História A bela e o Monster - Capítulo 28


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7, K.A.R.D, TWICE
Personagens B.M, BamBam, D.O, J.Seph, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jiwoo, Jungkook, Kai, Lisa, Lu Han, Mark, Mina, Momo, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Sehun, Somin, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Blackpink, Bts, Exo, Got7, Namjoon
Visualizações 99
Palavras 1.531
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), LGBT, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 28 - Save Me


Fanfic / Fanfiction A bela e o Monster - Capítulo 28 - Save Me



Obrigado por me deixar ser eu mesmo
      Por me deixar voar
   Por me dar asas
     Por me endireitar
              Por me acordar quando eu estava sufocando


BTS- Save Me 



[ Bella On ] 



Já fiz muito besteira nessa vida, mas sair do Castelo no meio do inverno com uma roupa de empregada, com certeza foi a pior, não sentia mais meus dedos do pé e muito menos das mãos, meus dentes batiam contra o outro de forma que o rangido fosse meu único som a ser ouvindo além dos grito dos lobos e o vento batendo nas árvores de forma que fizessem como se suas folhas estivessem dançando.

Abraçava meu corpo em forma de acabar com aquele frio que apertava meu corpo de forma torturante, talvez não tivesse pensando direito, mas não me arrependia 1 segundo se quer de ter saído daquele lugar, Namjoon era um idiota por me mandar embora daquela forma quando ele mesmo me prendeu ali.

A minutos atrás corria em desespero onde cai em um pedaço da minha roupa acabou ficando presa em um galho, por que eu corria? Pelo simples fato de ter ouvido um barulho de lobo correndo, me assustei o suficiente pra acabar caindo ladeira abaixo no meio dos galhos secos arrancando todo meu corpo, mas como se não fosse suficiente eu parecer estar presa na história da branca de Neve, eu ainda tive que  sentir a neve caindo e junto com ela a noite que ameaçava acabar com qualquer resquício de vida no meu corpo.

E pra melhorar, como sempre doçura me abandonou no meio do caminho por ouvir os lobos e se assustar, não culpo ela, eu realmente era uma péssima dona colocando ela nessas enrascadas.

Me sentei atrás de uma árvore sentindo meu corpo pesar junto com minhas lágrimas, poderia morrer a qualquer momento por culpa de um homem, a última coisa que eu faria na vida estava fazendo agora, me senti realmente uma perdedora por sentir ciúmes de uma lesbica, mas algo estava estranho, mesmo não vendo meu coração sabia que algo estava errado, e isso so preucupava mais ainda.

Ouvi passos logo atrás de mim, senti o ar faltar e meu coração acelerar cada vez mais, qualquer momento um lobo pode me pegar e me estraçalhar, sentia que isso era possível na minha cabeça, senti os passos pararem e fechei os olhos com calma controlando o choro que vinha na minha garganta tanto de medo, quanto de desespero.

**: Quem está ai? - Uma voz masculina ditou me fazendo encolher mais ainda. - Quem está ai?

Bella: P-Por f-favor....n-não m-me m-machuca, p-por favor, n-não. - Minha voz saiu fraca pelo choro e eu fiquei em silêncio.

Não ouvi nada, não senti nada, apenas meu corpo doer pelo frio e derepente um rosto masculino aparecer na minha frente, ele usava uma roupa toda preta, cabelo solto e tinha uma barba, parecia novo e ser um caçador por sua arma na mão, ele abaixou na minha frente e meus olhos se fecharam cada vez mais.

Bella: P-Por...f-favor. - Saiu como um suspiro antes de tudo ficar preto na minha frente.



[ Horas depois. ]



Meu corpo era coberto por uma manta quente e sentia um cheiro doce, abrir os olhos levemente vendo um teto de madeira, apertei os olhos com calma sentindo minha garganta seca até demais, senti meu corpo todo doer quando tentei me levantar. 


Me coloquei sentada com dificuldade olhando pro local que eu estava, tinha uma janela de madeira com um vidro que dava pra ver a nevasca la fora, me levantei vendo o quarto pequeno que tinha somente uma cama de solteiro e uma penteadeira com perfume e um espelho. 


Caminhei na direção da porta e o cheiro bom ficava melhor, somente ai reparei a roupa que usava, um vestido preto solto e uma meia branca, me virei vendo a casa pequena que na parede tinha uma lareira acessa e uma mesa com uma fruteira e outras coisas. 


**: Você acordou. - Me virei em direção a voz. 


Era um homem com lenha  na mão, ele usava apenas uma camisa preta e uma calça preta com meia alta, ele era realmente muito lindo e seu sorriso me causava uma sensação de conforto. 


**: Deve estar com fome, estou certo? - Sorriu jogando a madeira no chão, afirmei com cabeça vendo ele caminhar até mim. - Me chamo Choi Si-won, sou caçador, você deve ter percebido.  


Ele caminhou até o armário tirando de la um prato com um pano por cima, colocou sobre a mesa e puxou uma cadeira pra mim me sentar, ainda sentia medo, as histórias sobre caçadores que estrupavam as camponesas e matavam elas, eram alarmantes, mas se ele quisesse me matar ja teria feito isso, apenas me sentei tirando o pano de cima do prato vendo, arroz, bife e feijão no prato, meu estômago logo deu sinal de vida me fazendo encarar o prato. 


