História A casa do Bobby - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias IKON
Personagens B.I, Bobby, Chanwoo, Donghyuk, Jinhwan, Junhoe, Personagens Originais, Yunhyeong
Tags Bobby, Bobby Babá, Chanwoon, Hanbin, Ikon, Jay, June
Visualizações 27
Palavras 645
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Cross-dresser, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Ei, vamos dá atenção ao filhotes, vamos?



- JI-WON DEIXA ESSA PUTA AI E VEM CUIDAR DO TEU FILHO!  - o baixinho faltava derrubar a porta de tanto bater/murros nela - JI-WON ISSO NÃO E HORA PRA TÁ TRANSANDO! EU AQUI JA FAZ MÊS QUE NÃO TRANSA MEU RABO JA ATE CRIOU UMA TEIA DE ARANHA!

- Aish, hyung! - o outro Resmungou do outro lado da porta - pode cuidar dele, não?

- NÃO! - o baixinho foi curto e grosso.

O baixinho voltou para sala onde estáva o seu sobrinho jogado no sofá, enquanto as outras crianças - duas delas estavam dormindo e uma no banheiro - 

- Largado no sofá, largado no sofá, largado no sofá, largado no sofá... - o pequeno ficou cantarolando enquanto ia escorregado no sofá, até chegar no chão - Largado no chão, largado no chão, largado no chão, largado no chão.

- Menino, por acaso tu ja tomou o teu remédio? - o baixinho perguntou indiferente - Eu hein. Eu não sou anormal para essa família ou ela e muito normal para mim.

- Tio, o que e anormal? - o garotinho perguntou se ajeitando no sofá de volta

- Anormal? E quando uma pessoa fica cantando, "largado nos sofá".

- Isso e ruim? 

- É muito... você pode ate morrer - o baixo desinteressado 

- Mas eu não quero morrer - o garotinho começou a querer chorar. 

- ah, você vai sim - o pequeno começou a chorar.

-  Hyung, eu disse para cuidar dos menino e não fazer ele chorar - o pai do pequeno paraceu só com uma calça moletom na sala.

- Nem é essa criatura que ta doente - o mais velho Resmungou - o dean que ta doente.

O mais velho apontou para o corredor onde ficava os quartos e o banheiro.

- Johnny está largado no sofá, largado no sofá, o johnny está largado no sofá - o pequenino voltou a cantar sua musica que o mais velho achava irritante.


Ja no banheiro onde estava o hyuk - dean, como seu pai o gostava de lhe chamar - vomitando tudo que havia comido no dia.

- Quantas vezes vou te que lhe falar hyuk? - ji-won o ralhou, mesmo não querendo ralhar com o seu filho.

- papai... - choramingou - está doento muito..

- Meu bebê - o moreno se abaixou ficando do mesmo tamanho do menor que esta abaixado no vaso do banheiro. - Credo, você ta fedendo meu filho.

- papai!

- Okay, vem vamos tomar um remédio para enjoo. - deu a descarga no vaso e carregou o filho no colo - KIM JINHWAN PEGA O REMÉDIO PARA MIM! AQUELE DE ENJOO.

- E EU POR ACASO TENHO DE MÉDICO? - O mesmo gritou de volta.

- De médico eu não digo.... - começou a rir - agora de puta.

O moreno caiu na risada.

- papai o que e puta? - o "largado no sofá" perguntou pedindo colo para o moreno.

- puta? E uma pessoa muito bonita... igual o seu tia jin. - mentiu - É o papai não pode da colo.

- Quero colo pai! - o menor de todo ficou emburrado e fazendo birra - Largada o hyuk e me pega!

- Amor, agora não... - o moreno ajeitou ssi filho mais velho no colo - olha.. vai pro colo do seu tio, hm?

- Titio mal.

- bobby, por estão gritando? - o rapaz moreno também perguntou parecendo na sala - O que o hyuk tem?

- John está fazendo birra como sempre - estalou a língua no céu da boca - e o hyuk está passando mal.

O rapaz pegou hyuk para seu colo e o levou para cozinha.

- Vai da colo ou não? - o menor disse meio bravo e fofo.

- Ainda bem que minhas meninas não são assim. - o mais velho se gabou.

- PAPAI, PAI! - a menina apareceu na sala - eu to namorando.

Ela sorriu de orelha a orelha, que fez um kim ji-wo rindo muito é um Kim JinHwan desmaiado.


Notas Finais


Oxi.. so isso?
Eu to sem ideia:') mas fiz tudo com carinho para vocês♡
Espero que gostem<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...