História A Babá (Imagine Kim Taehyung - BTS) - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Tags Babá, Bangtan Boys, Bts, Comedia, Crianças, Imagine, Romance, Taehyung
Visualizações 957
Palavras 1.278
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Famí­lia, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi meus anjos! Adivinha quem voltou? Eu mesma! KKKKKKKKKKK desculpa a demora, é que estou escrevendo uma one-shot para vocês e isto me fez ficar sem tempo (olha o spoilerrrrrr)! Ela é do nosso querido... quem será que é, rs? Deixem nos comentários para mim saber se vocês têm conexão comigo.
Dica: 🔥.

Então, não sei se vcs perceberam mas eu fiz algumas mudanças (nada demais, apenas coloquei pontos e corrigi erros de português) nos capítulos anteriores da fic para que ela ficasse cada vez melhor para leitura de vocês, por isso demorei um pouquinho para atualizar hahahaha! Mas como diz o ditado né (nem é ditado, porém seguimos plenas KKKK) : "atrasada porém viva? Eu mesma!" Hahahhahaahaha!💜

SOMOS 400 FAVORITOSSSSSSSS!💜💜 OBRIGADA, OBRIGADA, OBRIGADA! Vocês não tem a noção do quão feliz estou! Muito obrigada mesmo, sem vcs leitores, eu não seria nada, então muito obrigada pelo suporte que vocês andam dando á "A Babá", eu amo muito vocês!💜😭

Sem mais enrolação: divirtam-se lendo e perdoem os errinhos! 💜

Capítulo 24 - Chapter - XXIV


Fanfic / Fanfiction A Babá (Imagine Kim Taehyung - BTS) - Capítulo 24 - Chapter - XXIV

NARRADO POR ________.

Passaram-se três semanas em um piscar de olhos, fazendo assim, meu tempo desde a chegada aqui em Seul ser exatamente um mês. Um mês onde várias coisas aconteceram, e me atrevo a dizer de que foram os melhores acontecimentos de minha vida, até então. 

Bom, semana passada tudo voltou "a ativa", Senhor e Senhora Kim passaram a trabalhar por mais tempo - se antes trabalhavam por seis horas, agora eram oito. -, Taehyung voltou a trabalhar, as crianças voltaram a estudar - já que durante duas semanas pegaram 'férias', já que suas escolas estavam em período de reforma. -, e eu comecei mais um ano na faculdade. 

Sim, eu já havia feito faculdade, porém havia trancado a mesma por não conseguir pagar a mesma, lá no Brasil. Com o salário que ganho hoje, por cuidar de Kwon, Bae e Mi-Cha, consigo me manter aqui em Seul, e também consigo pagar a mensalidade da faculdade, sem contar que ainda sobra, já que Sun-Hi faz questão de me dar uma boa quantia pois segundo ela, cuido muito bem de seus filhos. 

- Ei, dá para me dar atenção, huh? - Exclamou Taehyung com um biquinho ridículo em seus lábios. Durante todo este tempo, de alguma forma, nos aproximamos ainda mais -se é que era possível -, e neste exato momento, estávamos deitamos em minha cama. - Eu estou carente, amor! - Começou a fazer seus dramas diários. - E você não sai deste notebook! 

- Eu estou terminando de escrever um arquivo á meu professor da faculdade, amor. - Ri e selei seus lábios brevemente, logo voltando a minha atenção ao eletrônico que estava em minha frente.

Taehyung bufou revirando os olhos e se virou de costas para mim. De princípio ignorei, já estava acostumada com essas atitudes imaturas de Tae, até porque não é segredo para ninguém que maturidade era algo que faltava em nós dois. Concluí o que estava fazendo, clicando no botão de enviar ao e-mail de meu professor, fechei a tela do notebook colocando-o na mesinha que tinha ao lado de minha cama. Abracei Taehyung por trás, logo subindo em cima de seu corpo. 

- Ah! Agora você lembra da minha existência, né? - Falou me derrubando de cima dele, voltando a se virar de costas para mim, agora quem bufou fui eu. 

- Aish, me desculpa seu chato. - Abracei-o novamente por trás, mordendo seu ombro com força. 

- AI! - Gritou me fazendo gargalhar. - Ah mas agora você vai ver sua abusada! - Ameaçou subindo em cima de meu corpo me fazendo cócegas. 

- P-para Tae. - Pedi gargalhando, vendo o mesmo gargalhar do meu sofrimento. - AH, JÁ CHEGA! - Gritei invertendo as posiçoes, ficando por cima do mesmo. 

- (S/A)... _____inha do meu coração... amor da minha vida, não faz isso comigo, por favor, huh? - Pediu com medo de que eu fizesse cócegas no mesmo, e foi o que eu fiz. 

E assim foi nossa noite, risadas e mais risadas, carinhos e confissões amorosas que saíam automaticamente de nossas bocas. 

                            • • •

- Noona! Hoje eu aprendi a escrever meu nome, vem ver! - Exclamou Kwon assim que chegou em casa com sua mãe e irmão. 

