História A baby needs a daddy - Taegi - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Rivais, Taegi, Taehyung Ativo, Texting, Yoongi Passivo
Visualizações 293
Palavras 767
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei hehe
BOA LEITURA

Capítulo 16 - Capítulo 16


Fanfic / Fanfiction A baby needs a daddy - Taegi - Capítulo 16 - Capítulo 16

Décimo sexto capítulo: Um baby precisa de um daddy.


“- Eu aceito”

Uma simples frase que fez as pernas e o coração de Taehyung tremerem. Não sabia que Yoongi iria o aceitar assim tão rápido, mas aceitou e isso era a prova que ele precisava para te certeza que o Min o amava e que o tinha perdoado.

Sorriu grande, segurando a mão de Yoongi e colocando o anel em seu dedo anelar, beijando sua palma em seguida.

- Agora é a sua vez Yoon...

- T-tá – murmurou envergonhado, pegando a mão de Taehyung e colocando o outro anel em seu dedo – então, a-agora nós namoramos?

- Sim, nós namoramos! – se levantou, abraçando o corpo pequeno do Min e escondendo seu rosto na curva do pescoço do último citado – me desculpa de novo Yoon, eu te amo mais que tudo nesse mundo.

- E-eu também te amo Tae. E eu te d-desculpo.

Ambos os corações se acalmaram ao sentir o color do corpo um do outro, Taehyung apertou a cintura de Yoongi não querendo se separar e o Min correspondeu, agarrando com mais força o pescoço alheio.

- O que acha de um filme? – perguntou o Kim, planejando ficar deitado junto ao namorado e lhe fazendo cafuné.

- Filme ? Pode ser. Mas qual você quer ver?

- Não sei, pode ser um desenho se você quiser ou um filme de ação, romance ... tanto faz.

Yoongi se afastou e fez uma cara pensativa, logo lembrando que tinha um filme que ele queria ver mas ainda não viu.

- Tem um filme que eu queria muito ver, mas não sei se você vai gostar – olhou para baixo, brincando com seus dedos.

- Ótimo! Qual filme é ? – perguntou – por que acha que eu não vou gostar ?

- Bom o filme é ... é um filme lesbico chamado “Azul é a cor mais quente”.

- Não sabia que você tinha esse gosto para filmes – riu malicioso, se aproximando do Min e o puxando pela cintura.

- E-eu só achei ele interessante – sussurra contra os lábios de Taehyung, sentindo uma vontade enorme de o beijar.

- Uhum...

E acabando com o pouco espaço que tinha entre ambos, Yoongi tomou uma atitude e selou seus lábios nos do Kim, levando suas mãos ao cabelos deste e o puxando levemente, o que fez Taehyung suspirar e morder o lábio de Yoongi antes de pedir passagem com sua língua, o que foi consentido de primeira. Começando um ósculo fogoso.

O mais velho levou suas mãos para a bunda farta do mais novo e apalpou forte, sentindo a maciez e ouvindo um gemido sôfrego. Sorriu entre o beijo e se afastou antes que tivesse uma reação que não poderia ter agora.

- O filme Yoon, vamos ver o filme.

- S-sim! O filme – disse meio atordoado, se afastando do corpo do Kim e indo em direção ao seu quarto, sendo acompanhado.

Ao entrarem no quarto, Yoongi colocou o filme no DVD e se deitou em sua cama ao lado de Taehyung, que o acolheu em seus braços. O filme começou e Yoongi estava incomodado. Queria tocar seu – agora – namorado, mas não sabia se podia e se ele ia deixar ser tocado.

Bufou frustrado, olhando para a televisão e vendo o filme rodar. Taehyung sentia a inquietação do Min mas resolveu não falar nada, por achar que era por causa do filme.

- Você está bem ? Está se mexendo muito.

- Estou bem Tae, apenas ... queria fazer uma coisa – diz deitando sua cabeça no peitoral do Kim.

- O que?

- A-ah não é nada demais. Deixa ‘pra lá.

Taehyung deu de ombros e continuou vendo o filme, observando vez ou outra Yoongi pelo canto do olho, este que parecia cada vez mais inquieto.

Mil coisas se passavam na cabeça de Yoongi e todas essas mil coisas eram o corpo de Taehyung e suas mãos passando por ele. Mordeu o lábio inferior com força ao imaginar por um breve momento, o Kim lhe chupar. Inconscientemente rebolou sobre a coxa de Taehyung, passeando seus dedinhos pelo peitoral do mais velho.

- U-unhh... – gemeu baixinho, sentindo seu pênis roçar na perna do Kim com mais intensidade.

- Y-yoon ... v-você – tentou falar alguma coisa ao perceber os movimentos do corpo alheio, mas estava absorto demais olhando seu pequeno se esfregar em sua coxa.

- Tae...nhh... me toque – Yoongi disse, pegando a mão de Taehyung e o guiando até sua bunda – por favor...

O Kim sorriu antes de apertar as nadegas fartas do Min e dizer:

- Claro bae, afinal um baby precisa de um daddy. 


Notas Finais


E foi isso! Espero que tenham gostado.
Me digam que acharam ❤
SÓ MAIS DOIS CAPS PARA ACABAR A FIC AAAAHH


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...