História A dança da sedução - INTERATIVA - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias A Seleção
Personagens Personagens Originais
Visualizações 16
Palavras 529
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa noite...

Capítulo 30 - 28


Fanfic / Fanfiction A dança da sedução - INTERATIVA - Capítulo 30 - 28

POV. Annelise

“A beleza pode ser perigosa, mas a inteligência é letal.”

Estava contando os dias para ser mandada para casa, ainda não entendi bem, o meu papel nesta seleção, se o Príncipe nem ao menos quis ter um encontro com a minha pessoa. Em verdade, eu não estava nem aí para o que ele sentia ou deixava de sentir quando me via, já que estava nessa seleção apenas para enaltecer um sonho que sempre fora da minha mãe.

Nunca me dei ao trabalho de pensar na família real, ou algo relacionado a seleção, visto que sempre estive lendo algo sobre a figura de Nahan, ignorava e voltava para os livros de medicina. Ao que devo ressaltar que exercer o serviço de cirurgiã vem desde a morte de papai.

- Senhorita Fortet, o Príncipe solicita a sua presença em um jantar especial. _ ouvi minha secretaria dizer, enquanto me mantinha sentada sobre a acolchoada cama lendo um dos livros que encontrei na biblioteca do castelo.

- Tenho realmente que ir a esse possível encontro?

- Creio que sim, senhorita.

- Então, por gentileza, prepare algo para minha pessoa. _ digo ao me levantar e ir preparar o meu banho de espumas.

- Não quer ajuda com os sais?

- Muito obrigada, mas não. Sei monitorar esta parte muito bem, ao que solicito apenas sua ajuda para escolher o traje certo.

- Como quiser...

***

Lenços em cores e estampas fortes estavam espalhados na pequena sala, dando ao recinto um toque étnico. Almofadas grandes fora posta em torno de uma mesa baixa, ao que acreditei que este momento ia ser bem no estilo do anfitrião. Uma música árabe ao fundo podia ser ouvida, enquanto um incenso ajudava a criar um clima um tanto romântico demais.

- Espero que possa desfrutar desse jantar, tanto quanto a minha pessoa. Em verdade, esta muito curioso com relação a sua pessoa, visto que quase não a vejo perto das demais selecionadas.

- Digamos que eu não dou a mínima para o que elas estão fazendo, ao que não me esforço para ser legal para com as mesmas.

- Então quer dizer que é competitiva?

- Depende do ponto de vista.

- Qual é o que se encaixa mais, para a senhorita?

- Estou competindo pela vontade de voltar para casa, o mais breve possível.

- Não está gostando da hospedagem? Alguém lhe fez mal?

- Olha, eu fatio pessoas para sobreviver, isso no mínimo é terrível. Ao que acredito que sou um monstro, se esquecermos o meu sorriso lindo e o quanto meus olhos são azuis e tudo mais, e forcarmos só no que estou dizendo agora, pode me considerar uma pessoa horrível, que fatia pessoas _ frisei essa parte novamente. _ Então se não for pedir muito, só me dispense logo para que eu possa a vim a voltar a fatiar as pessoas, como bem gosto.

- Esse é o seu sonho de Princesa, por assim, dizer?

- Digamos que sim.

- Então, sinto em desaponta-la. Agora se não se importa, quero desfrutar desse delicioso jantar, e agradeceria se fizesse o mesmo.

- Como quiser, Vossa Alteza! _ respondi ao dar de ombros.


Notas Finais


E ai o que acharam desse encontro?
De zero a dez, quanto acham que o Nahan vai desistir dela?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...