História A coreógrafa Park Jimin-hot-bts - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 190
Palavras 1.098
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi nenys! ^-^

Mais um aí..

Espero que gostem 🌚🔥🔥

Boa leitura <3

Capítulo 18 - Cap- 18


Fanfic / Fanfiction A coreógrafa Park Jimin-hot-bts - Capítulo 18 - Cap- 18



~****~ 



 Durante o filme senti uma mão acariciar minha coxa, não reagi em nada, estava intacta! Deixei a mão la mesmo e continuei a assistir o filme, essa mãozinha começou a tomar o rumo para outro lugar... 

 Rapidamente peguei na mão dele e a entrelacei na minha, gostei da minha atitude, resolvi ir adiante, coloquei minha cabeça no ombro dele e me ajeitei pra ficar completamente confortável.



 ~****~ 



 O filme acabou e nós pegamos nossas coisas, jogamos o negócio da pipoca e do refrigerante no lixo e saímos. 

 Eu e Jimin saímos de mãos dadas não sei por que nem somos namorados e já temos essa intimidade toda.  

 Fomos andando até a saída e antes de sair eu disse a ele que iria ao banheiro. Entrei no banheiro fiz os coisinha lá e fui lavar minhas mãos. Quando me olhei no eapelho vi aquela tal de Yang e logo do lado dela a tal de Sook. 

 Estávamos só nós três lá dentro, estava reforçando meu batom quando sinto uns pingos de água no meu rosto. Foi aquelas bando de fdp.

 -S/N: Fdp! Tu tá doida é seu demônio? - olhei pra ela puta da vida. 

 -Y: Me respeita garota não sou filha da tua mãe não pra ti ta me chamando desse jeito - ela revidou e revidou de um jeito que meu sangue ferveu. 

 -S/N: Saí daí sua quenguinha dos inferno, paga de doida tu ne? Tu não mexe comigo não que tu não sabe do que eu sou capaz meu anjo. - falei dando as costas e batendo a porta. 

 Saí do banheiro emputessida, Jimin percebeu a expressão que eu estava e não perguntou nada, achei bom mesmo ele não me perguntar por que eu tava doida pra descer a voadora em alguém. 



 ~****~ 



 Jimin abriu a porta do carro pra mim e eu saí do mesmo ele travou o carro e foi me acompanhando até o meu quarto. 

Cheguei na porta e Jimin estava atrás de mim. Abri a porta e vi que Keitty ainda não tinha chegado. 

 -S/N: Tchau Jimin. - falei sorrindo e lhe dando um beijo na bochecha - A noite foi ótima! Obrigada. 

 -JM: Pra mim também foi. Tchau - Se virou pra ir embora e quando eu iria me virar pra fechar a porta - S/N!. - Me virei e fui surpreendida com um beijo.

 Aqueles lábios meodeos, Senhor como assim você teve coragem de fazer um homem com uma boca dessa? 

Jimin foi me aproximando um pouco da porta ele entrou comigo, me virou e me jogou de costas pra porta a fechando, senti suas mãos descendo pela minha cintura indo em direção a minha bunda onde ele a apertou, subi minhas mãos atrevidas até seu pescoço arranhando o mesmo, subi pros cabelos e comecei a puxa-los de leve. 

 Sentimos a falta do ar então demos um tempo do beijo, Jimin me levantou em seu colo e foi dando passos cegos até chegar na cama, ele se sentou na mesma comigo ainda em seu colo, novamente me beijou, aquele beijo parecia necessariamente necessitado e cheio de luxúria e eu tratei de corresponde-lo.

 Jimin desceu suas mãos até minha coxa as apertando, nos separamos novamente por falta de ar, o mesmo atacou meu pescoço, tombei minha cabeça para trás o facilitando, por instinto comecei a rebolar em seu colo o ouvindo dar um gemido, ele voltou a beijar meu pescoço e senti um chupão ser depositado no mesmo, certamente deixaria marca.

 Senti sua mão adentrar minha blusa e logo tocar meus seios, porém logo em seguida sua atenção foi a procura do feixe do sutiã, assim que ele o acho jogou o mesmo para trás de si junto com minha blusa, nem se quer perdeu tempo e foi logo abocanhando meu seio esquerdo e massageando o direito, quando enjoou dos mesmo ele me colocou na cama, e foi descendo uma trilha de beijos até meu ventre, onde deu uma leve mordida me fazendo arfar, me olhou e sorriu ladino, e em seguida foi tirando minha única peça de roupa e jogou em algum lugar do meu quarto e começou a me estimular com seu polegar então levou sua língua até minha intimidade e começou a chupa-la. Levei minhas mãos até seus cabelos os puxando para obter mais contato.

 O mesmo introduziu dois dedos em minha entrada me fazendo arquear as costas e gemer, senti uma enorme onda de prazer e minhas pernas ficarem bambas e eu me desfiz em seus dedos e quando fui trocar de posição com ele, o mesmo me empediu. 

 - Não... Hoje quem manda aqui sou eu - o mais velho falou malicioso retirando sua calça e boxer deixando seu membro exposto, o mesmo retirou um pacote de dentro de sua calça o colocando na boca me ajeitando na cama tirou o pacotinho da boca o rasgando a proteção e logo me penetrando, afundei minhas unhas em sua costa e então as estocadas começaram lentas mas eram prazerosas, e logo aumentou os ritmos da mesma fazendo com que a cama rangesse. Depois de vários movimentos atingi meu orgasmo pela segunda vez na noite, mas como Jimin ainda não tinha chegado lá me levantei da cama e o mesmo se sentou na beira da mesma  me ajoelhei no chão, tirei o preservativo e comecei a masturba-lo, abocanhando o seu membro começando a chupa-lo seus gemidos roucos eram como melodia para meus ouvidos, cada movimento que eu fazia sentia suas veias dilatarem, anunciando que seu orgasmo estava próximo, aumentei o ritmo e ele se desfez em minha boca. 

 Ele se deitou na cama e logo me puxou para deitar em cima do seu peito. Logo ouvi meu celular tocando. peguei o mesmo e o atendi. 



 LIGAÇÃO ON 


 -K: S/N, não vou voltar hoje só amanhã tá bom?

 -S/N: Beleza. 2 beijos.

 -K: Tchau. Desliguei 


 LIGAÇÃO OFF.


 -JM: Quem era? - Me olhou. 

 -S/N: Keitty. - olhei deixando meu celular em cima do criado-mudo. 

 -JM: Assim. - falou se ajeitando. 

 -S/N: Vou tomar  um banho ta bom? - falei me levantando. 

 -JM: Tá bom. Peguei minha toalha e fui em direção ao banheiro, só  encostei a porta mesmo por que tinha um homem aqui então ne...

 Entrei de baixo do chuveiro deixando a frieza da água me levar. 

Quando do nada senti alguém me abraçar por trás e beijar meu pescoço, logo me virou de frente em um movimento brusco e foi tomando meus lábios pra si. 

Me encostou na parede e levantou minha perna direita logo em seguida me penetrando novamente.

 E lá vamos nós pro 2° round.   


Notas Finais


Inhaiiii?👀

Gente do nada eu comecei a falar minhas gírias na hora da discussão com a Yang ksksks.

Bom mores. É isso ai. Pensei logo em tacar um hot nesta caralha, por que cês são foguetas que eu sei 🌚🔥

Bejo mores.💕

Relevem os erros🌸

~Não desistam de mim♥~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...