1. Spirit Fanfics >
  2. A boy and memories >
  3. Conversa amigável com um hyung amigável

História A boy and memories - Capítulo 6


Escrita por: titioMin

Capítulo 6 - Conversa amigável com um hyung amigável



[Jeon jungkook]

Merda, merda, merda, eu não acredito que pisei na bola de novo sério isso? Puta merda eu só faço bosta né? Mas porra eu não me controlei quando vi aquele corpo, ahhh puta que pariu aqueles lábios, aquele pescoçinho a amostra, e aquele cheirinho de morango que ahhh... Ok se controla Jungkook se controla rapaz

Mas se coloca no meu lugar, eu vi a mulher que eu desejo na quele possisão vulnerável a mim, com aquela bundinha levemente empinada, eu não pensei duas vezes antes de se encostar com a desculpa de ajudar, eu tava me segurando desde a primeira vez que vi ela nas pontas dos pés lá em casa, eu juro que me segurei. Porém ali na hora eu não resisti, tudo tava a meu favor, a cozinha vazia somente com nos dois, ela em uma possisão vulnerável, com aquele pescoço a amostra, porra eu não sou feito de aço não gente sem nem condições

Falando assim eu tô parecendo aqueles adolescentes na puberdade, que não podem ver uma bunda que já estão surtando. Mas se estivessem no meu lugar vocês também não teriam resistido, confesso sou um tremendo safado, talvez um pouquinho tarado também, mas porra ahhh

O bolo ficou pronto um tempo depois, como se nada tivesse acontecido, era assim que nós três estávamos agindo quer dizer, a Sophia ficava olhando pra mim e pra Helena mas nada muito suspeito. Parecíamos três crianças escondendo um jarro que quebramos de nossas mães após brincarmos de bola dentro de casa

Depois do café da manhã decidimos ir pra casa, já que as meninas precisavam sai, Tae é zoé logo se perderam no mundo, simplesmente desapareceram assim que saímos da casa das menina, sem nem dar satisfação esses dois escondem algumas coisa. Jin e Namjoon

Também saíram, e o restante dos meninos ficaram em casa mesmo

(...)

Estava eu lá tranquilo no meu quarto brizando nas merdas que tinha feito em um só dia, quando do nada um maluco volgo Yoongi praticamente derruba minha porta, aquele muleque não sabe bater na porta não?

Jk_-coloco a mão no peito pelo leve susto- puta merda você não sabe entrar em um comodo civilizadamente não?

Yg_não-o olho incrédulo- em fim-fecha a porta- o que rolou na cozinha??

Jk_cozinha? -me faço de desentendido-

Yg_-se joga na minha cama- é na cozinha das meninas, vocês três voltaram pra mesa parecendo crianças que acabaram de quebrar alguma coisa da mãe-me olha- o que rolou lá?

Jk_-limpo a garganta-não rolou nada ué, você tá imaginando coisa -desvio o olhar- nos estávamos normais

Yg_você não me engana Jeon-me olha sério- eu sei muito bem quando tá mentindo, e agora você tá mentindo

Jk_-olho o mesmo- não tô não

Yg_-semiserra os olhos- tá sim você não sabe mentir, fica todos nervoso

Jk_ yaaa pq tem que me conhecer tão bem?

Yg_pq sim agora fala logo

Jk_ tá é que-limpo a garganta, eu sei que ela vai surtar se eu falar, mas se eu mentir e ele descobrir depois vai me comer vivo e não é nem no sentido bom- eu beijei a Helena-falo rápido-

Yg_-me olha rápido aregalando os olhos- você o que??- se senta na cama-

Jk_-me levanto apresado, e fico andando de um lado pro outro- não foi bem um beijo, mais foi quase hyung-falo parando e olhando pra ele- ela tava ahhh-me jogo na cama- ela tava guardando as formas toda Empinadinha pra mim, aí quando eu vi a gente tava quase se beijando-afundo minha cabeça no travesseiro- mas aí a Sophia apareceu e ahhh que vergonha hyung

Yg_-solta uma leve risada- eu não acredito nisso Jungkook-tira o traviseiro do meu rosto- você é um Mané sabia?

Jk_ isso não tá ajudando sabia?

