História A Cortesã - Capítulo 8


Escrita por:

Visualizações 219
Palavras 414
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Fota da Catharine abaixo:

Capítulo 8 - A nova Cortesã - PARTE 03 FINAL


Fanfic / Fanfiction A Cortesã - Capítulo 8 - A nova Cortesã - PARTE 03 FINAL

Karol

Os meus dias nessa nova casa
estão sendo um pouco
conturbados. Meu quarto é do
tamanho da minha casa là na
Itália. Eu estava conversando
com o senhor Alfredo, e hoje eu
retornaria para às aulas de
balé. Eu estou tão anciosa! O
mais estranho é que o Sr.
Alfredo disse que não era
para contar para sua esposa, a
Catharine. Essa mulher vem
me mostrando ser uma mulher
muito estranha e sinistra nesses
dias que eu cheguei. Até em tão
comigo ela vem demostrando
ser uma mulher boa, até aulas de
etiquetas ela está me dando.
Sinceramente eu não sou boa
nisso de aulas de gente fina.
.
Enfim chegou a hora, e eu
fui até a escola de dança.

Umas das professoras me vê
chegando e vem correndo até
a mim com um certo tipo de
pressa.
- Karol! O que você
faz aqui? Já te falamos que
nada aqui é de graça, em tão
trate de ir embora!

Ela fala isso e vira as costas
para mim, partindo meu
coração.
- Eu tenho o dinheiro
da dívida. Agora me deixe ir a
aula, e me dê meu uniforme,
agora.!

Falo com um certo tipo de
autoridade na voz, deixando a
professora com os olhos
arregalados.

.
Enfim eu conseguir o que eu
queria, estava na aula com as
demais garotas, algumas já são
bailarinas profissionais. Mais
o Pior de tudo é que eu não sei
fazer nenhuma dessas piruetas
e esses giros, a cada aula a
aluna que mais fosse péssima
na aula era eliminada da
escola. Eu não posso ser mal
logo hoje.
.
Começamos com ums
alongamentos, todos difíceis
para uma iniciante como eu.
O Professor mandou todas
abrir escala, todas desciam com
toda perfeição menos eu.
Quando ele mandou todas
levantar eu acho que eu fui a
única a ficar no chão, eu não
conseguia me levantar, estava
literalmente imperrada, ele
começou a me encarar quando
eu finalmente consigo me
levantar... Graças a Deus eu não
fui eliminada, lá atrás uma
garota passou dez minutos
imperrada e foi a eliminada
para a minha felicidade.
.
Chegando em casa...
Quando eu cheguei em casa havia várias
ambulâncias em frente aquela
imensa mansão. Entrei
desesperada para dentro e me
deparei com a Catharine
chorando na porta do quarto
do Senhor Alfredo:
- O que aconteceu D.
Catharine? Porque todas
essas pessoas?

[esquerda]- O Alfredo..... O
Alfredo, ele...ele... Morreu..............[/
esquerda]
O que será da Kah
agora depois dessa notícia
em?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...