História A babá - imagine Jin (Kim Seokjin) - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Kai, Lay, Lisa, Mark, Rap Monster, Rosé, Sehun, Suga, Suho, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Imagine, Jin, Jungkook, Taehyung
Visualizações 746
Palavras 1.036
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii, decidi que vou postar um capítulo por semana, não tem o dia específico vai ser aleatoriamente

Mas um capítulo

Desculpe os erros e se estiver ruim
Boa leitura! ♥

Capítulo 23 - Traição?!


Fanfic / Fanfiction A babá - imagine Jin (Kim Seokjin) - Capítulo 23 - Traição?!


É tão bom ficar assim com ele, quero ficar assim pra sempre, mas nem tudo é possível! Eu era apenas uma babá que cuidava de seus dois filhos, agora sua namorada, e ainda tô esperando uma filha sua

Sun - Omma? 


Sou tirada dos meus pensamentos pela Sunhee me chamando 


- Sim? 


Sun - Promete não me abandonar? 


- Eu nunca vou te abandonar, por que a pergunta? 


Sun - Minha omma me abandonou - Falou cabisbaixa 


- Mas eu não sou que nem ela 


Sun - Eu percebi, o appa disse que nunca iria entrar em um outro relacionamento pra não se machucar outra vez, mas ele se apaixonou por você, porque ele viu que você é diferente, você é fofa, bonita, educada, responsável mas também um pouco infantil - Disse rindo me fazendo ri também. Eu já estava quase chorando, sim eu sou frágil - Você trouxe a alegria pra essa casa. Diferente da minha omma verdadeira  


- Tem certeza que tem só 6 anos? - Disse fazendo a mesma rir


Sun - Eu posso ter apenas 6 anos, mas posso pensar como um adulto 


- É eu percebi, posso te dar um abraço? 


Sun - Não pode como deve 



A mesma vem até a mim e me abraça forte. Ficou feliz com o que ela disse, não tenho palavras pra descrever o que eu estou sentindo agora. Alegria, emoção e surpresa, uma mistura de sentimentos 



- Que conversar? 


Sun - Sim 


- Como vai a vida? 


Sun - Boa até 


- A escola? 


Sun - É um pouco chata mas é legal as vezes 


- E os amigos? 


Sun - Eles são legais tem o meu melhor amigo o Suho, e tem as minhas amigas 


- E esse Suho é bonito? 


Sun - Então... É um interrogatório? 


- Tá parei, onde está seu irmão? 


Sun - Dormindo 


- Ata, vamos passar o dia assistindo desenho? 


Sun - Só vamos 



[...] 



De tanto assistir desenho acabei dormindo no sofá mesmo. Acordei e percebi que não fui a única que dormi. Escuto barulho da porta se abrindo revelando o Jin com os cabelos bagunssados 


Jin - Oi meu amor 


- Oi oppa, por que o cabelo bagunssado? 


Jin - N-não sei - Falou gaguejando 


- Ah, pode levar ela pra cama? 


Jin - Claro 



1 semana depois 



Iria visitar o Jin no trabalho, mas primeiro deixaria as crianças na escola 


Yugy - Por que não podemos ir com você visitar o appa?


- Porque vocês tem aula... Estão entregue 



Deixei os dois em suas devidas salas e peguei um táxi, o local de trabalho do Jin não era tão longe, mas também não era tão perto 



[...] 



Já tinha chegado sai do carro e paguei o motorista. Senti um pressentimento ruim mas não dei bola, fui até onde uma mulher estava perguntei a mesma onde a sala do Jin era, a mesma disse que era no 3° andar, agradeci a mesma e fui para o elevador. Quanto mais perto chegava o pressentimento ruim aumentava.  



A porta do elevador abre, meu coração começou a palpitar mais rápido, avistei a sala do Jin e entrei 


Mas... me arrependi de ter aberto 


O Jin estava lá... Só que ele estava beijando uma mulher, não era qualquer mulher e sim aquela mulher da festa (aquela que vocês inventaram um nome). Meu coração quebrou em mil pedaços, comecei a chorar desesperadamente 



- J-jin 


Jin - (S-s/N) 


Sai correndo daquela sala o mais rápido que pude, só parei quando esbarrei em alguém 


- D-desculpe - Disse com dificuldades 


?? - (S/N)? - Olhei pro dona da voz, e vi Namjoon com um semblante preocupado 


- O-oi Nam 


Nam - O que aconteceu? 


- P-pergunta pro seu amigo - E sai correndo novamente 


(S/N) off 


Jin on 


- Olha o que você fez? 


?? - Eu? Você que me beijou 


- Para com isso garota, você me beijou a força 


?? - Eu sei que você gostou 


- Claro que não gostei agora sai daqui 


?? - Me obrigue 


- SAI DAQUI - Aumentei meu tom de voz assustando a mesma que saiu 


Nam - O que aconteceu Jin? A (S/N), saiu correndo chorando 


- Eu sou um burro Namjoon 


Nam - Me fala o que ouve 


- A (S/N) me viu beijando a ______ 


Nam - Você beijou ela? 


- Não, ela me beijou a força - Disse já com lágrimas nos olhos pensando em (S/N) 


Nam - É melhor você ir atrás da (S/N) 


- Mas eu não sei onde ela deve estar, ela não iria pra minha casa 


Nam - Na casa dos amigos dela? 


- Boa... Mas eu não vou agora ela não quer me ver nem pintado de ouro


Jin off 


(S/N) on 




Tae - (S-s/N), o que ouve? - Abracei o mesmo, não contive minhas lágrimas e chorei mais ainda - Calma eu tô aqui, vem, entra - O mesmo me da passagem - Agora me conta o que ouve, e para de chorar faz mal pro bebê - Assenti


- O Jin... Me traiu


Tae - O que? Ele não faria isso


- Mas fez


Tae - Isso tá estranho


- Cadê o Jungkook?


Tae - Teve que sair


- Então é só eu e você, vamos assistir dorama juntos e comer brigadeiro


Tae - Se isso faz você melhor



[...]


(S/N) off


Taehyung on 




Olho pra mesma e ela estava dormindo, pego a mesma e levo pro seu antigo quarto, desço pra arrumar a bagunça que fizemos, mas fui interrompido pela campanhia tocando, abro a porta dando de cara com o Jin, o mesmo estava com os olhos vermelhos


Jin - A-a (S/N) tá aí?


- Ela tá dormindo agora


Jin - A então eu volto depois - O mesmo estava com um semblante triste


- Espera... Por que traiu a (S/N)? - Perguntei desconfiado pós o Jin não é desses


Jin - Eu não a traí, uma maluca me beijou a força e a (S/N) viu e entendeu errado, tentei explica mas ela saiu correndo - Suspirou- Bom eu já vou, quando ela acorda pede pra ela me ligar ou então você me liga


- Okay Jin - Suspiro e fecho a porta 



Continua??






 










Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...