Choi Si-won: Vai comer com o poder da mente? Vamos, coma. - Sorriu me olhando.  

Bella: O-Obrigado. - Tentei sorrir mas o medo ainda era presente. 

Choi Si-won: Minha mãe me ensinou que devemos cuidar das mulheres perdidas. - Se sentou na minha frente.  



Apenas comecei a comer, não era a melhor comida como a do Jin e da minha Omma, mas apenas me deixei levar pela fome, o homem na minha frente me olhava com ternura a cada garfada que eu dava, me senti uma criança e apenas olhei pra ele. 

Era o mesmo medo que tinha que namjoon no começo, era tudo novamente, me senti uma garotinha perdida outra vez, perdida em mim mesma, senti uma lágrima cair sem nem perceber e o homem na minha frente pareceu notar e apenas puxou o prato enquanto me olhava. 


Choi Si-won: Sei que você deve estar com medo, mas tem minha palavra que não irei fazer nada com você, não irei tocar em você. - Disse calmo me encarando.  


Bella: E-Ele d-disse que não me faria chorar outra vez, e-ele prometeu. - Encarei o chão sentindo o choro mais forte. 

Choi Si-won: Eu sinto muito. - Sua voz saiu calma até demais, isso acalmou meu coração. - Eu realmente sinto muito. 


[ Namjoon On ] 



Jin: Não temos notícia nenhuma, foram guardas a todo lugar, nas vilas em tudo, mas nada, absolutamente nada. - Ditou  cansado. 

Namjoon: Não mandei parar, não vamos parar até ela voltar. - Disse firme e todos na sala olharam pra mim. 

Lisa: Seria melhor parar, todos estão cansados, talvez ela so não queira se achada. - Me olhou  com calma e eu senti algo estranho. 

Suga: Seria melhor você calar a boca, Rainha. - Disse em tom de deboche e Lisa encarou ele.  

Lisa: Por que está sendo assim? Assim como todos aqui estou tentando ajudar. - Falou firme e com ódio em sua voz. 

Hoseok: Você ja ajudou muito, poderia voltar pro seu Reino. - Encarou Lisa que ficou seria.  

Tae: Quer parar com isso, Hoseok, ja temos muitos problemas. - Olhou pro namorado com um olhar de reprovação.  


Fazia mais de 20 horas que estavam sem qualquer  notícia da Bella, meu coração não parava de doer assim como suga não parava de xingar eu e Lisa a cada oportunidade dada a ele. 


Lisa voltou pro meu Castelo pra ajudar nas buscas e ficar do meu lado, os meninos so sabiam falar merda e me irritar, suga seria o primeiro que eu ia estourar a boca no soco. 


Namjoon: Quer parar com essa merda? - Disse passando a mão no meu rosto com calma. 

Yoongi: Essa merda e culpa sua. - Rosnou na minha direção batendo a mão na mesa. 

Namjoon: JA CHEGA! VOCÊ QUER CALAR A BOCA, PARA DE  FICAR BOTANDO A CULPA EM MIM, QUER MESMO SABER DE QUEM E A PORRA DA CULPA?  ISSO MESMO,DE NINGUÉM, A BELLA NÃO TEM CULPA DE TER SAÍDO, EU NÃO TENHO CULPA E NEM A LISA.- Joguei uma cadeira contra a parede e todos na sala ficaram calados. 


Meu sangue fervia e eu so queria matar o Yoongi no soco, so queria que ele calasse a boca. 


Namjoon: N-Não fala essas merdas, não e sua namorada que tá perdida la fora, não é, sabe o quanto eu amo a Bella? - Senti minhas lágrimas cairem. - M-Muito, o suficiente pra subir no meu cavalo e morrer congelado la fora, então não me venha botar a culpa sobre mim, por que você não sabe o quanto dói aqui. - botei o indicador no coração e todos olharam pra ele. - A-Aqui doi,  e-eu não preciso de você fazendo doer mais. 


Jin: N-Namjoon. - Me olhou chorando e eu sabia que ele queria me abraçar mas eu me afastei. 

Namjoon: I-Isso e tudo culpa...culpa desse maldito casamento....e-eu não vou me casar. - Disse firme limpando meu rosto. - E-Eu vou atrás da Bella.

Lisa: Namjoon! - exclamou me olhando seria. 

Hoseok: Cala a boca garota. - Segurou Lisa pelo braço me olhando. - V-Vai logo Namjoon! 






Eu sabia que a sua salvação
Faz parte da minha vida e é a única ajuda que irá abraçar a minha dor
O melhor de mim, você é a única coisa que eu tenho.


BTS- Save me



Notas Finais


A culpa não é do namjoon!
Muito menos da Bella...
Yoongi e Jin não gostam da Bella, eles assim como todos defendem a Bella.
Assim como Suga vocês são malvados com o Namjoon.
se o suga gostasse da Bella, pq seu amor ia sumir assim que ele conheceu a Suran 😩😩😩???
Que amor em.....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...