Yg_-sorri- desculpa mas você é muito tarado garoto, até parece aquelas crianças entrando na puberdade que não pode ver um rabo de saia que já tá correndo atrás

Jk_-respiro fundo- mas...mas ela não é qualquer "rabo de saia"-fasço aspas com as mãos- ahh eu acho que tô apaixonado de verdade hyung-o olho assustado- o que eu faço

Yg_bom disso eu já sabia né, má relaxa tá não é um bixo de sete cabeças

Jk_ mas eu nunca senti isso, você sabe

Yg_-se senta de frente pra mim- olha eu sei que você nunca sentiu isso por outra pessoa que não fosse aquela sua amiga da infância, mas não é tão complicado assim-respira fundo- o amor é algo bonito um pouco complicado mas vale apena, mesmo se no final não der certo

Jk_mas o que eu tô sentindo por ela é diferente sabe? É algo mais profundo mas não faz sentido hyung eu a conheço em menos de uma semana, isso não é possível

Yg_-da um tapa na minha cabeça- yaa claro que é criança imatura, você se apaixonou a primeira vista pela dona encrenca, e parece que é algo mais sério do que eu imaginava

Jk_-relaxo meu corpo respirando fundo, não é que eu tenha medo ou algo do tipo mas eu nunca sentir isso nessa intensidade e tão rápido assim- eu acho que fiquei por tanto tempo com a Lena na minha cabeça que não me permitir amar outra pessoa, olho pra baixo-

Yg_ você ficou anos da sua vida preucurando essa menina, perdeu tantas oportunidades kook, mas acho que você tá tendo mais uma-levanta meu rosto- você pode nunca encontrar essa menina você sabe disso, e ficar se fechando por ela é algo errado você não sabe se ela também fez ou faz isso por você-pega nas minhas mãos- acho que deveria começar a se entregar mais você nunca vive esses momentos de cabeça, é sempre algo que você vive ali na marra, acho que tá na hora de começar a seguir o futuro não acha? -me olha e da seu sorriso mais doce- talvez um dia você possa a encontrar mas enquanto isso não acontecer acho que pode dar uma chance pra isso que tá sentindo não acha?

Jk_-o olho e sorrio- acho que você tá certo- o abraço- brigada hyung

Yg_-me aperta- sabe que sempre vou estar aqui-desfas o abraço- mas se me esconder ou cogitar fazer isso de novo eu arranco suas bolas-se levanta-

Jk_-o olho assustado- eu prometo que não escondo mais nada

Yg_ acho bom, esse lance de amor é louco né?-se deita novamente com os braços apoiando a cabeça-

Jk_-o olho pensativo- um pouco-ficamos em cilencio por alguns minutos- aliás-chamo a atenção do mesmo- algum progresso com hobi-hyung?

Yg_-olha pro teto e suspira- nada ainda, sério eu já não sei mais o que fazer- me olha- eu já tentei de várias formas, eu deixo bem explícito que tô afim dele-revira os olhos- ou ele é lerdo de mais, ou ele percebe só que não quer nada comigo

Jk_ahh isso não ela tá apixonadão por você

Yg_ não é o que parece, ele vive falando da quele colega de dança dele-faz um pequeno bico- o tal Taemin

Jk_-sorrio- nada a ver é só um amigo dele, deixa de ciúmes hyung-bagunço os cabelos do mesmo-

Yg_-revira os olhos- que seja, agora cala a boca que eu quero dormir-se vira de costas, se aconchegado nos cobertores-

Jk_-empurro o mesmo de leve- você não tem quarto não?

Yg_não-sorri nasal- você sabe que gosto de dormir aqui pra lembrar dos velhos tempos-me olha por cima dos ombros e eu consigo perceber seu sorriso safado- ou já se esqueceu da nossa adolescência-volta a deitar a cabeça no travesseiro- você adorava dormir comigo, e não só dormir né

Jk_ yaaa você insiste em lembrar disso né?- dou um tapa no mesmo-

Yg_-solta uma gargalhada- você deveria é me agradecer por essa época, por mim que você se descobriu lembra? Eu apenas te ajudei

Jk_ ajudou? Ou abusava do meu corpo?

Yg_-mais uma gargalhada- você gostava, nunca reclamou quando tava virando esses olhinhos aí

Jk_-meu rosto começou a queimar, sempre ficava envergonhado quando tocávamos nesse assunto- chega!!

