1. Spirit Fanfics >
  2. A Cobra Esguia, não tão esguia assim... >
  3. Sincero

História A Cobra Esguia, não tão esguia assim... - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Bem ruim, eu sei...

Capítulo 1 - Sincero


 

Soluços eram ouvidos do lado de fora do banheiro feminino. Uma figura encapuzada se encontrava encolhida no meio do chão enquanto segurava com força um pedaço de papel molhado. Os fios escorridos embaçavam a visão do rosto branco como mármore. Mas, conhecendo a postura encurvada da pessoa e o nariz parecido com um gancho, saberia que se tratava de Severo Snape.

Era uma visão atípica para Potter do seu maior rival. Quando o sonserino sempre possuía aquele ar de superioridade, como se nada o afetasse. Se pego por um feitiço, ele voltaria seu olhar pro alto e perguntaria “Só isso?” Sem nenhuma emoção no rosto. Era patético e mesmo assim, James, se remoía de raiva.

“Alguma coisa, expresse alguma coisa”

Não importava que era o começo do ano e que, teimava em dizer, ser culpa de Lily Evans e a amizade que ela mantinha com o ranhoso. Lily não era a principal causa para transformar a vida de Severo em um inferno e isso, bem, o assustava.

“Não era Lily”

Então, a primeira coisa que James descobriu bem cedo sobre Severo é que ele não quebrava. Podia sofrer qualquer coisa, mas nunca choraria. O que levava a outra descoberta, ele era orgulhoso e muito parecido com o próprio James.

Sem sequer pensar, o maroto chegou perto do outro menino e ficou ali parado sem saber o que fazer. Um tempo se passou assim e Severo pareceu se acalmar, com a voz embargada perguntou:

“Veio rir foi?”, e olhou para cima risonho. “É tudo o que você mais queria, não? Seu querido Ranhoso quebrado. Você deve estar se achando o maioral.”

E ele não estava, por algum motivo, não estava.

Parecendo o certo a se fazer, James sentou do lado sonserino e pós suas mãos na costa menor. A não ser pelo leve tremor, a magreza estrema que se sentia pelo toque assustou James.

Há quanto tempo Severo não comia direito?

O outro menino tentava se recompor, apenas para se encurvar e tremer cada vez mais.

“Seu segredo está seguro comigo”

E diante dessas palavras, voltava a chorar.

Da parte do papel não molhado por lágrimas, lia-se o nome:

 

"Eileen Prince"

 

...

 


Notas Finais


Muito obrigado se você chegou até aqui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...