1. Spirit Fanfics >
  2. A crush on my best friend - MITW >
  3. Day 5 - What did you come here to do?

História A crush on my best friend - MITW - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Aah, acho q eu vou fazer com que algumas partes de Mitw além de Cellps e Jvtista, demorem um pouco, se n fica sem graça..não acham ?
:^

Capítulo 5 - Day 5 - What did you come here to do?


P'vos Pac ~💙

Estaria tudo calmo, até que, a campainha é tocada. Eu apenas me levanto e vou até o local aonde se encontrava Mike parado ali na frente da porta, parecia estar surpreso ou algo do tipo. Então, me aproximo um pouco do mesmo e.. teria uma garota em sua frente sorrindo pra o mesmo, eu, sem entender muita coisa me aproximo e faço a seguinte pergunta: staria tudo calmo, até que, 

- Desculpa atrapalhar, mas quem é ela, Mike? - pergunto um pouco confuso -

- A-ah.. é a minha namor- ele é interrompido por a mesma correndo em minha direção, e em seguida ela teria pulado, eu a seguro e a abraço -

- PAAAC. <33 - a mesma me abraça forte -

- BÁRBARAAA. - eu olho pro lado e Mike estaria com uma expressão de ciúmes, acredito que seja por ela -

- Quanto tempo, muita sorte minha ter te reecontrado novamente. - diz ela soltando um sorriso amigável, eu apenas retrebuio sem dizer sequer uma palavra - Por que você está tão quieto? - perguntava a garota enquanto passava a me encarar -

- A-ah..n é nada, eu sou assim mesmo.. - digo desviando o olhar e passando a encarar Mike -

Ela logo segue o meu olhar pra Mike. Eu a olho e ela faz a mesma coisa com uma expressão de malícia.

A mesma se aproxima de meu ouvido, e diz a seguinte frase:


- O Mike é tão atraente, não acha? - dizia  num tom de provocação, e logo em seguida começaria a corar violamente, me afasto dela e a mesma solta uma risada -

Mike ainda estaria observando a gente sem entender nada, o mesmo percebe que eu estaria corado e logo em seguida passa a encarar Bárbara. 


- Vamo..vamo parar com essa besteira ae! - dizia o maior mudando o olhar pra mim com uma expressão de irritado -

- Pfft.. - tampo a minha boca com a mão, tentando encontrar alguma solução pra que eu não deixasse escapar a risada -

- Mikhael, com ciúmes? - dizia a garota soltando uma risada -

Eu logo deixo escapar uma risada boba e fofa, fazendo com que o maior ficasse mais irritado doq antes. O mesmo faz uma expressão de debochado e logo em seguida alguns gestos com a mão, fazendo com q eu ficasse rindo mais doq o normal. 

Q.D.T.P ~🍃

Horas ss passaram e eu estaria jogado de barriga pra cima no sofá, não tinha nada melhor que estar deitado ali, brinsando, até por, já era 2 horas da tarde e estaria ali sozinho sem ninguém. Mike, taria com a Bárbara em seu quarto, provavelmente dormindo. Felps, acho eu que estaria gravando vídeo ou editando pra seu canal. Já Jvnq, Cellbit e Batista pelo o que eu vi, eles falaram que iriam sair pda comprar algumas coisas que não seria comida, sendo que ja tem..Então, possa ser objetos ou roupas.

Eu fecho os meus olhos por alguns minutos, tentando fazer com que eu dormisse, mais minha tática não deu muito certo. Depois de ter tentadl aquilo, decidi me levantar e ir diretamente pra cozinha, estava tudo tão calmo. Sem gritaria, sem ninguém falar sequer uma palavra. A única coiss que se encontrava ali, era meu único suspiro e um sol se pondô, a luz brilhava ao lado da janela que se encontrava aberta, dando uma linda cena naquele local. Eu então, percebo algumas panquecas que estariam em cima da mesa. Do seu lado teria um pequeno papel, eu a pego e estaria escrito a seguinte frase: "Eu sei que você não comeu nada no almoço, então eu fiz essas panquecas pra te ajudar, espero que goste - Por Cellbit" eu solto uma risada baixa e boba, logo botando o papel sonbre a mesa.

- Você não tem jeito mesmo, Cellbit. - digo me sentando na cadeira e logo começaria a comer os mesmo - 

O sabor era adorável, era fofinho só de tocar! parece que ele se esforçou bastante pra deixar ambas crocantes..obrigado, amigo. 

Eu já teria terminado de devora-las, então me levanto e logo acompanhado com o prato que se encontrava vazio. Boto o objeto delicadamente sobre a mes e depois de ter feito isso me dirijo pra sala, que ainda não tinha ninguém chegado. Provavelmente, eles cheguem tarde, até demais. Me sento no sofá e fico por ali. A única coisa que eu tenha me lembrado foi.. de ter adormecido naquele movél e ter escutado alguns passos a minha direção.


P'vos Mike Batista ~🥔

A gente ainda estaria num Shopping por conta de o Cellbit estar demorando pra escolher um só objeto, o mesmo estaria confuso entre os dois objetos que estariam em uma platireia. Eu apenas fico ali parado junto ao lado dr Jv, que estaria com algumas sacolas em sua mão. Bem, eles não foram os únicos que fizeram as compras. Pois, em minhas mãos se encontrava duas sacolas, leves. Não comprei muita coisa, por causa de meu quarto estar um tanto quanto lotado.