- Sério Kwonie? Me mostra. - Pedi me abaixando para abraça-lo, e sendo guiada pelo mesmo até a mesa da cozinha onde se sentou e abriu seu caderninho pegando um lápis e escrevendo. 

" K O W N ". 

- Não amor, o "W" vem antes do "O", ok? Deixa a noona te ensinar. - Corrigi pegando em sua mãozinha e escrevendo seu nome da maneira certa. - Tenta agora você, meu anjo. 

" K W O N ".

- Isso! Parabéns meu anjo! - Falei dando um beijinho em seu rosto. 

- Minhas crianças crescem tão rápido. - Disse Sun-Hi me abraçando de lado. 

- Então faz mais um para mim poder cuidar, Sun. - Zombei dando um beijinho em seu rosto também.

- Deus me livre (S/A)! Agora só quero netinhos, inclusive... - Sorriu maliciosa antes de continuar a falar. - Bem que você e o Taehyung poderiam me arrumar um netinho, não é? 

- Credo Sun-Hi, vira essa boca para lá! - Fiz o sinal da cruz, fazendo a mais velha gargalhar. - Nem namorando a gente tá, vai com calma aí mocinha. - Falei rindo. 

- Não estão namorando por extremo drama! - Falou Mi-Cha entrando na cozinha - Aliás, oi família! - Riu. 

- Oi Mi. - Falei dando um beijo na testa da mesma. - Ei gente, onde está o Bae? Nao consegui dar "oi" para ele pois o Kwon me arrastou para cá. 

- Acho que subiu para o quarto, (S/A). Não vi ele na sala. - Respondeu Mi-Cha. 

Assenti e fui em direção do quarto pequeno, abri a porta e vi ele ali, brincando com seus dinossauros no carpete de seu quarto. 

- Oi meu amor, posso saber por que o senhorzinho não me cumprimentou hoje? - Falei sentando de frente para o mesmo. 

- Ah! Desculpa (S/A). - Falou pulando em meu colo dando um beijinho em minha bochecha. - Brinca comigo? 

- Claro BaeBae! E ai, qual monstro iremos enfrentar hoje? - Perguntei animada vendo ele sorrir animado e assim começamos a brincar, ou melhor, lutar. 

                         • • •

Estava brincando com Bae quando ouvi o barulho de uma porta sendo fechada com agressividade, estranhei então fui ver o que havia acontecido. 

- A noona já volta, Bae. - Avisei já saindo do quarto do menor e indo até o quarto de Mi-Cha, já que era o único com a porta fechada. 

Bati duas vezes na porta. - Está tudo bem, Mi? - Perguntei preocupada e não recebi uma resposta, então tratei de abrir a porta. - Estou entrando... Meu Deus Mi-Cha, o que aconteceu? - Exclamei preocupada ao ver a mesma chorando compulsivamente enquanto arranhava seus braços e pernas com as próprias unhas. 

- Eu sou uma idiota ________, eu sou uma idiota. - Falou chorando ainda mais, fui até seu encontro, abraçando a mesma de lado e dando um beijo em sua nuca. 

- Não, você não é Mi-Cha! O que foi que aconteceu com você princesa, conta para mim, huh? - Pedi. 

- Me desculpa. - Falou chorando ainda mais - Eu sou tão idiota _______. 

Isso estava muito estranho, Mi-Cha não era de chorar, se ela estava chorando tanto, era por que havia acontecido algo muito errado, e eu estava muito preocupada. 

- Ei ei ei. - Chamei-a segurando seu rostinho entre minhas mãos. - Me explica isso direito, o que há ein? 

- E-eu... eu menti ______, menti para você e pro Taehyung ______. Me desculpa, desculpa. - Chorou maias ainda, soluçando. Isso está estranho demais, o que ela havia mentido? O que estava acontecendo? 

Sentei em sua cama e chamei-a para sentar ali também, ela seguiu meu concelho ficando de frente para mim, com as pernas cruzadas feito borboleta enquanto colocava as maos no rosto chorando muito. 

- Mi-Cha, escuta aqui, eu estou ficando realmente preocupada, o que aconteceu? Me explica. O que você mentiu para nós? - Pedi indo me sentar até seu lado, fazendo a mesma deitar em meu colo.

- Lembra aquele dia que eu disse que iria na casa de minha amiga fazer trabalho escolar? - Pediu ainda chorando, assenti para que ela continuasse. - Eu menti ______, eu não fui para lá ________. Me desculpa. - Pediu e começou a chorar compulsivamente, novamente me fazendo ficar ainda mais preocupada. 

O que há nesta garota? O que aconteceu? Meu coração me diz que é tem algo muito ruim acontecendo com ela, mas a questão é: O que?


Notas Finais


Capítulo curtinho mas prometo recompensar vocês no próximo, ok?💜

Nossa fic está entrando em uma nova reta, começo de faculdade, trabalho e escolas, alguma dúvida de que há muitas coisas para acontecer? 👀

E ai gente, o que será que aconteceu com a nossa Mimi? 💔

Deixem nos comentários suas teorias e o que acharam do capítulo!

Beijinhos💜
° @Brubs_S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...