História A aposta; vkook. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Drama, Kpop
Visualizações 51
Palavras 937
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Dia da aposta e Ilusões.


Jeon Jungkook P.O.V

Estávamos todos no restaurante conversando sobre coisas aleatórias, sobre os episódios e caçoando das atuações de uns e de outros e conversando sobre diversas coisas que podiam acontecer nos episódios.

⎯ Licença, preciso ir a um lugar ⎯ entendemos que o lugar era o banheiro, cruzou o corredor e caminhou até o fim e adentrou o banheiro, uma de minhas mãos pegaram o copo e levei-o ao meus lábios, levando goles de Soju para dentro de mim, deixando um pouco no copo. Hoseok deu uma cotovelada em meu braço.

⎯ Ei! Meu braço ⎯ olhei diretamente para Hoseok que deu cotoveladas de leve no braço de Yoongi e Namjoon ⎯ O que foi?

⎯ Aquilo, Yoongi.. Namjoon! Aquilo ⎯ relembrou os dois de algo.

⎯ Ah sim! ⎯ eles pareciam ansiosos e estavam começando a me deixar ansioso também ⎯ Jungkook, você está disposto a cumprir uma aposta? ⎯ afirmei a cabeça ⎯ Qualquer uma? ⎯ continuei afirmando ⎯ Ok, você vai ter que "namorar" o Taehyung por seis meses! ⎯ fiz uma careta pensativa.

Namorar o Taehyung? 

⎯ Como assim, "namorar o Taehyung"? ⎯ minha mente imaginava eu ter de iludir o rapaz que era doce e carinhoso com todos do elenco e do estúdio.

⎯ Iludir ele por seis meses ⎯ disse Namjoon como se fosse simples.

⎯ Ah cara, eu não posso.. Vocês sabem como o Taehyung é.

⎯ Tá bom, já que vai amarelar.. ⎯ diz Hoseok.

⎯ Eu não estou amarelando, quer saber, eu vou cumprir sim! ⎯ disse sem pensar. Agora é tarde pra voltar atrás.

⎯ Esse é o Jeon Jungkook que eu conheço! ⎯ comemoramos brindando. Eu senti uma enorme culpa dentro de mim.

Taehyung voltou a mesa sorridente.

⎯ Perdi algo? ⎯ se sentou novamente em seu assento que era perto de mim.

⎯ Não, não.. Perdeu nada ⎯ respondeu Namjoon, os três se levantaram e deixaram as notas de wons sobre a mesa pagando suas bebidas ⎯ Já estamos indo, não é rapazes?

⎯ É.. É sim! Vamos! ⎯ deram um "boa noite" e saíram, deixando apenas eu e Taehyung sozinhos.

Um silêncio longo caiu sobre a mesa, eu tentava abrir a boca para falar, mas não saía nada, eu me sentia errado e culpado por ter aceitado a aposta.

⎯ Jungkook, aconteceu alguma coisa aqui? ⎯ viu os rapazes rindo entre si e entrando em seus carros e dando a partida.

⎯ Não. Por quê? ⎯ me aproximei um pouco de Taehyung.

⎯ N-nada.. Só pensei.

⎯ Bom.. Já está na hora de írmos para casa ⎯ Taehyung se levantou.

⎯ Espera! ⎯ me levantei junto a ele ⎯ Fica comigo, por favor é que.. Eu não quero ficar sozinho⎯ toquei as palmas de nossas mãos e encaixei meus dedos nos espaços dos seus.

As bochechas de Taehyung ficaram vermelhas e o mesmo direcionou seus olhos para nossas mãos que estavam juntas.

⎯ 'T-Tá' E-está bem.

 

 

Nós chegamos no apartamento e estávamos sentados em meu sofá e ingeríamos o vinho sem álcool para dentro de nós, ríamos de coisas sem sentidos e tomavamos broncas dos vizinhos, até que não seria tão ruim passar seis meses com Taehyung.

⎯ Tae.. Você.. Gosta de alguém?  ⎯ perguntei e o mesmo se ajeitou no sofá ⎯ Tipo.. Se apaixonou? 

⎯ Já mas.. Não deu muito certo ⎯ sorriu sem graça ⎯ E você?

⎯ Muitas vezes, mas.. Eu sinto que me apaixonei de novo ⎯ Taehyung sorriu fraco.

⎯ E quem é o sortudo? ⎯ me sentei um pouco mais perto de Taehyung que me olhava, ele era tão doce, eu não sei como eu estava conseguindo fazer isso com ele. Ergui minha mão a tocar na nuca de Taehyung e puxar o mesmo de leve que recuava um pouco para trás, percebi que nossos rostos já estavam pertos suficientes para dar ínicio a um beijo.

Nossos lábios se tocaram, demorou um pouco mas Taehyung finalmente deu permissão para minha língua adentrar sua boca, explorei lentamente sua boca e o beijo começou a ficar um pouco quente, reparei que estava em cima de Taehyung Meus lábios soltaram dos seus e deixei uma trilha de selares até seu pescoço, puxando a pele do seu pescoço com a boca, deixando marcas roxas e algumas mordidas. Taehyung soltou fracos gemidos, minhas mãos passearam pelo seu corpo e apertaram uma de suas nádegas, meus lábios tocaram novamente os de Taehyung.

 

⎯ Estou estragando alguma coisa?  ⎯ a voz de Jimin nos assustou, fazendo nós dois nos separarmos rapidamente ⎯ Já tô indo pro quarto, fui! 

 

Caminhou até o corredor, olhei para Taehyung que estava com o rosto vermelho.

 

⎯ Ele costuma a fazer isso.. ⎯ olhei para baixo, Taehyung se levantou e caminhou até a porta de entrada.

 

⎯ Acho melhor eu ir pra casa.

 

⎯ Não posso deixar, com uma chuva dessas você não põe o pé fora daqui ⎯ fiz impulso para levantar.

 

 

 

 

 

Após eu insistir muito, Taehyung finalmente aceitou dormir em meu apartamento, eu insisti para que ele tomasse banho no banheiro de meu quarto.

 

Me sentei na ponta da cama pensativo no que eu iria fazer com ele, eu tenho que cumprir a aposta, mas não quero magoar o Taehyung.

 

A porta do banheiro se abre, revelando Taehyung que levantava as calças que caíam do mesmo.

 

⎯ Taehyung, precisamos conversar.. ⎯ o mesmo parou em alguns passos em minha frente, ergui minha mão e o puxei para sentar em meu lado na enorme cama.

 

⎯ Sobre? ⎯ perguntou.

 

Passei a língua dentro de minha boca.

 

Eu falo ou não falo sobre a aposta?

 

⎯ Taehyung eu...


Notas Finais


:3 Obrigado por lerem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...