Yg_você quem começou, mas tá vamos dormir hum?-falou já com a voz baixa-

Jk_ tá bom- me aconchego perto do rapaz- até pq eu tô morrendo de sono-falo arrumando as cobertas em nós dois-

Depois de um tempinho acabo pegando no sono assim como o rapaz do meu lado

(Sonho on)

Eu estava sentado no sofá aconchegante da minha casa, com a lareira ligada já que fazia muito frio, com uma caneca de café em minha mãos eu admirava a janela ao meu lado. Estava chovendo e eu amo isso, amo ver a chuva cair do lado de fora, ver as gotinhas de água escorrendo pela janela era uma bela vista

Hn_amor vem vamos ver um filme- fala me puxando-

Jk_-sorrio pra garota- calma aí boneca

Hn_yaa já vai começar kook-me olha com um pequeno bico-

Jk_-não resistindo beijo os lábios avermelhados da garota- eu já falei que te amo?

Hn_-sorri- já-deixa um selar nos meus lábios- e eu também te amo, agora vem deitar

Jk_-sorrio- tá bom- deixo a cabeça em cima da pequena mesa e acompanho a garota até o quarto- que filme vamos ver?-falo já me deitando-

Hn_homem aranha-se aconchega no meu peito- apaga a luz

Faço o que a mesma pediu, logo em seguida a pequena menina da play no filme... Paro de prestar atenção no filme levando meus olhos a garota deitada no meu peito, cabelos escuros e longos, bochechas fartas, um pequeno bico nos lábios era assim que minha menina ficava toda vez que assistia seus filmes preferidos, totalmente concentrada e vela assim é tão satisfatório

Não poderia ter escolhido outra pessoa para meu futuro, ela é perfeita em todos os aspectos. Logo sinto suas mãozinhas deslizarem por de baixo da minha blusa aranhando de leves meu abdômen, me causando leves arrepios

Jk_-suspiro- o que tá fazendo mocinha?

Hn_ ahh amor- me olha- ultimamente você não está me dando atenção-fala subindo em cima de mim, com uma perna em cada lado do meu corpo-

Jk_-a olho arqueando uma sombrancelha- é mesmo?-percorro minhas mãos de suas coxas a sua cintura apertando cada parte que elas passavam- eu ando sendo mal com você?-levo uma de minhas mãos a nuca da garota a trazendo para mas perto- ando sendo mal com minha gatinha?

Hn_-faz uma carinha triste- sim, você só sabe dar atenção pra quela sua amiguinha

Jk_-sorrio- não é bem assim, você sabe disso tem que parar com esse seu ciúmes-em um movimento rápido inverto as provisões ficando assim em cima da mesma, prendendo suas mãos a cima da cabeça- eu acho que vou ter que te punir por isso hum-aproximo meu rosto rosando nossos lábios-

Hn_humm vai me punir é? -sela meus lábios em um selinho molhado-

Jk-vou sim-ataco de vez seus lábios-

Em um piscar de olhos já não vestimos mais nossas roupas...

(Of)

Me acordo no susto, olho ao redor vendo que Yoongi ainda dormia do meu lado, me sento na cama e paso as mãos pelo cabelo. Que merda foi essa? Agora eu dei pra ter sonhos quentes com minha vizinha? Era só o que me faltava mesmo, eu sou um completo tarado não é possível

Me levanto e ando até o banheiro passando uma água no rosto, me olho no espero vendo meu estado deplorável, fala sério. Ando até a cozinha pegando uma garrafinha de água voltando pro meu quarto, voltando a deitar

Yoongi estava lá na mesma posição de quando dormimos, ele parecia estar em um sono pesado, dormindo como uma criancinha. Sabe ele vive se paga do de bad Boy destemido mas não passa de um gatinho assustado.

Depois de um tempo deitado tentando voltar a dormir só que sem sucesso, decido dar uma volta vai que me ajuda a organizar tudo isso na minha cabeça. Então visto algo confortável pra andar, pego minhas chaves e abro a porta, mas antes mesmo que eu pudesse sair eu esbarro com... Não pode ser, então eles... Era isso que estavam escondendo?

Jk_emtao é por isso que estavam estranhos?-coloco a mão na boca incrédulo, chamando a atenção dos...

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...