Eu estou namorando, é o começo de tudo, foi uma aposta que minha namorada fez. Fiquei sabendo hoje pelo meu cunhado.... Eu nunca esperei isso dela...

Tao: Primeiro: Parabéns! Segundo: conversa com ela. Saiba se ela aceitou na maldade, com intenção de te magoar. Terceiro: Não CRIE PARANÓIA!

  Difícil! Ela é inexplicável! Eu amo muito ela, mas isso não deixou de me magoar, eu estou aqui em casa sem saber o que fazer, pensar, não sei o que fazer! Porta mano! Ela tratou meus sentimentos como se fosse bosta!

Tao: Aigooo! Você é mais difícil que mulher Chen! Você está certo de está magoado, mas não diga coisas que você não pode confirmar. Se vocês estão namorando é por que obviamente ela te ama, e quis continuar essa aposta até o final, aliás, você nem sabe se tem aposta ainda! Então, chega de paranóia, e eu estou indo pra aí! Conversa por celular tá me dando raiva!


Notas Finais


Tao está na areaa.
Favoritem e comentem se quiserem.
Amo vocês.
Esses dias tava conversando com uma amiga minha, e eu disse que pra mim, essa é a minha melhor fanfic que eu já escrevi ( e to escrevendo) mesmo com alguns erro de português ( já me perdoem, nenhum capítulo foi revisado ainda) eu considero ela a melhor kkkkkkk. Favoritem ❤️
Até mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...