1. Spirit Fanfics >
  2. A caçada obsessiva >
  3. Discussões.

História A caçada obsessiva - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Aviso essa personagem é de um anime chamado violet evergarden recomendo,ela está aqui para representar a Kara de 16 anos ^3^
Espero que gostem

Capítulo 13 - Discussões.


Fanfic / Fanfiction A caçada obsessiva - Capítulo 13 - Discussões.

Acordo me sentindo meio sozinha sem o calor de Mary....Abro meus olhos e vejo ela se vestindo.

(Tão atraente...)

Penso a analisando sem falar nada,ela se vira e me nota.

Mary:acordou.....

-sim,dormiu bem?

Mary:óbvio.....eu gostei muito.

-agente podia.....tentar mais vezes na minha opinião.

Eu digo envergonhada por seu elogio,ela olha para mim e sorrio acenando com a cabeça.

-você está mais calma agora?

Mary:sim....mas ainda é difícil ter que lidar.

-você escondeu isso de mim todo esse tempo?

Mary:sim,mas sabe....queria que você me respondesse algo.

-oque?

Mary:oque o General disse a você antes de irmos para a caça? 

-....

Flashback on.

Eu fui até a galeria pegar uma pistola e uma shootgun para mim usar caso lobisomens apareçam.

General:ola garota.

-ola senhor.

General:você....tem alguma relação com a Mary?

-humm....eu diria que somos bem próximas por que a pergunta?

General:eu só queria pedir para tomar cuidado.

-por que?

General:a Mary.....não é oque você pensa.....Ela é muito perigosa.

-sim mas,eu sei que ela nunca faria nada comigo.

General:então você realmente não conhece ela...

-Como assim?

General:digamos que Mary é.....instável demais para as pessoas,o psicológico dela é bem pertubado e talvez ela poça se descontrolar e acabar machucando as pessoas sem a intenção,entende?

-por que ela é assim?

General:digamos que a vida foi muito cruel com ela,ela perdeu seus pais aos 10 anos,perdeu seu melhor amigo,o tio em que ela mais confiava,ela não teve ninguém para confiar a única pessoa que a ajudou foi o Major David porém....Ela estava e está obcecada por vingança a maior motivação dela foi matar o causador de tudo,para que enfim ela descanse em paz como ela mesma diz,ela se tornou fria e violenta e ao passar do tempo a garota mais jovem e perigosa entre todos até hoje,todos os dias ela falava comigo de todo esse sofrimento em lágrimas,eu sinto muito dó dessa pobre garota sua mente é seu maior inferno,ela nunca teve paz,nunca superou seu passado trágico e não gosta de compartilhar ele com ninguém.

-.....eu não sei oque falar.

General:é realmente triste,por isso eu te peço para que tome cuidado e fico o mais longe possível dela.

(O mais longe possível de Mary? Não sei se consigo....)

-hum....bom é....eu vou embora.

General:espero que me ouça.

-não se preocupe.


Flashback off.


-não foi nada demais,ele só falou que estou fazendo um ótimo trabalho.

Mary:hum.....realmente você está muito bem querida.

-muito obrigada.

Eu digo sorrindo fazendo ela retribuir.

(Esse sorriso me derrete tão facil).

Mary:acho melhor você ir se vestir,estou ficando sem jeito com você sem roupa ainda.

Ela diz desviando o olhar para eu não ver seu rosto corando bastante,eu riu e ela desce a escada para eu poder me vestir,fico pensando sobre oque ele me disse.

(ela é mesmo perigosa mas eu não consigo ficar sem ela....eu a ajudarei custe oque custar,ela que me deu esperanças então eu darei esperanças a ela.)

Penso determinada em fazer de tudo para que Mary tenha a paz que merece,eu desci a escada e vi ela no sofá lendo um livro.

(Ela parece tão normal para alguém tão pertubada psicologicamente....)

Penso olhando para ela que estava concentrada em seu livro cuja capa estava escrita "a paz do meu mundo",eu fiquei meio mal em pensar que essa era a única coisa que ela queria.

-você está bem?

Digo calmamente indo a ela que tirou seu foco do livro para se direcionar a mim.

Mary:sim não se preocupe,só estou com dor de cabeça ainda mas acho que vou descansar mais um pouco para passar assim que terminar meu livro,afinal terei que estar de bom estado para a próxima caçada não é? 

-bom.....sobre isso.

Mary:oque foi?

-acho melhor você não continuar com as caçadas.

Mary:como assim?

