1. Spirit Fanfics >
  2. A capitã >
  3. O que foi aquilo?

História A capitã - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


UMA COISA QUE EU ESQUECI DE DIZER ELAS NÃO SÃO DE MIAMI!!!! ELAS SÃO DE PORTLAND

Capítulo 8 - O que foi aquilo?


Pov. Camila

O jogo de Lauren rolava e eu não entendo nada de futebol, eu so entendo quando os outros torcedores hurran, xingem ou gritam comemorado o que aconteceu ou mesmo xingando o juiz. Eu acabei me destraindo uns 5 segundos e so escuto mais gritos com " vai chuta" ou " mais que merda isso foi falta". E la estava Lauren na frente do linha do gol com a bola em mãos falando com o juiz e ela deu um pênalti a ela e a torcida grita em comemoração por esse feito. Agora estava todos sentados em silêncio esperando o apido soar e Lauren chutar. Olho para ela e a vejo respirando fundo. Ela solta o ar e o juiz apida e logo em seguida a torcida se levanta comemorado e as lideres mexendo os pompos em comemoração ao gol que Lauren arrecem fez, e ela também comemorava com as outras jogadoras ja que esse estava sendo um jogo penoso e sufocante para elas.

No resto do jogo não houve mais nenhum gol mas vários xingamentos... o jogo terminou 1X0 para nós o que é ótimo para um início de campeonato... eu espero Lauren na frente do carro dela por um tempo e descido ir ver porque ela estava demorando pois estava começando a ficar mais frio onde eu estava parado. Vou ate o vestiário e vejo ela e uma mulher com um tablete em mãos conversando.

- Tu vai fazer 17 daqui a alguns meses isso?- ela pergunta para Lauren

- Isso- ela concorda

- Eu vou precisar falar com seus pais sobre isso e ver se eles aceitam a nosso proposta, a Srta. Ja ira ter uma salário que por enquanto não sera como os das granades estrelas... mas era um começo para a sua carreira. Eu presiso de algumas informações sua, como seu nome completo, sua idade, data de nascimento, seu número, número de um responsável, endereço...- a mulher fala para ela

- Meu nome é Lauren Michelle Jauregui Morgado, tenho 16 ano, 27 de julho de 2003. E uma coisa eu não sou uma mulher não completamente, eu tenho uma pênis eu nasci assim...- ela fala com um pouco de vergonha

- Nos ja sabemos- a mulher fala - sua treinadora nos disse tudo isso. Agora as outras informações...- e lauren termina de dar as outras informações para a mulher e depois elas se dão um aperto de mão e ela vai embora e logo vejo Lauren comemorar

- O que foi aquilo?- pergunto a ela que se assusta

- Eu rescebi uma proposta para jogar no time profissional do Portland thorns fc quando eu fizer 17- ela fala sorrindo

- Isso é ótimo parabéns- falo a abraçando

- Eu pressão falar para os meus pais- ela fala animada

- Mas antes me leva para casa- Eu falo

- Ah sim claro- ela fala rápido - nossa hoje tu foi o meu amuleto da sorte. E obrigada por topar entar nessa comigo e por ter vindo- ela fala me abraçando

- Vamos entrar no carro eu to com frio- eu falo e vamos ate o seu carro

E conversamos até chegarmos na frente da minha casa, ela sai do carro e me leva até a porta.

- Obrigada mais uma vez- e ela me beija, um beijo calmo e escutamos uma voz

- MÃE A CAMILA TA SE AGARRANDO NA PORTA- escuto Sofia gritar para dentro de casa

- O QUE?- escuto a voz de meu pai e Lauren me olha mais branca que o normal

- Vai logo- falo para ela que sai correndo ate seu carro e meu pai aparece na porta de casa quando Lauren da a partida em seu carro e sai rápido

- Vai me explicar quem era?- meu pai pergunta

- Não, por enquanto não- falo e entro na minha casa



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...