História A cidade do pecado - Capítulo 34


Escrita por:

Postado
Categorias Michael Jackson
Tags David Bowie, Drama, Fergie, Ficção, Michael Jackson, Prince, Revelaçoes, Romance
Visualizações 11
Palavras 1.203
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 34 - Capítulo 34: Threatened


Michael

Após 30 minutos de viagem, cheguei em minha casa completamente exausto e cansado depois de passar 2 dias na delegacia, pedi pra empregada preparar um banho, adentrei a banheira e senti todo o meu corpo descarregar aquela energia negativa da cadeia, estava quase adormecendo na banheira quando fui acordado por Harry que precisava acordada, coloquei meu roupão e fui até o meu escritório onde o Harry me esperava, assim que entrei na sala, dei um abraço no meu melhor amigo.

- É muito bom te ter de volta Michael

- Eu digo o mesmo meu bom amigo, é bom estar de volta a minha casa

- Mandei sua empregada preparar alguma coisa pra você comer, deve estar fome

- Depois eu como, tudo que eu quero é uma dose de whiskey

Fui até minha adega particular e preparei uma dose do meu melhor whiskey, Harry acabou me dizendo que estava muito cedo para ficar bêbado, perguntei a ele o que ele queria comigo pois estava com uma cara preocupada.

- Então Michael algumas péssimas notícias para lhe dar

- Então fale, não enrole

- Desde que você foi preso mesmo que tenha sido por pouco mais de dia e por um crime que você é inocente, a gravadora tem registrado uma certa insatisfação dos nossos acionistas, alguns acionistas querem afastar você da presidência da gravadora até às investigações acabarem Ao ouvir aquela notícia da boca do Michael joguei o meu copo de whiskey sobre a parede.

- Quem esses filhas da puta acham que são pra me tirar da presidência da MINHA gravadora? Não importa o que eles querem, eu tenho 40% mais os outros 40% do Bowie pra me manter na presidência, não importa o que eles querem não vão conseguir me tirar

- Más você tem certeza que o Bowie vai manter os 40% com você?

- Bowie não seria capaz de me trair e me tirar os 40% que eu tenho, ele é meu amigo, confio nele

- Eu também confio no Bowie, más talvez ele também esteja pensando na gravadora, além do mais o seu rosto está nas capas de principais revistas e jornais do país, de uma forma bem sensacionalista, sabe como os paparazzi são e como essas revistas de fofoca são bem repugnantes quando o assunto é criar histórias apenas pra vender, inclusive Michael, separamos algumas revistas que acusou você de ser culpado, podemos entrar com um processo assim que você quiser

- Não, não se preocupe com isso, não estou interessado em processar esses ratos, ligue para a gravadora, marquem uma reunião com todos os acionistas pra hoje

- Tem certeza disso Michael? Não seria melhor descansar?

- Você acha que eu tenho cabeça pra descansar logo agora enquanto aqueles filhos de uma puta querem roubar minha empresa

- Michael ninguém está tentando roubar sua empresa, não seja louco igual ao Prince

- Você está me comparando com aquele lunático filho de uma puta?

- Não Michael, eu não estou te comparando com o Prince, só estou falando que ninguém está tentando roubar sua gravadora de você, estão apenas pensando no melhor para a gravadora

- O melhor na gravadora é eu estar na presidência, eu fiz ela ser o que é hoje, eu enchi o bolso daqueles ratos de dinheiro, eles não podem me trair

Depois de uma longa conversa, estávamos partindo em direção gravadora para aquela que iria ser uma reunião tensa e desagradável. Fergie Finalmente estava aliviada por Michael estar solto, porém estava preocupada com a situação da gravadora da qual o Harry havia me alertado, estava louca pra saber como Michael, estava quase preparando meu carro, indo até à casa do Michael, quer saber?

- William!_gritei ao chefe dos meus seguranças

- Licença Senhorita Fergie, me chamou?

- Sim, prepare o carro, vamos sair em 10 minutos saímos

- Para onde vamos Senhorita Fergie?

- Para a casa do Michael Jackson

- Ok Senhorita, o carro está preparado em 10 minutos

Subi para pegar minha bolsa e meu telefone, desci as escadas o mais rápido possível, assim que entrei no carro que já estava preparado, partimos em direção a casa do Michael em Los Angeles, espero encontrá-lo lá. Michael Após trocar de roupa e comer alguma coisa, eu e Harry partimos em direção da gravadora até que fomos brutalmente surpreendidos com a chegada de Fergie.

- Fergie, o que está fazendo aqui?

- Ah estava apenas passando pela região e vim ver como é que você estava

Fiquei surpreso pela visita da Fergie, era interessante, como ela parecia se preocupar comigo.

- Ah eu estou bem, não disse que eu vazo ruim não quebra?

- Vocês dois estão de saída?

- Sim, estamos indo pra gravadora resolver alguns problemas

Não sei o que deu em mim, porém acabei convidando a Fergie para ir com a gente.

- Quer ir com a gente?

Fergie aceitou de bom grado dizendo que sim, falou que ia nos seguir em seu carro, então com os carros preparados partimos para a gravadora.

Após 20 minutos, chegamos na gravadora com Fergie logo atrás da gente, entramos com presa para a entrada dos fundos, subimos de pressa para a sala de reunião do último andar, enquanto estavamos chegando na sala encontramos o Bowie a nossa espera.

- É bom te ver livre Michael

- Obrigado meu amigo

Sem perder tempo perguntei para o Bowie se todos estavam alí, ele disse que sim, então entramos na sala.

Estavam todos os sócios e acionistas da corporação alí, um deles começou a falar. - Bom, como você já deve saber Michael, a sua prisão, mesmo que por dois dias, afetou os negócios, não devia ter se envolvido nisso, tem artistas querendo cancelar artistas com a gente_a fala de um dos acionistas foi interrompida quando outro acionista saiu em minha defesa

- Michael pode ter envolvido o nome da gravadora nessa situação más tudo que temos hoje é graças a ele, nenhum de vocês tem o direito de quere-lo tirar da presidência, além do mais, Michael tem 80% das ações, isso é o suficiente para mantê-lo na presidência_um terceiro acionista levantou-se e disse que o único jeito de tirar o Michael da presidência, era fazer com que o Bowie tirasse o 40% das ações dele do controle do Michael_nesse momento o Bowie se levantou e com tom de voz sério disse que não iria tirar a suas ações do meu controle, agora o Harry se levantou.

- Acho que essa reunião está acabada Então um dos acionista falou.

- Como está acabada se ainda nem começou?

- Se o Bowie não vai tirar suas ações do controle do Michael, não ha por que continuar essa reunião, afinal 80% das ações estão no controle do Michael, fazendo com que ele fique absolutamente seguro na presidência e nenhum de vocês pode questiona-lo_Harry falou

- Foi um prazer fazer parte desta reunião, ah, aliás como eu poderia não me envolver nisso?, se fosse alguém que você gosta, não faria o mesmo? a vida de uma pessoa estava correndo risco de vida, que aliás é uma pessoa que tem contrato com essa gravadora e que em breve lançara o seu primeiro CD sobre nosso novo selo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...