-ontem você só piorou depois da nossa caçada,tenho medo que te afete novamente.

Mary:eu vou ficar bem,eu cuido de mim mesma.

-eu sei mas por quanto tempo?

Mary:.....

-viu? Nem você sabe se irá aguentar tudo isso,não vale a pena lutar sem tirar uma Folga.

Mary:vale sim por que iremos alcançar o objetivo mais rápido.

-então você prefere essa vingança estúpida do que sua saúde psicológica? Não se importa com você mesma? Não se importa.....comigo?

Mary:é claro que me importo.

-então pelo menos dois dias,descanse sem precisar se preocupar com tudo isso.

Mary:.....tabom...mas só hoje!

-eu disse dois.

Mary:eu só aceito um.

-*suspiro* tudo bem...ja é um avanço....

Mary:eu vou dormir então.

-certo.

É ruim pressionar ela desde jeito mas se ela continuar pode piorar ainda mais,então isso foi preciso não quero ver ela enlouquecer novamente,olho para ela que ja estava dormindo no sofá fazendo roncos fofos.

(Acho que ainda está bem cansada.)

-oque será que o Major acharia disso?

Me pergunto pensando se eu podia ou não sair,esse ela estar fingindo dormir e sair escondido? 

-será que e-

Alguém toca a companhia e abro e era ele.

-Como chegou na hora certa cara?

David:por que sou foda.

-....essa foi a melhor resposta que eu ja ouvi em toda minha vida.

David:bem louco.

-sim,pode entra.

David:General me conto umas coisas e-

Quando ele diz eu tapo sua boca imediatamente para caso Mary ouvisse.

-sera que eu e você poderiamos conversar no quarto? Não queremos acordar a Mary não é? 

Digo piscando para ele que entendeu imediatamente.

David:claro.

Eu e ele fomos para o quarto de Mary no segundo andar,eu fecho a porta e me viro para ele.

David:você não falou para ela sobre oque o General te disse?

Ele fala em tom baixo.

-claro que não se eu contasse ela iria ficar brava com ele,e poderia fazer uma bagunça.

Eu digo no mesmo tom de voz que ele.

David:eu sei mas ela devia saber não é? 

-Ela não precisa saber agora,ela não esta nos melhores dias,oque ela precisa agora é relaxar e eu não vou permitir que ela enlouqueça novamente.

David:isso não vai dar certo Kara ela não vai parar até se vingar.

-esta dizendo que concorda com a idéia dela continuar mesmo que tenha grandes chances de ela ficar louca?

David:confie em mim eu já tentei de tudo,mas só piorou o jeito é deixar ela fazer isso.

-Davi eu não estou convencida.

David:ela não vai desistir Kara,apenas deixe ela,tentar pressiona-la vai trazer dor de cabeça para vocês duas.

-ainda acho isso uma péssima idéia.

David:só estou avisando você pressionando ou não vai enlouquecer ela de qualquer maneira.

-...

David:bom....vamos parar de falar coisas negativas não é?  Me conte novidades! Como esta esse casal ai.

-Então....

Conversamos e eu acabei de contar a ele meu método "especial" para aquietar ela ontem.

David:vocês mal começaram e já estão transando assim? Mds.

Ele diz caindo na gargalhada,eu fiquei totalmente vermelha mas sorri em lembrar.

-fazer oque? Eu queria,ela queria então foi isso.

David:aquieto bem gostoso.

-cala boca idiota! Não fala assim!

David:eu menti por acaso?

-...

David:silêncio deixou isso bem claro.

-ai ai só você mesmo.

Continuamos a conversar e depois de horas conversando juntos Major decidi ir embora.

-tchau Major!

David:tchau Kara até amanhã.

Ele diz se afastando,eu fecho a porta e me viro para ver Mary sorrindo com os olhos fechados,eu me aproximo e fico em cima dela.

-eu sei que você está acordada.

Mary:...

-você não me engana,vai abre esse olhos.

Mary:to dormindo.

-ta nada.

Mary:to sim.

-eu sei oque vai te acorda então.

Eu digo começando a fazer cócegas nela,ela tentou se conter para não rir mas sem sucesso.

Mary:hahahahahahah.

-pelo visto ta bem acordada para mim.

Mary:você me pegou.

-sim....sabe.....sinto muito te pressionar.

Mary:esta tudo bem,eu sei que faz isso por que se importa muito comigo.

-então.....não está brava?

Mary:não querida.

-que bom.

Digo sorrindo.





Eu te amo muito.












Notas Finais


Gostou? Compartilhe e favorite!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...