História A bela e a fera (Lysandre) - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Armin, Bia, Boris, Castiel, Charli, Charlotte, ChiNoMimi, Cotton, Dajan, Dakota, Debrah, Dimitry, Giles, Iris, Jade, Kentin, Kim, Leigh, Letícia, Li, Lynn, Lysandre, Manon, Melody, Nathaniel, Nette, Nina, Peggy, Personagens Originais, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Thomas, Viktor Chavalier, Violette
Visualizações 33
Palavras 739
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, LGBT, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Broteii

hehehhe

Boa leituraa minhas docetes

Capítulo 3 - Cap. 03


Fanfic / Fanfiction A bela e a fera (Lysandre) - Capítulo 3 - Cap. 03

Pov. Philippe

 

Chego em casa no dia seguinte. Abro a porta de casa, vejo Bela lendo, Amber e Debrah conversando

-cheguei- falo

As meninas me olham sorrindo e vem correndo me abraçar

-papai, o senhor voltou cedo- fala Amber

-sim...- entrego a rosa a Bela- desculpe filhas.... não consegui trazer roupas ou jóias para as duas e Bela- ela me olha- essa rosa...custou minha vida

 

Pov. Bela

-c-como assim ?

Papai começa a nós contar toda a história e eu me sinto culpada...

-por que pediu uma rosa Bela ?!- grita Amber

-e-eu não sabia q-que algo assim iria acontecer- falo nervosa

-esta tudo bem...eu vou ir no lugar de vocês

-NÃO- eu grito e todos me olham surpresos- a culpa é minha ! Eu vou 

-mas...- eu corto meu pai

-não pai ! Eu vou- falo decidida

Todos me olham preocupados. Sei que estou fazendo a escolha certa

-quando vai querer ir ?- pergunta o meu pai se rendendo

Ele sabe que nada vai me fazer mudar de ideia...

-daqui a dois dias- falo firme 

Eles me olham surpresos e eu mordo minha nova por dentro. Eu irei aproveitar meus últimos dias de liberdade com minha família !

 

Quebra de tempo

Esta "finalmente" no dia em que eu vou ser a prisioneira da Fera e isso está me deixando nervosa e com medo...

Subo na minha égua, bolha, e começo a seguir o meu pai que está montado no Vic

Quando chegamos na floresta, já era de noite e o estranho é que eu acho que a floresta está se movendo...como se estivesse nos mostrando o caminho para nós...

Finalmente chegamos no portão do Castelo e o estranho é que está nevando...

Sinto uma mistura de medo e surpresa. Entramos no Jardim e quando eu ia bater na porta, a mesma se abre...

Entramos com um certo receio e eu percebo que ali é um espaço bastante grande, nos dois lados da sala tem um corredor e eu tenho 100% de certeza que deve ter vários quartos ou outras coisas. No meio do salão tem uma grande escada no meio da escada tem...uma fera

Meu sangue gela, mas eu me esforço para continuar firme

Não posso mostrar fraqueza com ele !

-você acabou cumprindo o acordo- começa a fera vindo na nossa direção- você velho, vá na primeira porta a esquerda e encha os dois baús e você pirralha z venha comigo

Seguro a mão do meu pai e vejo que ele está tremendo

-vai ficar tudo bem- falo sorrindo

Ele concorda, me dá um beijo na testa e o vejo ir até o quarto

-vamos ?!- pergunta a fera impaciente

-ja vai ! Estressadinho- falo irritada

Ele me olha sério e eu faço o mesmo. A fera suspira e me guia até uma sala escura

É agora que ele vai comer minha goiaba ...

-Nathaniel !- grita a fera

Um relógio aparece e eu pisco os olhos várias vezes

-sim, mestre ?- fala o... relógio

-leve a senhorita...- ele pausa e me olha, como perguntasse o meu nome

-Bela

-leve a senhorita Bela para o seu quarto- ele fala

-sim, mestre

O relógio me olha e eu vou até ele. A Fera vai embora e eu não sei o que falar....

-boa noite senhorita Bela- fala o relógio...

-ah, me chame de Bela e boa noite

Ele sorrir e começamos a andar enquanto ele falava sobre o castelo. Saímos daquela sala e começamos a subir as escadas. Um candelabro começa a vim na nossa direção...

-ah não...ele não- fala Nathaniel

-ola linda moça

-ola... candelabro ?- pergunto confusa

-sou Castiel

-prazer- falo sorrindo

Eles me guiaram até uma porta

-é aqui o seu quarto- fala Nathaniel

-obrigada, mas aonde está meu pai ?- pergunto preocupada

-deve está no quarto de visitas, ele vai embora pela manhã- Nathaniel fala

Pelo menos vou me despedir dele....

Quebra de tempo

Eu e papai nos abraçamos eu sinto ele chorar no meu ombro. Mordo o lábio inferior para não chorar, mas uma lágrima muito teimosa e acaba caindo

Eu nunca mais vou ver minhas irmãs ou meu pai...

Me separo do meu pai e olho para o chão

-a-adeus- falo quase chorando

Meu pai sobe no primeiro cavalo, o segundo está carregando os dois baús cheio de  ouro

-adeus minha filha- ele fala triste

Fico olhando meu pai ir embora, até eu não vê mais

Eu vou conseguir fugir papai !


Notas Finais


Então...
Desculpa a demora
Escola integral é fogo !
Abraços por trás e até mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...