História A Brasileira e o popular - Capítulo 12


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7, HyunA, Red Velvet, TWICE
Personagens BamBam, Chaeyoung, Dahyun, HyunA, Irene, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jihyo, Jinyoung, Jisoo, Joy, Jung Hoseok (J-Hope), Jungyeon, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Mina, Momo, Nayeon, Park Jimin (Jimin), Rosé, Sana, Seulgi, Tzuyu, Wendy, Yeri, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Coréia, Escola, Romance
Visualizações 50
Palavras 1.139
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Fluffy, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorou, demorou, mas volteiii🌷
Boa leitura💞

Capítulo 12 - Suicide?


Fanfic / Fanfiction A Brasileira e o popular - Capítulo 12 - Suicide?

 

Meu cérebro meio que bugou naquele momento, ainda não tinha processado a ideia de que era uma festa surpresa. Calma, É UMA FESTA SURPRESA!

-S/N!- ouço uma voz de longe, que não era estranha- QUE SAUDADES!- era a.... a S/BFF! (Sua melhor amiga)

-AAAAA AMIGA! SUA VIADA! QUE SAUDADES!- falei gritando entre palavras de outras pessoas

-EU TAMBÉM! COMO TU TÁ LINDA!

-S/n? Quem é ela?-perguntou a Jisoo confusa

-Ah me desculpe, essa é a S/BFF. S/BFF essas são Jisoo, Jennie, Lisa e Rosé. E o senhir bolacha você já conhece né?

-Vish, esse eu conheço de outros carnavais! Muito prazer meninas. 

-O prazer é meu- disse todos em coro

-Queria só saber quem fez a festa. -pergunto

-Ah foi o seu p... o Marcos Henrique- falou a s/bbf

- preciso achar ele depois, se você o ver o agradeça por mim ok?

-Ok

-Agora vamos curtir essa festa!-grito

-Sim!- gritam todos

A festa estava bem animada, eu e as meninas estavamos curtindo muito, até que algo estragou a festa. O QUE O PARK JIMIN TÁ FAZENDO AQUI?

Eu falei para as meninas que eu ia para o banheiro, mentira, fui ver o que ele estava fazendo aqui.

-Meu pequeno gafanhoto Park Jimin, O QUE CARALHOS VOCÊ TÁ FAZENDO AQUI?

-Primeiro, pequeno gafanhoto sua bunda, segundo, vim porque eu quis, e terceiro não te devo satisfação da minha vida.

-Vish, a bicha revoltou!- gritei

-Deixa eu te mostrar quem é a bicha- ele anda em minha direção e me beija, e eu fiquei  PORRA GURI, QUE MERDA! PARA! Mas depois o beijo começou a se tornar "mebos nojento", mas não sei o porque do meu coração ter ficado acelerado, eu tenho RANÇO desse menino. Sei lá, deve ser algo por causa do RANÇO mesmo. Ele começou a apertar a minha bunda, até que chegou a falta de ar e ele me soltou

-MENINO TU TEM PROBLEMAS? EU POSSO TE INDICAR PSICIQUIÁTRA! NUNCA MAIS FAÇA ISSO ENTENDEU! NUNCA MAIS!

- não vem dizer que você não gostou, que eu bem vi que você amou.

-AH ME POUPE! VAI TOMAR NO CÚ!- saio de lá furiosa e vou em direção ao banheiro, e retoco minha maquiagem. Vejo a hora e já eram 2 da manhã. Já estava cansada então saio do banheiro para encontrar o senhor bolacha, para irmos embora. O procuro e o acho no bar com 3 meninas, bem bonitas por sinal, mas que estavam se ATIRANDO em cima dele. 

-Oie meninas, me desculpem, mas já deu a hora dele ir embora ok? VAMO JUNGKOOK!

-T-tchau meni-nas, me l-iguem depo-is- falou ele com uma voz de bêbado. Mando uma mensagem para o grupo avisando que estava indo para casa

Mensagem on

S/n- gente, vou ir para o hotel ok? Bjs

Mensagem off

Fomos para o hotel, e não foi muito legal carregar o Jungkook o caminho inteiro, mas ele é meu irmão, irmão serve para isso.

Levei ele para o seu quarto e ele começa a falar comigo

-Ei S/N?

-Oi

-Sabia que você é muito gostosa?- ele dizia se aproximando

-Espera.- ele me dá um soco me fazendo ficar desacordada, e depois joga um copo de água em mim.