Ficamos horas ali, até que Cellbit finalmente decide qual dos dois levar. Ele levanta o objeto pra cima e passa a olhar a gente enquanto gritava nossos nomes com um "VAI SER ESSE AQUI MESMO!" com uma expressão de alegria. Apenas passo um pouco de vergonha ao saber que teria tanta gente ao nosso redor, nos encarando.

Depois de termos nos retirado daquele local vergonhoso. Teríamos escutado o nome de Cellbit só que com um "Cellbixa!", a gente olha pra trás e se depera com .. quem é aquele mesmo?, ah, o Alan. 

- ALAN, SEU MALANDROOOO! - dizia cellbit correndo direção a Alan que estaria com umaexpressão de retardadisse -


- CELLBIXAAA! - os dois começaria a dar pulinhos de felicidade, parecendo duas crianças que se reencontraram novamente - 

Jv e eu estariamos ali parados, observando os que estariam dando alguns pulinhos enquanto ambos diziam "TEEU CU É AMARELOO", sem muita explicação por estarem dizendo isso, mas se é o jeito qur ambos se tratam. Não poderia fazer nada, agora, eu imagino se os 3 se encontram juntos..Ah, vai ser um tanto quanto barulhento. Tô até vendo que precisarei de um tapa ouvidos.

P'vos Mike ~💚
Eu estaria ali deitado com a Bárbara, esperando com que a mesma adormecesse por completo. Alguns minutos se passaram e a mesma já teria adormecido. Me levanto calmamente e dou passos lentos e baixos  pra que não a acordasse. Me retiro daquele lugar e vou logo pra cozinha, mas de repente uma pessoa teria chamado a minha atenção, me aproximo da sala e me deparo com um moreno deitado sobre o sofá. O mesmo estaria com seus cabelo bagunçados, seu rosto encontrava completamente adormecido. Parece até que esse sono é profundo.. Eu me aproximo de seu rosto e lhe retrebuio um beijo em sua testa, senteria seu rosto esquentar rapidamente e logo me afasto.. formando em meus lábio um grande sorriso. 

Depois de ter feito isso, vou logo diretamente pra cozinha e percebo a burrada que fiz. Eu fico completamente corado e tampo minha boca com a minha mão, enquanto a outra se apoiva em uma pia.. Fico assim por um longo tempo e logo em seguids escuto passos se dirigindo a cozinha, me viro de frente pra Pia, tentando encontrar alguma maneira de se disfarçar.

- Moh?, tá tudo bem? - perguntava uma voz um pouco sonolenta que se localizava atrás de mim -

- S-sim.. - digo gaguejando, fazendo com que a mesma percebesse -

- Tem algo que ta te perturbando..? - dizia ela perguntando -

Eu fico quieto e apenas sinto uma mão em meu ombro, essa mão fez com que eu virasse brutalmente. Revelando um rosto com uma expressão um tanto quanto preocupante. Eu, tento esconder meu nervosismo soltando um sorriso forçado enquanto estaria corado.

- Mike, você está com febre? Vc ta bem vermelho.. - ela coloca uma de suas mão em minha testa logo depois em meu pescoço - 

- E-eu.. to bem. - viro meu rosto pro lado e logo em seguida solto um suspiro -

- Mike..? O que tem de errado com você? - perguntava a mesma, virando meu rosto pra sua mesma direção - 

- Não se preocupa, meu bem. Estou bem, só estava um pouco .. hm .. nervoso. - digo e logo retrebuio um beijo em sua testa -

- Ufa, pensei que você estava doente ou algo do tipo.. - dizia a mesma me abraçando -

Ficamos ali por um tempo, até escutarmos um "CHEGAMOS SEUS BOI!" me separo do abraço e me deparo com uma pessoa ao lado de Cellbit, me aproximo um pouco mais da sala e logo vejo que Pac já teria acordado, o mesmo estaria emburrado com ambos que estariam em sua frente sorrindo.

- Eu nunca posso dormir em paz.. - dizia o menor cruzando os braços em seguida de umas bochechas inflamadas, deixando tudo aquilo fofo -

- Você poderia ter descansado no seu quarto. - disse cellbit em sua frente - alias, você fica muito fofo assim! - ele pegaria nas bochechas do mesmo e começaria a aperta-las -

- P-para! - o menor estaria reclamando, enquanto tentava retirar as mãos do garoto -

- Não mesmo. - dizia ele enquanto soltava risadas longas - 

- Hm.. o que o Alan veio fazer aqui? - digo perguntando um pouco confuso -

- Ah, sei não. Essa prostituta surgiu do nada e agora vai passar a morar com a gente. - dizia ele enquanto passava a encarar o mesmo -

- Ó caraio, eu não sou uma prostituta não, tá querido? Me chame de banana invertida que te faço de invertido. - pronunciou o garoto que logo fez o de olhos azuis começar a rir -

Eu me aproximo de Alan, e logo estico uma de minhas mão, como se fosse um comprimento. O mesmo cende na hora. 

- Bem vindo ao nosso lar. - digo soltando um grande sorriso -

P'vos Pac ~💙

Todos nós estaríamos rindo com algumas piadas que Alan fazia, tudo estaria correndo bem até ..que sinto uma vibração em meu bolso, logo a pego e percebo que era ..a pessoa que eu menos esperava. 

? - Pac, tenho que conversar com você, de um tal assunto.. - a voz que se localizava atrás da tela, estaria um tanto quanto desanimada e deprimida .. -






















Notas Finais


Continua amores ?
Terminei esse cap agora, deveria ter saído ontem, porém.. tive aula de manhã e não deu tempo.
Mas o importante mesmo é que saiu. :)


Desculpa por alguns erros ortográficos, prometo melhorar os! #MITW


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...