História A Babá ( imagine jungkook) - Capítulo 28


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 281
Palavras 1.303
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem😳❤

Capítulo 28 - Twenty eight


{···}

Acordo no outro dia, me levanto e vou para o banheiro fazer minhas higienes .Saio visto uma roupa comportada , arrumo meu cabelo em rabo de cavalo bem apertado, calço um salto , pego minha bolsa e vou até a cozinha 

Encontro minha mãe fazendo o café

- bom dia mãe- falo me sentando na mesa

- bom dia , quer bolo?- ela fala colocando o bolo em cima da mesa

- quero sim- começo a comer o bolo e tomar café, minha mãe faz o mesmo, logo terminamos e fomos ate a empresa 

{···}

Chegamos, minha mãe entrou Primero e eu fui logo depois , pois estava conversando com o jeon pelo o celular .Dou bom dia a todos e vou até a minha sala ,entro e vou até minha mesa , tinha uma pilha de papéis para poder revisar , dou um suspiro e me sento na cadeira , me sento direito e começo a revisar os papéis 

Depois de terminar , vou levar até a sala do taehyung para ele poder assinar , chego la bato na porta e logo ele abre e me dá um sorriso 

- oii s/a- ele fala e me abraça e eu dou um sorriso

- oii tae tae , que saudades

- eu também cara , entre- ele me dá espaço para eu poder passar, eu coloco os papéis em cima da mesa dele e ele arregala os olhos 

- que foi tae tae?- pergunto olhando para ele 

- esse tanto de papel??? Misericórdia - ele fala e eu começo a rir

- Poise ne tae , fazer o que 

- aiii quero ir para casa - ele fala e se joga no sofá que tinha ali 

- bora tae levanta daí, você tem muitos papéis para assinar - falo puxando o braço dele 

- ta boooommm- ele fala e se levanta

-bom vou voltar para a minha sala, deve ter chegado mais papéis para eu poder revisar e você poder assinar- falo e ele fax cara de choro, rio e saio da sala dele e volto para a minha, olho para a mesa e tinha mais uma pilha de papéis

- ahhh que preguiça - falo e me sento ma cadeira e começo a ler os papéis 


{···}

Estava terminando de revisar os papéis até receber uma ligação , olho para o visor do celular e era o jeon ,logo atendo

- *oii amor*

- oii jeon 

- *estou aqui na frente da empresa vir te buscar para irmos almoçar , esqueceu?*

- oh é mesmo , tava tão ocupada que nem vi o tempo passar 

- *haha Poise venha, vamos almoçar logo estou morrendo de fome*

- deixa de exagero homem , ja chego ai

- *exagero nada, vem logo*


Desligo a ligação.  Pego minha bolsa e vou até o jeon que estava na frente da empresa, vou até ele e o abraço por trás 

- oiii amor- falo e ele vira para mim

-oiii anjinho, até quem fim chegou pensei que ia morar la dentro - ele fala fazendo mó drama 

-dramático nem um pouco né, vamos logo pois quem está com fome agora sou eu- eu falo e entramos no carro e fomos para um restaurante ali perto

Assim que chegamos entramos no local e pedimos um prato, enquanto não chegava eu e jeon ficamos conversando , decido perguntar para ele um assunto que sempre quis saber

- amor?-pergunto

- sim - ele fala 

- me fale sobre seus pais, você nunca me falou deles- assim que falo isso ele abaixa a cabeça- ah aconteceu algo ?

- eu não quero falar sobre isso agora meu amor, eu prometo que assim que tiver preparado eu te conto-ele fala e eu assinto com a cabeça

- ta tudo bem, fale quando estiver confortável ok?- falo e beijo ele , logo a comida chega e começamos a comer 

- amor ?- ele me chama

- hum?- falo olhando para ele 

- posso ir na sua casa hoje depois do trabalho?- ele pergunta

- claro meu amor- 

- beleza quando eu sair do trabalho irei buscar maiyume e irei para a sua casa

- ok 


Jeon on 

Quando a S/N me perguntou sobre meus pais eu fiquei completamente imóvel , meus pais nunca me fizeram felizes ... , ta chega vamos buscar maiyume na escola .Pego a maiyume e fomos para a casa da S/N

chego la , a maiyume sai do carro correndo e vai até a porta da S/n e bate , ela logo abre e da um sorriso e elas se abraçam

- oi amor'- falo e dou um beijo nela 

- oii entrem- entramos e maiyume foi logo na dona sun

- oiii vovó sun- maiyume fala e abraça ela

- oii meu amorzinho tudo bem anjo?- dona sun fala 

- tudo vovó

- oh que bom ,vem vamos subir la para meu quarto para podermos brincar o q acha?' dona sun fala e maiyume foi com ela para o quarto

S/n on

Assim que maiyume sobe com minha mãe para o quarto eu mando o jeon sentar , vejo que ele está bem para baixo, me sento no lado dele e ele deixa a cabeça no meu colo 

- pode me contar o que está acontecendo- falo mechendo no cabelo dele 

- ... Ok, eu irei contar para você - ele fala e dá um suspiro, parece que ele está se preparando para contar

-se não quiser falar tudo bem- falo

-não eu vou falar logo , bom... Eu nunca fui bem cuidado em minha casa, minha mãe é uma modelo bem famosa e sucedida, desde aquela época ela era famosa , meu pai é um empresário rico , minha mãe e meu pai nunca quis que eu tivesse nascido , pois eu cheguei em um momento de crise para meus pais então ele sempre me menosprezavam , minha mãe era bem ocupada , sempre me deixava em casa bebê sozinho , com fome e chorando, pois ela tinha que trabalhar e meu pai também, quem sempre cuidava de mim era a suzy , bom com o tempo eu fui crescendo, quando eu tinha 10 anos, meu pai começou a ... Começou a me forçar a estudar muito , muito mesmo, ele me acordava 5 horas da Manhã e fazia eu dormir as 4 da manhã só estudando, porque ele não queria que eu estudasse em escola 

- olho para o jeon e ele ja estava chorando - fico fazendo carinho em seu rosto e ele continua

- eu não tinha amigos , meus pais me proibiam de sair de casa , eles tinham vergonha de mim, quando eu tinha 15 anos decidir fujir de casa para poder ver o mundo la fora , eu fui para qualquer tipo de lugar eu estava muito feliz, mas quando eu estava saindo de uma balada três caras começaram a me bater muito , depois de levar muitos socos consegui fujir deles e fui para casa , eu abri a porta de casa e vi meu pai e minha mãe na sala conversando , assim que ele me vê , meu pai começa a brigar comigo e começa a me bater como nunca tinha me batido antes.... Minha mãe so olhava para mim e ria debochada ...Depois do meu pai me bater ele decidiu me mandar para um internato bem longe dali , la nesse internato só tinha gente estranha , no primeiro dia la eu fui abusado diversas vezes por várias mulheres e também homens , eu fiquei muito traumatizado com tudo aquilo, eu fiquei com depressão ate os meus 18 anos quando eles me tiraram dali por eu ser maior de idade, depois daquele dia eu nunca mais vi meus pais e desejo nunca mais ve-los ...nunca mais- jeon termina de falar e continua chorando muito, eu abraço ele e ele desaba mais... Nunca imaginaria que o jeon poderia ter passado por isso algum dia . fico fazendo carinho nele até que ele dorme abraçado em minha cintura



Tinua...


Notas Finais


Q coisa hein '-'
Espero que tenham gostado😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...