-Acorda piranha. Você precisa acordar- eu tento me mexer mas não consigo, eu estava amarrada e só com minha roupas intímas.

-Jungkook, o que é isso?

-Você vai receber  castigo por ser tão gostosa- ele começa a a deitar em cima de mim

-P-para Jun-gkook- falei em meio de lágrimas

-shhhh.

Ele começa a retirar minha calcinha e começa a penetrar em mim,ele fazia movimentos com os seus dedos em minha intimidade, eu só sentia dor, nunca tinha feito isso, enquanto isso ele retirava meu sutiã e começava a apertar meu peitos, eu não conseguia sentir prazer naquilo, mas ele gemia como uma cadela no cio.

-Ah- ah s-/n v-ocê é tã-o ap-er-ta-dinha

-Para Jungkook, deu!

-Quieta piranha!-ele bate na minha bunda e continua penetrando. Ele me vira e começa a penetrar de novo em mim, o que me fez chorar ainda mais.

-V-você nã-o di-sse q-ue eu so-u go-sto-so? Es-t-ou aq-ui, p-ronti-nh-o par-a t-e f-ode-r 

-Aquilo foi uma brincadeira Jungkook, brincadeira!- eu gritava em meio de lágrimas

-Ah-ahh s/n, e-eu v-vou go-zar

-Não Jungkook para!- dizia gritando

-a-ahhh! S/n olh-a co-mo vo-cê m-e f-ez -fi-car-e foi assim que eu dormi. Sendo estuprada, entre choros e gemidos nojentos. Não sei se ele continuou a fazer isso, mas eu só queria dormir, só isso.

[...]

Eu acordo já desamarrada, e me lembro só de flashes da noite passada que me fazer ter vontade de vomitar. Eu olho por debaixo do lençol e sim, eu havia sido estuprada. Começo a chorar instâtaneamente, eu só sentia nojo de mim mesma, eu queria tirar toda aquela gosma que parecia estar no meu corpo. Ponho minha roupa e vou para o meu quarto. Sento na minha cama e começo a chorar, eu queria morrer, morrer era a única coisa que passava na minha mente. Tomo um banho, e no meio pego minha gilete e me corto fundo, muitas vezes, passo e repasso a gilete até ter certeza que estava bom. Aqiilo me deu uma sensação de alívio, eu me senti bem por um momento, mas os flashes voltaram. Eu me perguntava porque, porque ele fez isso comigo, eu sou a irmã dele! Estava determinada em acabar com a minha vida, se não iria todos os dias fechar o olho lembrando daqueles flashes. Não tenho mais sentido em ser alguém em meio de 7 bilhões, ninguém se importa! Me troco e pego minha gilete, tento ser a mais discreta possível para subir ao último andar, e consigo.

Sento perto da beirada do prédio e começo a me cortar mais fundo ainda do que antes, mas dessa vez me cortei demais. Eu precisava colocar para fora tudo o que eu sentia

-Deus, eu queria agradecer todas as pessoas que você colocou em minha vida medíocre e ruim, quando minha mãe ficar sabendo, não faça que ela sofra muito, eu só era uma boca a mais para ela alimentar. Quando meu irmão souber, coloque em sua cabeça que a culpa não foi só dele, mas sim de todos que um dia já me humilharam, principalmente Park Jimin. Quando meus amigos souberem, deixem seu coração tranquilo, porque nada ajudaram para essa ação que estou prestes a fazer. Quando meu pai saber, quero que ponha no coração dele que não é certo ele fazer o que ele faz, e me dá tristeza de saber que sou um fruto de um estupro, mas minha me criou com muito carinho, é o que importa. Quando o Jimin souber, coloque em sua cabeça que eu gostei do beijo, mas ele foi um idiota em ter feito aquilo comigo, ele é um dos motivos de eu estar fazendo isso.- me levanto e fico na beirada do prédio e abro os braços - Deus me leve agora ou vou tirar minha própria vida!- espero algo acontecer mas nada acontece- então esse é um adeus. Adeus mundo medíocre, carente de amor e carinho.- quando estava prestes a me jogar escuto alguém dizer

-NÃO S/N!


Continuaaaa










Notas Finais


Gente o que acharam do meu primeiro hot? Sou iniciante, mas espero que tenham gostado.~ estão vivos depois do debut de Loona? Eu não!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...